conecte-se conosco


Carros e Motos

GM do Brasil vai consertar respiradores do SUS contra coronavírus

Publicado

General Motors arrow-options
Divulgação

Sede da General Motors no Brasil, em São Caetano do Sul (SP)

Seguindo os passos de sua matriz americana, a General Motors do Brasil anunciou que irá ajudar na reparação dos respiradores utilizados no tratamento dos casos mais graves da COVID-19 , doença causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 , para a rede do SUS. A iniciativa é uma parceria da GM com o SENAI e a Abeclin (Associação Brasileira de Engenharia Clínica), com aval do Ministério da Economia.

LEIA MAIS: Honda, BMW e Yamaha interrompem produção de motos em Manaus

O objetivo inicial será a reparação de 3 mil respiradores atualmente inativos na rede do SUS, mas a GM considera que o número final será bem maior. De acordo com Carlos Sakuramoto, gerente de inovação da marca, a meta é iniciar os reparos na semana que vem.

Carlos Zarlenga, presidente da General Motors na América do Sul, afirma que este é o momento para usar todas as armas contra o novo coronavírus. “A GM fará tudo que está ao seu alcance para ajudar o Brasil e o mundo a passarem por esse momento difícil”, disse o executivo.

LEIA MAIS: Veja o que mudou na legislação com a pandemia de COVID-19

Esforço coletivo

Tesla arrow-options
Divulgação

Criticado por não dispensar funcionários de suas fábricas, Elon Musk diz que Tesla produzirá respiradores

Nos Estados Unidos, país que poderá se tornar o novo epicentro da COVID-19 no mundo, uma ação conjunta fez Ford, General Motors e Tesla pararem parte de seu contingente para a fabricação de ventiladores mecânicos. A autorização veio do próprio presidente Donald Trump.

A Anfavea (Associação Nacional das Fabricantes de Veículos) já sinalizou que há interesse de repetir a prática no Brasil, com a utilização de impressoras 3D.

Importância dos respiradores

Respirador arrow-options
Reprodução/Shutterstock

Cerca de 20% dos pacientes infectados pelo novo coronavírus precisam de tratamento em respiradores

Nenhum sistema de saúde público ou privado no mundo está preparado para lidar com a pandemia do coronavírus, que costuma dobrar de tamanho na maioria dos países entre três e cinco dias. Estudos apontam que 80% dos contaminados pela COVID-19 têm poucos sintomas, ou praticamente nenhum. Os outros 15% precisam de apoio médico no hospital, enquanto os últimos 5% necessitam de internação na UTI.

LEIA MAIS: Veja como limpar seu carro corretamente, por dentro e por fora

Em todo o mundo, engenheiros da área da saúde trabalham na adaptação dos respiradores para que possam atender até dois pacientes ao mesmo tempo. Dessa forma, seria possível dobrar a capacidade de atendimento do sistema público, reduzindo a taxa de mortalidade e os danos causados pelo novo coronavírus.

Acompanhe todos os detalhes sobre o coronavírus SARS-CoV-2 no  iG Saúde

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Carros e Motos

Nova Fiat Strada é mostrada por completo antes de chegar às lojas

Publicado


source


Fiat Strada arrow-options
Divulgação

Fiat Strada da nova geração passa a ter quatro portas, controle eletrônico de estabilidade e central multimídia caprichada entre as mudanças


A Fiat mostra detalhes da nova Strada antes da chegada da novidade às lojas, adiada por conta da crise ocasionada pelo novo coronavírus. A ideia era lançar hoje (7) o utilitário para todos os órgãos de imprensa, mas como apenas alguns tiveram acesso antecipado à novidade, somente esses conseguiram fazer uma primeira avaliação. Mesmo assim, a reportagem de iG Carros explica alguns pontos que ainda não haviam sido revelados anteriormente.

LEIA MAIS: FCA adiará lançamento da nova picape Strada para junho ou julho

Exceto na versão Working, que continua sendo oferecida, as outras passam a ter novo visual e várias novidades, inclusive controle eletrônico de estabilidade com bloqueio eletrônico de diferencial. Além disso, as versões com motor 1.3 Fire Fly (109 cv e 14,2 kgfm) têm direção elétrica e a topo de linha Volcano conta com faróis de LED E agora há com ter a nova central multimídia com tela capacitiva de 7 polegadas, com conexão em fio para Apple Car Play e Android Auto.

Para manter a boa capacidade de carga, a suspensão traseira continia com eixo rígido e mola semi-elíptica. Nas versões de cabine simples (1.354 litros), são 720 kg e para as de quatro portas (844 litros), 650 kg. A caçamba maior tem 1,71 metros de comprimento e a menor, 1,17 m.

Outra novidade é que a caçamba passa a ter amortecimento, algo que a VW Saveiro já tem há uma década. De qualquer forma, isso reduz em 60% o esforço para abrir ou fechar a tampa. Ainda na parte técnica, consta que a distância livre do solo é de 23,2 centímetros, com ângulo de entrada de 23,2 graus e de saída de 28,4 graus na versão de cabine dupla.

LEIA MAIS:A Indústria automotiva precisa mudar de marcha pós-coronavírus

Além do motor 1.3 Fire Fly, a Fiat oferece o 1.4 Fire (88 cv e 12,5 kgfm). Pelo menos por enquanto, a Fiat Strada continua sendo oferecida apenas com câmbio manual de cinco marchas, e todas as versões. A reportagem de iG Carros aguarda ter acesso ao carro para publicar as primeiras impressões ao volante. Os preços ainda não foram divulgados, mas os equipamentos que cada versão terá são os seguintes: 

Strada Endurance 1.4 cabine simples e dupla : controles de tração e estabilidade com assistente de partida em rampas, ar-condicionado, direção hidráulica, preparação para som, direção com ajuste de altura, computador de bordo, iluminação diurna DRL, protetor de caçamba, iluminação de caçamba, porta-escada, para-choques sem pintura e rodas de aço aro 15″ com calotas. 

Strada Freedom 1.3 cabine simples e dupla : Endurance e mais direção elétrica, banco do motorista com ajuste de altura, travas, vidros e retrovisores elétricos, faróis de neblina, para-choques, maçanetas e retrovisores na cor da carroceria, rádio com porta USB frontal, rodas de liga aro 15″, alça para o passageiro, display digital de 3,5″ para o computador de bordo e sensor de pressão dos pneus. 

LEIA MAIS: Como o novo coronavírus está afetando a indústria automotiva brasileira

Strada Volcano 1.3 cabine dupla : Freedom  e mais vidros elétricos traseiros, faróis de LED, bancos com revestimento misto de tecido e couro, central multimídia com tela de 7″, duas entradas USB, câmera de ré, sensor de estacionamento, volante revestido em couro, capota marítima, rack de teto, santantônio e rodas de liga-leve aro 15″ com pneus de uso misto. 

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

Harley-Davidson anuncia descontos e condições especiais

Publicado


source
Harley arrow-options
Divulgação

Veja o que a Harley-Davidson separou de mais atrativo para o mês em que as concessionárias trabalham à distância

O momento de quarentena mudou a rotina de inúmeros setores da economia, incluindo a das concessionárias e montadoras. Por isso, a Harley-Davidson adotou novas formas de atendimento em suas lojas (à distância) e também criou uma campanha para incentivar as vendas, oferecendo 90 dias de prazo para quitar a primeira parcela em financiamentos. A ação compreende as famílias Sportster, Softail e Touring. Todos os modelos contam com taxa de 0,89%, 50% de entrada e saldo em 24 vezes.

LEIA MAIS: Andamos na Harley-Davidson LiveWire, que liga na tomada

Para as Harley-Davidson Ultra Limited e Road King Special (ano/modelo 19/20 e 20/20), oferecem taxa de 0%, entrada de 60% e saldo em 24 vezes. Caso não queira financiar, mas utilizar uma motocicleta seminova no negócio, a marca oferece supervalorização na usada em R$ 6 mil para a Road e R$ 7 mil para a Ultra. Enquanto isso, a Fat Boy 107 (ano/modelo 19/20 e 20/20) teve seu preço reduzido de R$ 74.800 por R$ 69.900, oferecendo, ainda, a possibilidade de utilizar uma seminova na compra com supervalorização de R$ 5 mil.

LEIA MAIS: BMW R 18 é revelada para competir com as Harley-Davidson e deve vir ao Brasil

Já a FXDR 114 (ano/modelo 19/19) conta com uma supervalorização de R$ 10 mil. A Fat Bob 114 (ano/modelo 19/20 e 20/20), por sua vez, foi de R$ 74.800 para R$ 67.600, além de oferecer supervalorização de R$ 3 mil na motocicleta usada. Vale lembrar que as condições de taxa para financiamento também são válidas para o modelo Fat Bob 107, de entrada.

LEIA MAIS: Harley-Davidson lança edição comemorativa da Fat Boy, que faz 30 anos em 2020

Por fim, as Iron 883 e 1200, ambas ano/modelo 2020. Enquanto a primeira recebeu redução de preço de R$ 43.900 por R$ 39.900, a segunda foi de R$ 47.400 para R$ 43.900. A motocicleta conta com acabamentos escurecidos, grafismo retrô no tanque de combustível e vem equipada com o motor Harley-Davidson Evolution. Todas as promoções estarão sujeitas a aprovação de crédito pelo Banco Bradesco, com validade até 30/04/2020 ou término do estoque, prevalecendo o que ocorrer primeiro.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana