conecte-se conosco


Esportes

Galo vence Emelec e avança às quartas-de-final da Libertadores

Publicado

O Galo venceu o Emelec por 1 a 0 na noite de hoje, 05, no Mineirão, e avançou às quartas-de-final da Copa Conmebol Libertadores. O gol Atleticano saiu dos pés de Hulk, em cobrança de pênalti, aos 33 minutos do segundo tempo.

O adversário das quartas-de-final será conhecido nesta quarta-feira, 06. O Palmeiras recebe o Cerro Porteño às 19h15, no Allianz Parque, em São Paulo. O time paulista venceu a partida de ida por 3 a 0.

Os jogos das quartas-de-final da Libertadores estão previstos para a primeira quinzena de agosto.

O jogo
A partida marcou o retorno de Zaracho, que entrou em campo aos 15 minutos do segundo tempo. O jogador não atuava desde a vitória sobre o Atlético-GO, em 14 de maio, no Mineirão, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Desde então, ele recuperava-se de lesão no músculo anterior da coxa direita.

O Galo chegou ao ataque já no primeiro minuto da partida. Rubens recebeu na esquerda, avançou para a área e tocou para trás. A zaga interceptou antes de a bola chegar em Hulk.

Aos quatro minutos, Mariano dominou a bola na direita e cruzou no meio da área. Rubens bateu cruzado, mas o goleiro Ortíz defendeu.
Hulk fez bela jogada pela direita aos 11 minutos e deu uma cavadinha para o meio da área. Mas Rubens cometeu falta de ataque ao tentar finalizar.


Crédito: Clube Atlético Mineiro/Bruno Sousa

O Galo seguiu pressionando. Aos 15, Vargas serviu Hulk dentro da área. O artilheiro Atleticano dominou e bateu de canhota. O goleiro espalmou e na sobra a bola foi a escanteio. Na cobrança do escanteio, aos 16, Rubens desviou e a bola foi quase em cima da linha. Caleb chegou, mas a defesa cortou.

Aos 28, o Galo teve nova cobrança de escanteio, pela esquerda. Após jogada ensaiada, a bola sobrou para Arana, que desviou de canhota, mas a bola foi fraca e Ortíz defendeu.

O Emelec chegou ao ataque pela primeira vez aos 36, em chute de longa distância. Mas a bola passou sobre o gol. Aos 42, o Galo teve nova oportunidade. Mariano cruzou na área e Hulk, marcado, finalizou para fora.

Segundo tempo
As duas equipes voltaram a campo com as mesmas formações para o segundo tempo. Aos dois minutos, Calebe recebeu a bola na intermediária e finalizou de longa distância. A bola passou pelo lado direito do gol do Emelec.

Aos 10 minutos, Calebe cruzou da direita na área e Rubens cabeceou. A bola passou à esquerda do gol. Aos 13, Nacho lançou Hulk, que avançou até a área e chutou sem ângulo. A bola foi para fora.

O técnico Antonio Mohamed fez duas alterações no time aos 15 minutos. Entraram Zaracho e Sasha nos lugares de Rubens e Calebe, respectivamente.

Aos 17, Sebastián Rodríguez chutou forte de longa distância e Everson defendeu.

Aos 25, o Galo teve escanteio pela direita. A bola foi alçada na área e Zaracho cabeceou para o goleiro Ortíz defender.

O Emelec teve dois escanteios, aos 29 e aos 30 minutos, e nenhum dos dois resultou em jogada de perigo para a defesa Atleticana.

Gol do Galo
Aos 32 minutos, em jogada de Vargas na área, Guevara interceptou a bola com o braço. O árbitro Jesus Valenzuela marcou pênalti. Hulk cobrou aos 33 e marcou o gol do Galo.

Aos 43, Mariano tocou para Sasha na área. O atacante pegou de primeira e chutou, mas a bola subiu demais e foi para fora.

Próximo jogo
O Galo volta a campo no próximo domingo, dia 10, desta vez pelo Campeonato Brasileiro. A equipe do técnico Antonio Mohamed recebe o São Paulo, às 18h, no Mineirão. O Atlético ocupa o terceiro lugar na tabela de classificação, com 27 pontos em 15 jogos.

Público: 56.421 pagantes
Renda: R$ 3.291.413,50

Confira a ficha técnica de Atlético x Emelec:
https://atletico.com.br/partida/atletico-x-emelec/

fonte: https://atletico.com.br/na-luta-pela-gloria-eterna/

Fonte: Agência Esporte

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esportes

Em crise, Cuiabá cai mais uma posição na briga pela permanência

Publicado

Em crise de vitória no Campeonato Brasileiro, o Cuiabá se vê cada dia mais perto do abismo na tabela de classificação.

Após mais uma rodada, a 21ª de um total de 38 jogos, o ‘Dourado’ desceu mais um pouco na briga, ocupando agora 18ª colocação após amargar derrota de 1 a 0 para o Fluminense no Maracanã. Soma apenas 20 pontos em 21 jogos disputados. Está a frente somente do Atlético Goianiense, 19º também com 20 e do Juventude, lanterna com 16 pontos.

E, justamente, o time de Caxias do Sul será o próximo adversário da equipe treinada pelo português António Oliveira. O duelo está marcado para o próximo sábado, às 19h30, na Arena Pantanal.

Após ter um início sonolento, inclusive tomando o gol da derrota logo a um minuto de bola rolando, o Cuiabá se mostrou uma equipe aguerrida e competitiva. Por alguns momentos isolados, levou perigo ao gol defendido por Fábio.

A reapresentação do elenco de jogadores deve ocorrer nesta terça-feira no CT do ‘Dourado’. Antônio Oliveira terá outra semana cheia para trabalhar o grupo em busca da reabilitação. Por diversas vezes, o treinador reclamou da ineficiência do setor ofensivo do time. A expectativa é que os novos reforços, atacante Deyverson, ex-Palmeiras e o meia Sidecley, ex-Corinthians, ganhem condição de jogo logo e reforce os setores.

Fonte: Agência Esporte

Continue lendo

Esportes

Flamengo domina ranking de maior público do Brasileirão 2022; veja a lista

Publicado

Nesta primeira fase do Brasileirão 2022, o Flamengo já se destaca com a maior média de público e renda, em 8 das 10 maiores.

Com o Campeonato Brasileiro se encaminhando para sua segunda metade, algumas coisas já começam a ser definidas, como por exemplo as equipes que brigarão por vaga na Libertadores e as que tentarão se manter na elite.

Os 10 maiores públicos do Brasileirão 2022

  1. Flamengo 0 x 0 Palmeiras – 69.997 torcedores (Maracanã)
  2. Flamengo 4 x 0 Juventude – 65,392 torcedores (Maracanã)
  3. Flamengo 4 a 1 Atlético Goianiense – 63.050 torcedores (Maracanã)
  4. Flamengo 1 x 2 Fortaleza – 63.976 torcedores (Maracanã)
  5. Fluminense 2 x 1 Ceará – 63.707 torcedores (Maracanã)
  6. Fluminense 1 x 2 Flamengo – 57.919 torcedores (Maracanã)
  7. Atlético Mineiro 2 x 0 Flamengo – 55.373 torcedores (Mineirão)
  8. Flamengo 0 x 1 Botafogo – 54.981 torcedores (Maracanã)
  9. Flamengo 3 x 1 São Paulo 54.686 torcedores (Maracanã)
  10. Atlético Mineiro 0 x 0 São Paulo – 52.356 torcedores (Mineirão)

Fonte: Agência Esporte

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana