conecte-se conosco


Esportes

Guarani empata em 2 a 2 com o CRB no Estádio Rei Pelé

Publicado


O Guarani empatou em 2 a 2 com o CRB, na noite desta sexta-feira (15), no Estádio Rei Pelé, em Maceió, pela 30ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Thales e Régis, um em cada tempo, marcaram os gols bugrinos.

Com o resultado, o Bugre vai a 46 pontos e segue na briga pelo G4. O time volta a campo na próxima sexta-feira (22) para enfrentar o Confiança, às 19h, no Estádio Brinco de Ouro.

O JOGO
O técnico Daniel Paulista mandou a campo a formação titular com duas novidades em relação ao jogo anterior. O volante Índio entrou no lugar do suspenso Rodrigo Andrade e o atacante Allan Victor ganhou oportunidade na vaga de Júlio César, preservado devido ao desgaste muscular.

O Guarani abriu o placar logo aos 7′. Régis cobrou escanteio na medida, Thales subiu bem e cabeceou, o goleiro tentou fazer a defesa, mas a bola acabou ultrapassando a linha: Bugre 1 a 0.

Com a vantagem conquistada cedo, a equipe alviverde pôde adotar uma postura mais cautelosa. O CRB tentou ganhar campo, mas em nenhum momento exerceu forte pressão no primeiro tempo e criou a principal chance em bola parada – nas demais tentativas, Rafael Martins trabalhou bem.

Já o Bugre buscava uma escapada no contra-ataque. Aos 45′, Júnior Todinho escapou da marcação e achou Régis. O camisa 78 finalizou, mas a bola acabou desviada pela marcação.

O Guarani voltou do intervalo com a mesma postura sólida em campo. Sem deixar o CRB crescer, o time conseguia controlar o ritmo da partida e passou a ameaçar, principalmente em finalizações de fora da área com Allan Victor e Bruno Sávio.

Quando teve o contra-ataque à disposição, o Bugre ampliou, aos 20′. O lance começou com Régis, passou por Allan Victor, Bidu e o lateral-esquerdo teve calma para tocar e Régis aparecer para completar.

Mas o CRB conseguiu o empate na reta final da partida, com gols aos 33′ e aos 48′ em pênalti marcado após intervenção do árbitro de vídeo.

FICHA TÉCNICA 

CRB 2 x 2 GUARANI
Competição: Série B do Campeonato Brasileiro
Rodada: 30ª
Data: 15/10/2021 (sexta-feira)
Local: Estádio Rei Pelé
Cidade: Maceió (AL)

Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Auxiliares: Éder Alexandre (SC) e Johnny Barros de Oliveira (SC)
Árbitro de Vídeo: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)
Assistente VAR: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)

CRB
Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Roberto (Ewerton Páscoa) e Romão; Claudinei (Dudu) e Jean Patrick (Wesley); Pablo (Emerson), Renan Bressan (Júnior Brandão) e Jajá; Nícolas Careca. Técnico: Allan Aal.

GUARANI
Rafael Martins; Diogo Mateus, Thales, Carlão e Bidú; Bruno Silva e Índio (Ronaldo Alves); Bruno Sávio (Maxwell), Régis (Tony) e Allan Victor (Eliel); Júnior Todinho (Andrigo). Técnico: Daniel Paulista.

Gols: Thales, aos 7′ do primeiro tempo; Régis, aos 20′, Júnior Brandão, aos 33′ e Wesley, aos 48′ do segundo tempo.
Renda e público: Não divulgados.
Cartões amarelos: Nícolas Careca, Guilherme Romão (CRB); Bruno Sávio, Índio, Maxwell, Ronaldo Alves (GUA)

onte: https://www.guaranifc.com.br/futebol-profissional/guarani-empata-em-2-a-2-com-o-crb-no-estadio-rei-pele/

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esportes

Abel comanda primeiro treino do Palmeiras em Montevidéu

Publicado


Felipe Melo treinou durante com o grupo (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

O Palmeiras treinou na tarde desta quinta-feira (25), no estádio Gran Parque Central, em Montevidéu (URU), na preparação à final da CONMEBOL Libertadores 2021 contra o Flamengo, neste sábado (27), às 17h, no Estádio Centenário. Sob forte chuva, foi o primeiro trabalho do Verdão em solo uruguaio desde o desembarque no país na noite desta quarta-feira (24).

Após uma atividade de vídeo no hotel e trabalhos de ativação física na academia, os jogadores foram ao campo do Nacional-URU para um treino tático de cerca de 1h de duração comandado pelo técnico Abel Ferreira e sua comissão técnica. Divididos em dois times, os jogadores ensaiaram o posicionamento, movimentações e jogadas, entre outros aspectos.

Assim como no treino de quarta (24), o meio-campista Felipe Melo treinou durante todo o tempo com o grupo. Ao final, o elenco praticou bolas paradas e cobranças de pênaltis e faltas.

Esta é a sexta final de Libertadores na história do Palmeiras. Primeiro clube brasileiro a chegar à decisão do torneio (em 1961, contra o Peñarol-URU, com o jogo de ida em Montevidéu), o Verdão é o que mais vezes alcançou a fase decisiva da competição, ao lado do São Paulo – foi campeão em 1999 e 2020 e vice-campeão em 1961, 1968 e 2000.

O Maior Campeão do Brasil é ainda o clube brasileiro com mais participações de Libertadores (21, ao lado de São Paulo e Grêmio), mais jogos (209), mais vitórias (116), mais vitórias como visitante (44), mais gols (390), mais gols como mandante (233) e mais gols como visitante (156 tentos).

Os jogadores Wesley e Gustavo Gómez (à direita) durante treinamento no Estádio Gran Parque Central, em Montevidéu (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)
fonte: https://www.palmeiras.com.br/pt-br/noticias/abel-comanda-atividade-tatica-no-primeiro-treino-do-palmeiras-em-montevideu/

Continue lendo

Esportes

Corinthians é superado pelo Ceará, na Arena Castelão.

Publicado



Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Na noite desta quinta-feira (25), o Corinthians foi até o Ceará para mais uma partida do Brasileirão 2021. Pela 35ª rodada do nacional, o Timão foi derrotado na Arena Castelão, pelo placar de 2 a 1. O gol corinthiano foi marcado por Róger Guedes.

Com a derrota, o Timão continua com 53 pontos na competição e ocupa a 4ª posição da tabela.
Timão escalado
Para a partida diante do Ceará, o técnico Sylvinho escalou um onze inicial formado por: Cássio (capitão); Fagner, João Victor, Gil e Lucas Piton; Gabriel, Du Queiroz, Luan, Gabriel Pereira, Róger Guedes e Jô. À disposição no banco de reservas estavam: Matheus Donelli, João Pedro, Renato Augusto, Willian, Léo Santos, Gustavo Silva, Fábio Santos, Adson, Gustavo Mantuan, Raul Gustavo, Xavier e Vitinho
Primeiro tempo
A partida começou com grande pressão do Ceará e com 6 minutos, conseguiu abrir o placar. Após erro na saída de bola, o adversário conseguiu interceptar e finalizar para fazer 1 a 0.
A primeira chegada do Timão foi aos 11 minutos. Após boa troca de passes na intermediária, Luan rolou para Gabriel Pereira e o camisa 38 finalizou em cima da marcação, no rebote, Jô tentou, mas novamente a zaga adversária conseguiu o corte.
O Corinthians começou boa pressão para empatar a partida, e aos 20 minutos conseguiu uma grande chance. Gabriel Pereira fez ótima jogada individual e sofreu uma falta na entrada da área. No rebote da cobrança, Du Queiroz cruzou, mas a zaga afastou no momento em que Luan ia cabecear.
A melhor chegada do Corinthians no primeiro tempo foi aos 35 minutos. Du Queiroz arrancou bem pelo meio, tocou para Gabriel Pereira, que fez boa tabela com Róger Guedes. O camisa 123 devolveu para GP, que dentro da área finalizou no chão, mas o goleiro conseguiu boa defesa para evitar o empate.
Aos 39, outra boa chegada do Timão. João Victor desarmou o zagueiro adversário e a bola sobrou para Róger Guedes, que chutou forte rasteiro no canto direito, mas o goleiro adversário apareceu novamente para evitar o gol.
A última oportunidade da primeira metade foi de Gil. A bola caiu com o zagueiro após cobrança de falta e ele bateu de fora da área levando muito perigo.
Segundo tempo
O Corinthians voltou sem alterações para a segunda etapa, mas começou pressionando a saída de bola e criando espaços na defesa cearense.
Em busca de fôlego novo no time, Sylvinho fez duas alterações na equipe. Aos 11, Willian e Renato Augusto entraram no lugar de Du Queiroz e Luan, respectivamente.
Aos 22, a terceira substituição. Gabriel Pereira deu lugar à Gustavo Silva.
Na metade do segundo tempo, o Timão pressionava e tinha a posse de bola, mas não conseguia criar grandes chances para finalização.
A primeira chegada perigosa aconteceu aos 25, quando Renato Augusto recebeu em profundidade e cruzou rasteiro na primeira trave. Jô tentou o desvio, mas o zagueiro atrapalhou e a bola cruzou a área inteira sem desvio.
Logo em seguida, aos 27, João Victor jogou para Fagner que cruzou na cabeça de Jô, e novamente o goleiro adversário evitou o empate.
As últimas alterações do Timão vieram aos 36 minutos. João Pedro entrou no lugar de Fagner e Vitinho assumiu a vaga de Gabriel.
Aos 38, a pressão corinthiana surtiu efeito. Willian fez grande jogada pela ponta esquerda, rolou para Róger Guedes que driblou o zagueiro e finalizou forte no alto para empatar a partida.
Poucos minutos depois, aos 41, o Ceará conseguiu marcar o segundo gol em cruzamento na área.
O Timão teve uma última chance aos 46, quando Gustavo Silva finalizou após escanteio, mas não conseguiu marcar o gol de empate e assim acabou a partida. Ceará 2 x 1 Corinthians.
Próximo jogo
O Corinthians volta a entrar em campo no próximo domingo (25). Na Neo Química Arena, o Timão recebe o Athletico-PR, às 16h (horário de Brasília). Partida será válida pela 36ª rodada do Brasileirão.

Tags: Futebol, Notícias

fonte: https://www.corinthians.com.br/noticias/corinthians-e-superado-pelo-ceara-na-arena-castelao

COMENTE ABAIXO:

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana