conecte-se conosco


Policial

Homem investigado por furto de gado no Araguaia tem prisão preventiva cumprida

Publicado


.

Assessoria/Polícia CiviL-MT

Policiais civis de Barra do Garças (509 km a leste de Cuiabá) cumpriram na quinta-feira (09) mandado de prisão preventiva contra um homem investigado em inquérito que apura furto de gado na região. O mandado foi cumprido pela equipe da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), responsável pela investigação. 

A prisão preventiva faz parte da representação feita pelo delegado Nelder Martins Pereira para responsabilização de mais um dos envolvidos nos crimes de associação criminosa, receptação de animal, falsidade ideológica e uso de documentos falsos.

O delegado explica que essa prisão é desdobramento das investigações que tiveram início em 24 de junho, quando investigadores da Derf, com apoio da Polícia Militar de Barra do Garças, abordaram três caminhões que transportavam juntos 60 cabeças de gado bovino. A Polícia Civil apurou que o gado furtado de uma propriedade no município de Alto Garças.

 

Um dos caminhões apreendidos com gado furtado

Um dos caminhões apreendidos em junho com o gado furtado

As investigações apontaram que o homem preso nesta quinta-feira foi o responsável pela contratação dos fretes dos caminhões e também por entregar as notas fiscais e as GTAs (Guias de Transporte Animal) dando ao gado a aparência de produto lícito.

Além disso, as evidências levantadas apontam que suspeito articulou tanto para a retirada do gado no local do furto, quanto para o tráfego, até ocorrer a abordagem policial. A todo instante, os motoristas seguiam sua orientação.

O gado seria desembarcado na propriedade de outra pessoa envolvida nos crimes em apuração, na cidade de Araguaiana, próxima a Barra do Garças.

Conforme o delegado Nelder Martins, os investigados devem responder pelos crimes associação criminosa, receptação de animal, falsidade ideológica e uso de documentos falsos, conforme tipificados nos artigos 288, 180-A, 299 e 304 do Código Penal Brasileiro.

O suspeito preso está preso na cadeia pública de Barra do Garças, à disposição da Justiça para as providências cabíveis.

 

Fonte: PJC MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Polícia Civil apreende 204 tabletes de maconha em caminhão apreendido para leilão

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, em ação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), apreendeu 204 tabletes de maconha, na manhã desta segunda-feira (10.08), na região do distrito Industrial, em Cuiabá. A droga foi encontrada no interior de um caminhão que estava apreendido em uma empresa de leilões.

Durante investigações relacionadas ao tráfico de drogas, os investigadores da DRE receberam informações de que um caminhão chegaria à Cuiabá, transportando um grande carregamento de entorpecentes.

Com base nas informações, os policiais iniciaram pesquisas para identificar o veículo, descobrindo que o caminhão estava apreendido por força de mandado de busca e apreensão, no pátio de uma empresa de leilões, em razão de dívidas junto a uma instituição financeira.

 

A equipe da DRE foi até a empresa em que o caminhão estava apreendido e durante fiscalização minuciosa no veículo encontraram dois compartimentos ocultos e um estepe, onde a grande quantidade de drogas estava escondida, sendo realizada a apreensão de 204 tabletes de maconha.

Segundo o delegado da DRE, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, as investigações estão em andamento para identificar os responsáveis pela carga de entorpecentes.

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Mandados de prisão e de buscas são cumpridos em mais uma fase da Operação Reclusos

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Em continuidade à Operação Reclusos, que investiga grupo criminoso envolvido em diversos crimes na região de Lucas do Rio Verde (354 km ao norte de Cuiabá), a Polícia Civil, em integração com demais forças de segurança do município, cumpriu mandados judiciais na manhã desta segunda-feira (10). Essa fase da operação, com participação de policiais civis, militares e penais resultou na prisão de uma suspeita e apreensão de quatro aparelhos de telefone celular.

Na ação desta segunda-feira, foram cumpridos mandados de busca e apreensão domiciliar e mandado de prisão preventiva em desfavor de uma pessoa suspeita de envolvimento na prática criminosa. As diligências também tem a função de colher elementos probatórios que auxiliem na identificação e participação de agentes públicos no esquema criminoso.

A Operação Reclusos foi iniciada em julho deste ano com o objetivo de identificar e autuar os responsáveis pela facilitação na entrada de aparelhos de telefones celulares e de entorpecentes, que foram apreendidos em buscas realizadas no Centro de Detenção Provisória do município em uma das fases da investigação.  

Os resultados dos trabalhos da Operação Reclusos são frutos de um trabalho integrado entre a Polícia Civil, Polícia Militar e Sistema Penitenciário que atuam em Lucas do Rio Verde.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana