conecte-se conosco


Mato Grosso

Governo entrega 104 títulos de regularização fundiária no aniversário de Diamantino

Publicado


No aniversário de 293 anos da cidade de Diamantino (181 km de Cuiabá), o Governo de Mato Grosso, por meio do Instituto de Terras (Intermat) entregou 104 títulos urbanos aos moradores do Bairro Novo Diamantino. A entrega foi neste sábado (18.09), em uma solenidade com o presidente da autarquia Francisco Serafim, o prefeito Manoel Loureiro e demais autoridades.

“O governador Mauro Mendes e a primeira-dama Virginia Mendes determinaram que estivéssemos aqui no aniversário da cidade para entregar este presente aos moradores residentes no Bairro Novo Diamantino que aguardam há anos por este documento. É um prazer trazer essa alegria, neste importante dia de comemoração”, declarou o presidente do Intermat.

O morador Jair Stvaneli, acompanhando da esposa Isabel Stvaneli, explicou não teria condições de ter acesso ao título, pois o rendimento que recebe com seu trabalho de caminhoneiro não é suficiente para pagar pelo documento, mas que o programa de regularização fundiária do Estado garantiu legitimidade do seu imóvel, com documentação registrada em cartório. 

“Moro aqui há 33 anos, sou caminhoneiro e não teria como pagar pelo título, pois ficou complicado conseguir garantir um rendimento extra que eu pudesse investir na escritura. Temos um excelente governador, o senhor Mauro Mendes trabalha pela nossa sociedade, a prova disso está aqui nas minhas mãos, tenho o documento do meu imóvel”, disse morador.

É importante destacar que o Intermat realiza todas as etapas do processo regularização conforme determina a lei. Por isso, dos 104 títulos entregues, 14 foram totalmente gratuitos, sendo que os demais; 90 documentos são necessários o pagamento das taxas. Todos terão acesso ao documento devidamente registrado em cartório.

Para o prefeito do município, Manoel Loureiro, a chegada do título no dia do aniversário da cidade representa um novo momento na vida dos moradores. “É o melhor presente entregue à nossa população, pois estamos tornado este cidadão proprietário legal da sua residência. Só tenho que agradecer ao Estado que tem realizado todos os esforços para garantir a regularização fundiária aqui e nos demais munícipios de Mato Grosso”, afirmou o gestor .

Com Imóvel escriturado o cidadão pode ser considerado proprietário legal, podendo realizar a venda ou reformar com ajuda de custo ofertado pelo crédito imobiliário ofertado pelos Bancos, usando o bem como garantia.

Sebastião Ferreira de Arruda, foi outro morador beneficiado no processo de regularização. “É uma glória que veio do céu, porque eu estou esperando desde 1992 e nunca chegava. Entrava e saia gestão e nada de resolver isso, mas agora estou com meu documento aqui”.

De acordo com o diretor de Regularização Urbana do Intermat, Robinson Pazzeto, a entrega desta primeira remessa é apenas o início de muitas outras que ainda serão realizadas pela autarquia. A metá é entregar mais de mil novos títulos em trabalho conjunto com a gestão municipal.

“Este aqui é um trabalho de parceria, graças a Deus os gestores dos municípios de Mato Grosso acreditam no Intermat e os termos de cooperação para os trabalhos têm dado muito certo – este é o resultado final, entrega de títulos.  Aqui, a Prefeitura de Diamantino desempenhou um bom trabalho, só temos que agradecer a todos. Ainda devem ser entregues cerca de 1.500 títulos”, explicou Pazzeto.  

Saiba quais são os bairros com processo de regularização em andamento

Cohab Serra Azul; (77) títulos, Cohab Nossa Senhora da Conceição Morumbi (51), Jardim Alvorada (51), São Benedito (114), Bairro da Ponte (93), Jardim Primavera (4), Bairro Pedregal (329), Bela Vista (40) e Progresso (350).

Também participaram da entrega dos títulos em Diamantino a deputada federal, Rosa Neide, o chefe jurídico do Intermat, Dr.Klismahn Santos do Monte, a servidora Iza Karol Gomes Luzardo Pizza, vereadores e moradores.

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Auxílio do programa SER Família deverá ser depositado entre final de outubro e início de novembro

Publicado

 

Os cartões do programa Ser Família deverão ser abastecidos entre final de outubro e início do mês de novembro. Com isso, mais de 100 mil pessoas de Mato Grosso serão beneficiadas com o auxílio de R$ 200 a cada dois meses.

A transferência de recurso é assegurada pela Lei 602/2021 que permitiu a ampliação do programa emergencial, que teve prazo de cinco meses encerrando em setembro, para até dezembro de 2022. Neste ano, ainda serão pagas para todos os beneficiários duas parcelas, referentes aos meses de outubro e dezembro.

A secretária de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Rosamaria Carvalho, explica que a pausa na transferência do recurso foi necessária para ajuste no programa. “Trocamos a empresa que administra o cartão e teremos que fazer a troca dos cartões”, justifica.

No entanto, somente os beneficiários dos municípios de Várzea Grande e Cuiabá receberão o auxílio, referente ao mês de outubro, com o cartão atual. Nas demais cidades, será feita a substituição dos cartões de todos os beneficiários para o recebimento das duas parcelas.

Os municípios receberão os referidos cartões até o dia 5 de novembro. Desta forma, o beneficiário deverá procurar a Secretaria de Assistência Social para fazer a troca do cartão.

“Tínhamos um saldo com a empresa anterior que permitirá o pagamento do recurso para os beneficiários cuiabanos e várzea-grandenses, referente a parcela de outubro”, diz Rosamaria. Ela esclarece ainda que o recurso é garantido para aquelas famílias que já recebiam o auxilio emergencial.

O Ser Família é fornecido às famílias com renda mensal per capita de até R$ 89, inscritas no Cadastro Único das Políticas Sociais Brasileiras do Ministério da Cidadania (CadÚnico), e também no Programa Bolsa Família.

 

Continue lendo

Mato Grosso

Treinamento do Indea busca melhoria na gestão de programas de defesa sanitária

Publicado


Servidores das áreas finalísticas da defesa agropecuária, equipe do Planejamento (Núcleo de Gestão Estratégica para Resultados) e Tecnologia da Informação (TI) do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT) receberam capacitação sobre o software Power-BI e em conceito de Business Intelligence (BI). O objetivo é criar um ambiente organizacional favorável à assimilação e desenvolvimento do conceito dentro da organização.

O software permite a elaboração de painéis visuais que reúnem e organizam dados de forma mais clara e com atualização automática. Com a ferramenta é possível melhorar o planejamento das informações, detectando falhas mais facilmente e produzindo estratégias eficazes na área de defesa sanitária.

O Business Intelligence combina análise empresarial, mineração de dados, visualização de dados, ferramentas/infraestrutura de dados e práticas recomendadas para ajudar as organizações a tomar decisões impulsionadas por dados.

Conforme a presidente do Indea-MT, Emanuele Almeida, o treinamento é importante para otimizar a eficácia do órgão. “Investir na formação dos servidores resulta em melhor atendimento aos cidadãos que necessitam dos serviços do Instituto”, explica.

A qualificação é resultado de parceria entre o Indea e o Fundo Emergencial de Saúde Animal do Estado de Mato Grosso (FESA).

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana