conecte-se conosco


Política MT

Governo irá retomar obras da Escola Técnica de Primavera do Leste

Publicado

Deputado participa de ato em Primavera que marcou retomada das obras

Foto: Dnei Matos / Assessoria de Gabinete

O presidente da Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura e Desporto da Assembleia Legislativa, o deputado Thiago Silva (MDB), participou do ato de assinatura de ordem de serviço para o término das obras da Escola Técnica Estadual de Primavera do Leste.

A obra da escola estava parada desde  2009, e quando pronto, o local poderá atender até 1,2 mil alunos. O prazo de conclusão é para dois anos e o investimento do estado para a obra é de R$ 5 milhões.

O lançamento da retomada das obras atende uma reivindicação da Comissão de Educação da AL e do deputado Thiago Silva (MDB) que, no início do mandado, visitou a escola e pediu que o governo tomasse providências. “Temos trabalhado junto ao governo do estado para que essa obra pudesse ser retornada. Fizemos gestão, juntamente com a deputada Janaina (MDB) e o deputado Nininho (PSD) para que a obra fosse reiniciada e agora vamos acompanhar a execução até a entrega. Quero lembrar que o governador tem sido coerente e tem lançado obras com a garantia de terminar”, disse o parlamentar.

Leia Também:  Thiago Silva propõe programa antidrogas para escolas públicas e selo da escola sem drogas

Thiago Silva ainda confirmou que está trabalhando também para garantir as obras na escola Sebastião Patrício. Ele disse que técnicos da  Secretaria de Infraestrutura (Sinfra) devem ir a Primavera do Leste para desenvolver o projeto para a licitação, que deverá ser realizada em breve.

O deputado ainda lembrou que visitou o local, no começo do ano, a convite do vereador Manoel Mazzutti (MDB) que sempre estava cobrando a conclusão das obras. “O deputado tem mostrado que tem compromisso com Primavera e lutado pela nossa região”, disse o vereador.

O Prefeito Léo Bertolin destacou que quando as obras foram paradas, o projeto não tinha chegado a 50% da execução e que a escola será fundamental para o momento econômico do município que tem recebido indústrias. “O governador Mauro Mendes pediu para que Primavera fosse prioridade entre as obras das escolas técnicas e estamos lisonjeados pela escolha do governo pela retomada desta obra que vai ajudar a alavancar o desenvolvimento de Primavera”, disse o prefeito.

O secretário Nilton Borgato reforçou que a escola técnica é necessária para dar qualificação que atenderá a indústria que está chegando a Primavera e ainda destacou que a obra não deve sofrer paralisações, como no passado. “Vamos terminar. Isso é compromisso do governador. Podem ter certeza que a parte do estado será cumprida”, disse.

Leia Também:  Presidente da ALMT anuncia tramitação e quer projeto da lei orçamentária aprovado até 10 de dezembro

Fonte: ALMT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política MT

Governador faz balanço da gestão, lembra ‘rombo’ de R$ 3,5 bilhões e diz que ações têm ajudado a consertar MT

Publicado

Em encontro com os prefeitos no Palácio Paiaguás, Mauro Mendes apresentou balanço dos 300 dias de governo

O governador Mauro Mendes apresentou aos prefeitos de Mato Grosso o balanço dos 300 dias de gestão, na noite de segunda-feira (18). O resultado demonstra que as medidas adotadas pelo Estado começaram a surtir resultados e um exemplo disso são os repasses obrigatórios para a saúde e educação, que estão rigorosamente em dia.

Na apresentação, Mauro Mendes lembrou a situação caótica em que recebeu o Estado, com restos a pagar na ordem de R$ 3,5 bilhões, devendo 11.424 fornecedores, atraso de 11 meses no repasse obrigatório da saúde, além de 50% das viaturas paradas por falta de pagamento e 335 obras paralisadas.

“Adotamos medidas necessárias para mudar essa situação, como corte de despesas, aprovação do Novo Fethab (Fundo Estadual de Transporte e Habitação), critérios para a concessão da Revisão Geral Anual (RGA), redução de incentivos fiscais, renegociação de dívidas, como a exemplo do empréstimo com o Bank of América e, mais recentemente, o encaminhamento da reforma da previdência”, elencou, afirmando que sem essas medidas, que contaram com o apoio dos deputados da legislatura passada da Assembleia e também da atual base do Governo, os avanços alcançados não teriam sido possíveis.

Leia Também:  Audiência sobre rodoanel e votação de PECs marcaram a semana

Todas as ações, na avaliação do governador, contribuíram para que fossem atingidos os objetivos de manter o repasse às prefeituras em dia, referente ao ano de 2019, além de dar início à quitação dos débitos das gestões passadas; o controle do crescimento da folha de pagamento, a melhoria na arrecadação e a redução das despesas.

“Já para 2020, nossos objetivos macros são o equilíbrio fiscal, a retomada da capacidade de ampliar os investimentos, o pagamento em dia dos servidores públicos, em única parcela, e aumentar as parceiras com as prefeituras. Todos vocês sabem que os compromissos assumidos são cumpridos, pois estamos trabalhando com a verdade e colocando Deus na frente. Vamos conseguir consertar Mato Grosso”, frisou.

Continue lendo

Política MT

Representantes de sindicatos discutem impactos da reforma da Previdência com deputados

Publicado

A preocupação é do governador Mauro Mendes (DEM) encaminhar uma proposta de Reforma da Previdência estadual, fazendo adesão à PEC federal 6/2019, que modifica o sistema de previdência social

Foto: Marcelo Lucas / Assessoria de Gabinete

Presidentes de sindicatos dos delegados, investigadores, escrivães, agentes penitenciários e do sistema socioeducativo estiveram reunidos com os deputados estaduais Delegado Claudinei (PSL) e Elizeu Nascimento (DC), na tarde de segunda-feira (18), na sede da Associação Mato-grossense de Delegados de Polícia de Mato Grosso.

Na pauta, a preocupação com a possibilidade do governador Mauro Mendes (DEM) encaminhar uma proposta de reforma da Previdência estadual, fazendo adesão à PEC federal 6/2019, que modifica o sistema de previdência social, estabelece regras de transição e disposições transitórias.

“Na verdade, hoje os policiais têm aposentadoria especial e, na reforma da Previdência, nós não visualizamos como será o tratamento atribuído à polícia. E, por conta disso, estamos preocupados e precisamos conversar com o governo para saber qual tratamento ele dará aos policiais de Mato Grosso”, destaca a presidente do Sindicato de Delegados de Polícia de Mato Grosso (Sindepo-MT), Maria Alice Amorim.

Leia Também:  Em visita a MT, ministro Mandetta firma novos compromissos com a saúde pública

Para o deputado Delegado Claudinei, a categoria policial é diferenciada e merece tratamento à altura da natureza da profissão. “Estive como delegado de polícia e sei como a rotina do profissional de segurança pública é estressante. Perdemos muitas noites de sono, sofremos pressão todos os dias, ficamos ausentes da nossa família, é muito estresse. O tempo que trabalhamos, estamos na mira de facções criminosas. Então, é uma categoria diferenciada”, ressalta o Delegado Claudinei.

Sargento aposentado da Polícia Militar, o deputado estadual Elizeu Nascimento disse que o caminho é a mobilização das categorias. “Temos que nos posicionar. Existe ainda a possibilidade de aumentar a alíquota previdenciária. Estamos juntos em defesa do servidor público”, finaliza.

Também participaram da reunião, o advogado Carlos Frederick, representando o deputado estadual João Batista (Pros); a presidente e o vice-presidente do Sindicato de Investigadores de Polícia de Mato Grosso (Sinpol-MT), respectivamente, Edleuza Mesquita e Gláucio Castañon; o presidente do Sindicato dos Escrivães da Polícia Judiciária de Mato Grosso (Sindepojuc-MT), Davi Nogueira; a presidente do Sindicato do Sistema Penitenciário de Mato Grosso (Sindspen-MT), Jacira Maria da Costa; o presidente do Sindicato da Carreira dos Profissionais do Sistema Socioeducativo do Estado de Mato Grosso (Sindpss), Paulo César, e demais profissionais das classes representadas.

Leia Também:  Indicação solicita alocação de 30 famílias de pequenos produtores de Tangará da Serra em terras da Empaer

Fonte: ALMT
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana