conecte-se conosco


Mato Grosso

Governo de MT intensifica fiscalização em todas as regiões do Estado para combater crimes ambientais

Publicado

O Governo de Mato Grosso lançou, na manhã desta terça-feira (31.05), a Operação Cedif contra crimes ambientais, e colocou em campo mais de 100 homens, em 31 equipes. As “batidas” da fiscalização terão força total em todas as regiões do Estado. As equipes que saíram a campo fazem parte das instituições integrantes do Comitê Estratégico para o Combate do Desmatamento Ilegal, a Exploração Florestal Ilegal e aos Incêndios Florestais (Cedif-MT), que deu nome à operação.
 
Os alertas de satélite que apontam onde está ocorrendo o desmatamento ilegal, e os focos de calor,  guiam o planejamento estratégico da operação, afirma o secretário de Meio Ambiente de Mato Grosso em exercício, Alex Marega.
 
“Estamos lançando hoje uma grande operação, com a saída das equipes de diversos órgãos, de modo integrado, e com a entrega imediata de 30 veículos novos, que já se somam à frota que já temos. Mato Grosso está fazendo essas operações desde 2019 de uma forma muito intensa, e isso começou com a criação do Conselho Estratégico pelo governador Mauro Mendes”, explica o secretário.
 
Até o final do mês, serão entregues mais 80 caminhonetes, adequadas para o uso da fiscalização ambiental, Corpo de Bombeiros e Forças de Segurança, somando 110 veículos novos em campo.
 

O  comandante-geral do CBM-MT, Alessandro Borges Ferreira, revela que os novos veículos, as diárias, e outros equipamentos adquiridos com os R$ 60 milhões destinados neste ano para esta finalidade, possibilitam condições de trabalho para que a Corporação esteja presente no interior.

 
O Trabalho do Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT) se intensifica com o início do período de proibição do uso do fogo nas áreas rurais, entre 1º de julho e 30 de outubro. O uso do fogo em áreas urbanas é proibido o ano todo.  
“É uma operação de guerra. Estamos desde o início do ano fazendo operações, e conscientizando a população, em todos os biomas. Vemos que dá certo levar a presença do Estado para todas as regiões, já reduzimos mais de 80% dos focos de calor do Pantanal no ano passado, e pretendemos reduzir ainda mais este ano”,  avalia o comandante-geral do CBM-MT, Alessandro Borges Ferreira.
 
 
As autuações remotas, o embargo de áreas, e aplicação de multas com base nas imagens de satélite continuam. As equipes se deslocam até o local principalmente nos casos em que o infrator não é identificado. O desmate ilegal é interrompido no início, maquinários são apreendidos, e suspeitos são conduzidos à delegacia.
O Comandante do Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental, Fagner Augusto do Nascimento, destaca o trabalho integrado entre os órgãos. “Estamos todos em sinergia para intensificar as ações neste período e entregar o melhor serviço para a sociedade. Podemos dizer que toda a Polícia Militar, e toda a estrutura de Segurança Pública está envolvida nesse processo de combate aos crimes ambientais”, afirma.
 
O lançamento da Operação representa os esforços do Estado para a preservação do Meio Ambiente, em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado no dia 5 de junho.
Comitê Estratégico
Presidido pelo governador Mauro Mendes, o Cedif integra órgãos que atuam diretamente na prevenção e combate aos crimes ambientais, e na responsabilização de infratores. Fazem parte as Secretarias de Estado de Meio Ambiente, Segurança Pública, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar, Polícia Judiciária Civil, Indea, Ibama, ICMBio, Funai, Ministérios Públicos Federal e Estadual, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e Forças Armadas. 
 
Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mato Grosso

Polícia Civil prende autor do homicídio de empresário ocorrido em Nova Xavantina

Publicado

O autor do homicídio, que vitimou um empresário de nacionalidade portuguesa, no município de Nova Xavantina, região leste do Estado, foi preso pela Polícia Civil, nesta quinta-feira (30.06), após diligências ininterruptas para apurar o crime.

Contra o suspeito de 42 anos também foi descoberto um mandado de prisão em aberto, decretado pelo juízo da Comarca de Novo São Joaquim, no dia 12 de maio deste ano, pelo crime de estupro vulnerável.

Além do cumprimento da prisão, o suspeito foi autuado em flagrante pelos crimes de homicídio qualificado e tentativa de homicídio qualificado.

O homicídio ocorreu na tarde de terça-feira (28), quando o empresário Jonson Almeida dos Santos, conhecido como Português, foi atingido por dois disparos de arma de fogo na região abdominal.

A motivação do crime foi um desacordo comercial. O suspeito também tentou disparar contra outra pessoa, porém a arma falhou.

Os policiais civis de Nova Xavantina, com apoio do Núcleo de Inteligência da Delegacia Regional de Água Boa e das delegacias de Campinápolis e de Novo São Joaquim, coordenados pelo delegado Raphael Diniz Garcia, efetuaram a prisão do suspeito, que estava escondido no bairro Boa Esperança, em Novo São Joaquim.

Ele foi conduzido à Delegacia de Nova Xavantina, interrogado e autuado em flagrante por homicídio qualificado e tentativa de homicídio qualificado, além de ter cumprido o mandado de prisão em seu desfavor.

A pistola de calibre 765, usada no crime, foi apreendida em uma casa em Nova Xavantina. O proprietário do imóvel, onde a arma estava, também foi detido e preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

Após a confecção dos autos, ambos os presos foram apresentados e colocados à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Governo já entregou 18.130 luminárias do MT Iluminado para 53 municípios

Publicado

As luminárias de LED adquiridas pelo Governo do Estado como parte do Programa MT Iluminado já estão sendo instaladas nos postes em municípios de todas as regiões de Mato Grosso. Com isso, a população começa a sentir os benefícios de uma cidade mais iluminada e mais segura.

Em Várzea Grande, a substituição começou no bairro Planalto Ipiranga e a expectativa é instalar entre 100 e 120 luminárias todos os dias. Depois, a troca será realizada também nos bairros Jardim Imperador e Ipase, além das avenidas 31 de Março, da FEB, Ulisses Pompeu de Campos, Júlio Campos e Tiradentes.

“Essas lâmpadas garantem melhor luminosidade na cidade e geram economia para o município, sem falar na segurança que proporcionam ao cidadão”, afirmou o prefeito Kalil Baracat. Neste primeiro momento, Várzea Grande firmou convênio para receber 4.997 luminárias, avaliadas em R$ 2,3 milhões. Mas outros convênios serão firmados para atender a segunda maior cidade mato-grossense.

As luminárias também já estão sendo instaladas em Porto Alegre do Norte, que firmou convênio para receber 1.699 luminárias. “Nossa cidade vai ficar muito mais bonita, vamos trocar as luminárias no nosso município e também nos distritos de Nova Floresta e Colônia Goiás”, afirmou o prefeito Daniel do Lago.

Na região Noroeste, em Juína, a prefeitura também divulgou a substituição das luminárias no Módulo I. O município firmou convênio para retirar 5.676 luminárias.

Ao todo, 136 municípios aderiram ao programa. No total, o Governo do Estado adquiriu 385.489 luminárias, em um investimento de R$ 157 milhões, com o objetivo de transformar Mato Grosso no primeiro Estado brasileiro 100% iluminado com LED. Apenas Água Boa, Barra do Garças, Carlinda, Feliz Natal e Primavera do Leste não participam do MT Iluminado porque já tem programas próprios ou realizaram parcerias para a instalação de lâmpadas de LED.

Até o momento, a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT) já entregou 18.130 luminárias para 53 municípios. São eles: Alto Boa Vista, Alto Garças, Apiacás, Araguaiana, Araguainha, Arenápolis, Bom Jesus do Araguaia, Brasnorte, Cáceres, Canabrava do Norte, Colíder, Colniza, Curvelândia, Ipiranga do Norte, Itanhangá, Jangada, Juara, Juína, Lambari D’Oeste, Marcelândia, Nobres, Nova Bandeirantes, Nova Brasilândia, Nova Guarita, Nova Marilândia, Nova Maringá, Nova Monte Verde, Nova Santa Helena, Nova Ubiratã, Novo Santo Antônio, Paranatinga, Poconé, Pontal do Araguaia, Ponte Branca, Porto Alegre do Norte, Porto dos Gaúchos, Ribeirãozinho, Rondolândia, Rosário Oeste, Santa Terezinha, Santo Afonso, Santo Antônio do Leverger, São José do Xingu, São Pedro da Cipa, Serra Nova Dourada, Tapurah, Terra Nova do Norte, Torixoréu, União do Sul, Vale do São Domingos, Várzea Grande, Vera e Vila Rica.

Para formalizar o convênio com o Estado, as prefeituras precisam protocolar uma série de documentos na Sinfra-MT, conforme explicado em cartilha publicada no site da Secretaria. 

Os municípios serão responsáveis pela instalação das lâmpadas, seguindo as normas técnicas da concessionária Energisa. Até esta terça-feira (21.06), 7.774 luminárias foram retiradas na Arena Pantanal, onde elas estão armazenadas, por 11 municípios.

A licitação das luminárias foi dividida em quatro lotes, de 60W, 100W, 150W e 200W de potência. Os três primeiros lotes foram vencidos pela empresa Unicoba Energia, enquanto o último lote do Pregão Eletrônico é de responsabilidade da empresa SerraLed.

Um cronograma de entrega das luminárias já foi estabelecido com a empresa Unicoba, que neste mês de julho deve entregar 68 mil unidades. As entregas serão mensais até outubro, quando todas as luminárias serão entregues.

As luminárias de LED adquiridas pelo Governo do Estado vêm com tomada para acendimento automático no período noturno, corpo em liga de alumínio injetado de alta pressão, pintura eletrostática resistente à corrosão e garantia de qualidade total mínima de cinco anos, para todo o conjunto. Serão fornecidas completamente montadas e prontas para serem conectadas à rede de distribuição.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana