conecte-se conosco


Várzea Grande

Guarda Municipal recebe uniformes novos nos 152 anos de Várzea Grande

Publicado

A Guarda Municipal de Várzea Grande apresenta no próximo dia 15, durante o desfilo cívico-militar alusivo aos 152 anos de fundação da cidade, o seu novo fardamento operacional, composto de um conjunto completo de vestuário e um par de coturnos impermeável. Os kits foram entregues ontem à corporação e fazem parte de um investimento global de pouco mais de R$ 100 mil, realizado pela prefeitura.

A renovação do fardamento é anual – conforme lei que regulamenta a Guarda Municipal de Várzea Grande – e vem sendo cumprida desde 2015. Para este ano a novidade está no modelo do coturno que passa a ser impermeável – característica que amplia o conforto dos agentes – e na aquisição inédita de um fardamento de passeio. Todos os 148 agentes municipais de segurança receberam os dois kits.

Como explica o comandante da Guarda Municipal, Evandro Homero Dias, o kit operacional é formado por uma calça, duas camisetas brancas, uma gandola (parte de cima, blusão) e um gorro. O traje de passeio vem com uma calça social, um cinto, uma camisa e uma boina.

Leia Também:  Saúde abre a campanha “Novembro Azul” com oferta de exames e ações educativas

O comandante explica ainda que até meados desse ano a Guarda Municipal estará equipada com novas armas e munições. “Está sendo aberto um processo licitatório para compra de carabinas, munições anti-motim, escudo de proteção, gás lacrimogêneo e pistolas de eletrochoque”. Das carabinas ‘12’ serão adquiridas 15 unidades. O restante dos equipamentos, conforme completa Homero, terá suas quantidades definidas após a apresentação dos valores por parte das empresas interessadas.

“Vamos fechar 2019 com a munição reforçada e com uniformes novos. Mais do que proteção aos agentes, os novos equipamentos garantem conforto para a rotina de rua da nossa corporação”, pontuou.

Homero lembrou ainda que nos últimos anos a prefeitura municipal vem constantemente aparelhando a Guarda Municipal e proporcionando condições para capacitação a atualização dos recursos humanos. “É um conjunto de ações que aprimoram e aperfeiçoam os serviços prestados pela Guarda Municipal. De nada adianta ter efetivo sem equipamentos, e ou, sem qualificação. Hoje temos condições plenas de atuação, graças ao reconhecimento ao nosso trabalho e aos investimentos que estão sendo feitos, inclusive, na locação de uma sede ampla, como a que temos agora”.

Leia Também:  Ginásio é entregue após reforma geral para a comunidade do Gloria I nos 152 anos de Várzea Grande

Por: Marianna Peres – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Várzea Grande

Várzea Grande entrega a reforma da Unidade de Estratégia Saúde da Família do Vila Arthur

Publicado

O atendimento preventivo à saúde ganhou mais um reforço em Várzea Grande. Na manhã de hoje (20), a prefeita Lucimar Sacre de Campos e o secretário de Saúde, Diógenes Marcondes, entregaram as obras de reforma geral das novas instalações da Estratégia Saúde da Família (ESF), ‘Maria Galdina da Silva’, localizada no bairro Vila Arthur. A unidade atende a uma microrregião de 12 mil pessoas, sendo cerca de 3,5 mil famílias.

Em 2019 a Saúde Pública Municipal executou 29 obras entre grandes, médias e pequenas intervenções, tudo para melhorar a estrutura de atendimento à população. Com mais de R$ 7,6 milhões em investimentos e mais o concurso público realizado que elevou o número de profissionais na área de saúde, o Município avançou na atenção básica que se resume no primeiro atendimento aonde são solucionados em média 90% dos problemas daqueles que procurar o Sistema Único de Saúde – SUS.

Para a moradora Maria Rosa Vieira, 68 anos, o reforço no atendimento de saúde primária tem feito muita diferença no controle de sua diabetes. “A gente sabe que não tem cura (a diabetes), somos obrigados a aprender a viver com ela e com toda a atenção do doutor Arthur Canavarros, que é o nosso médico da família, consigo viver com qualidade. Ter atendimento perto de casa ajuda muito no tratamento”.

A ESF, antiga unidade do PSF, tem como objetivo promover a qualidade de vida da população e intervir nos fatores que colocam a saúde em risco, como falta de atividade física, má alimentação e o uso de tabaco. Com atenção integral e contínua, a ESF se fortalece como uma porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS). Como destacou a prefeita, o reforço na Atenção Primária de Várzea Grande, não apenas com novas estruturas e profissionais, mas com suprimentos e insumos, “tem reduzido de forma considerável as filas por atendimento mais complexo nas unidades de urgência e emergência, como nas UPAS e no Hospital e Pronto-Socorro. Esse trabalho preventivo com resolutividade é que faz a diferença no dia-a-dia da nossa população”.

Leia Também:  Desenho da escola Ana Francisca vence concurso do Selo Empresa Amiga do Meio Ambiente 2020

A prefeita fez questão de dizer ainda que a resolutividade é resultado de um tripé: estrutura/pessoal/insumos. “Temos filas no SUS? Sim, temos. E temos por que aqui em Várzea Grande o Sistema Único de Saúde funciona de portas abertas e sem cobrar nada, totalmente gratuito. Atende a todos. Atende quem mora em Várzea Grande, quem mora na Baixada Cuiabana e quem mora no Estado e até fora dele. E quem precisa da nossa saúde recebe atendimento do começo ao fim, é medicado, faz exames em aparelhos de última geração e em casos de consultas de rotina, tem remédios na farmácia à disposição. Não é fácil manter uma estrutura dessas, pois quanto mais eficientes somos, maiores demandas surgem”.

A saúde municipal, como fez questão de lembrar a prefeita, fechou o exercício 2019, conforme dados avalizados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), aplicando mais de R$ 79,76 milhões de sua receita própria na Pasta. As cifras representam em valores absolutos mais de R$ 34 milhões se considerados os percentuais constitucionais que exigem um mínimo de 15% da receita própria em investimentos em saúde. No exercício 2019, Várzea Grande superou o preconizado pela Constituição, e atingiu 26,16% dos recursos próprios voltados à saúde.

Leia Também:  Ginásio é entregue após reforma geral para a comunidade do Gloria I nos 152 anos de Várzea Grande

“Para este primeiro semestre ainda, outras quatro unidades de saúde serão entregues à população em todas as regiões da cidade. Uma no Manaíra, outra na Passagem da Conceição, mais uma na Manga e outra na comunidade do Limpo Grande”, completou a prefeita.

O secretário Diógenes lembrou que foram dois meses de obras na unidade do Vila Arthur e que durante este período toda a comunidade foi atendida na unidade do Jardim Glória. “Temos uma estrutura funcional resolutiva atualmente, graças a um corpo clínico e profissional engajado e motivado, por isso bons resultados estão sendo contabilizados. Nessa engrenagem todos dão sua cota de dedicação, do mais humilde servidor, passando pelos profissionais da enfermagem e da medicina, tudo para atender a população”.

Representando a Câmara de Vereadores, o vereador Cleyton Nassarden Guerra (Sardinha), disse que o atendimento público de saúde é um dos diferenciais entre os serviços prestados pelo Município. “Os investimentos ocorrem a olhos vistos, obras, equipamentos novos, distribuição de medicamentos e materiais nas unidades. Isso traz dignidade à população e resgata a credibilidade do serviço público. Caminhamos juntos Executivo e Legislativo pelo bem maior o crescimento da cidade e a oferta cada vez mais de serviços, no caso do SUS, que os investimentos apontados  tem dado bons resultados, com o atendimento da política de humanização”, ponderou o parlamentar.

Por: Marianna Peres – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
Continue lendo

Várzea Grande

Prefeita mantém ritmo acelerado na fiscalização de obras e serviços neste início de ano

Publicado

A prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos, encerrou a primeira quinzena de 2020, realizando uma série de visitas técnicas às obras em plena execução na cidade, como os novos canteiros da parte central da Avenida Filinto Müller, a praça Aquibaban, a pavimentação dos bairros Mappin, Parque Mangabeiras e Jardim Esmeralda e ainda retornou à praça Ederson Nobre de Amorim – Pitico”, localizada no bairro Santa Isabel, revitalizada e entregue à população local há pouco mais de um mês. O objetivo das vistorias é acompanhar de perto o cronograma dos trabalhos, a qualidade dos projetos e no caso da praça do Santa Isabel, a receptividade do novo espaço por parte dos moradores.

Acompanhada de assessores técnicos, como arquitetos e engenheiros, entre eles o secretário de Viação, Obras e Urbanismo, Luiz Celso de Moraes, a prefeita cobrou qualidade e ao mesmo tempo a otimização dos insumos utilizados. “Podemos sim aplicar bem os recursos públicos. Podemos fazer projetos bonitos e com materiais de qualidade e bastante vida útil. Baste saber fazer e fazer com zelo e capricho”, destacou a gestora municipal.

Durante a visita aos canteiros da Avenida Filinto Müller, a prefeita lembrou que além de priorizar obras em áreas essenciais, como infraestrutura, saúde, educação segurança e abastecimento de água e tratamento de esgoto, há também uma força tarefa que se dedica a ampliar, melhorar e criar espaços para o lazer e entretenimento das famílias várzea-grandenses. “O lazer, a diversão, são tão essenciais quanto asfalto e atendimento em saúde. No final de semana as famílias precisam ter opção de entretenimento gratuita o mais próxima de sua casa e pensar em uma Várzea Grande melhor, mais moderna e mais desenvolvida engloba criar condições para atrair novas empresas e investimentos para gerar empregos e melhorar a nossa arrecadação, reverter essa arrecadação em benefício da população e entre as obras e projetos, levar ações que promovam o lazer das famílias”.

Leia Também:  Missa em ação de graças comemora os 152 anos de Fundação de Várzea Grande e o dia das mães

Entre 2019 e 2020, por exemplo, a prefeitura por meio da secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, estará investindo cerca de R$ 2 milhões na recuperação de mais espaços públicos da cidade. A ação vai recuperar somente nesse ano outras 12 praças que passarão por reestruturação, ampliação e revitalização. Neste primeiro semestre as praças dos bairros Jardim de Estados, Costa Verde, Cohab Cristo Rei, Áurea Braz (Cristo Rei), Dom Orlando Chaves, Parque do Lago, Aquidaban serão as primeiras a serem entregues. “Nosso planejamento incorpora ainda espaços nos bairros Asa bela, Água Limpa e a Praça da Rotatória, Jardim Glória e Centro – Todimo.  A Nossa intenção é revitalizar o máximo de praças da cidade. Elas também estão sendo transformadas em espaços fitness, para prática de exercícios físicos. O objetivo é ofertar mais lazer de forma gratuita e incentivar a prática esportiva”.

A praça Aquidaban está sendo 100% revitalizada e reformada. Vai receber um novo posto da Guarda Municipal, reurbanização do calçamento, nova iluminação, paisagismo, terá espaço para eventos, estacionamento, estação de ginástica e playground.

Leia Também:  Saúde abre a campanha “Novembro Azul” com oferta de exames e ações educativas

Do outro lado da cidade, na região do Mappin, a prefeita percorreu ruas do bairro que foram recentemente pavimentadas, bem como dos vizinhos Jardim Esmeralda e Parque Mangabeiras. O pavimento está concluído em todos os trechos, restando em alguns pontos a fixação de sarjetas e meio fio.

Essas obras fazem parte do maior programa de asfaltamento de vias públicas já realizado pelo poder público municipal. Graças ao financiamento de R$ 150 milhões oriundos dos agentes financeiros Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, além de contrapartida do Tesouro Municipal, o programa de pavimentação é uma realidade que já modifica positivamente a qualidade de vida e a rotina de milhares de pessoas. Até o final desse ano serão 150 km de asfalto novo em bairros da cidade e outros 70 km de recapeamento.

“Asfalto novo significa qualidade de vida, pois são ruas que antes eram de terra e agora estão asfaltadas. E, essas obras incluem drenagem, construção de galerias pluviais, colocação de meio fio, guias e sarjetas, por fim a pavimentação. Essa infraestrutura vai garantir que as águas das chuvas serão escoadas de forma correta, evitando transtornos aos motoristas e maior durabilidade ao pavimento, além de novo visual, limpeza e valorização de toda a cidade”, destaca a prefeita Lucimar Sacre de Campos.

Por: Marianna Peres – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana