conecte-se conosco


Nacional

Funcionário é demitido por comentário ofensivo sobre cliente no recibo da compra

Publicado


source
recibo
Reprodução Facebook

Funcionário ofender cliente em recibo do restaurante


Um morador da cidade de São Roque fez uma publicação indignada em sua rede social ao checar o recibo de uma compra feita em um restaurante,  que veio com um comentário ofensivo emitido pelo caixa do restaurante. O funcionário foi demitido depois do ocorrido por escrever na comanda do pedido: “o animal não sabe onde mora” .


O cliente escreveu no post que fez o pedido no restaurante que ja frequentava há cinco anos, para comemorar o aniversário de casamento , na noite da última terça-feira (20). Com o pedido em mãos, o homem notou o que estava escrito no recibo, na aba de observação do local de entrega: “O animal não sabe onde mora e põe centro, mas é Junqueira”.

Segundo o cliente, o comentário estragou a noite.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nacional

Juiz manda excluir do Twitter conta de escritor que protestou contra a Universal

Publicado


source
João Paulo Cuenca
Reprodução / Wikipedia

O escritor João Paulo Cuenca virou réu após fazer postagem contra a Igreja Universal

A conta do escritor João Paulo Cuenca foi suspensa do Twitter a pedido da Justiça do Rio de Janeiro. A requisição foi feita após Cuenca ter publicado em junho que o “brasileiro só será livre quando o último Bolsonaro for enforcado nas tripas do último pastor da Igreja Universal “.

O texto é uma paráfrase de Jean Meslier , autor do século 18. No original, Meslier escreve que “o homem só será livre quando o último rei for enforcado nas tripas do último padre”.

O pastor Nailton Luz dos Santos pede indenização em R$ 10 mil por danos morais devido a postagem, além da remoção das redes sociais. O juiz da comarca de Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, Ralph Machado Manhães Junior assina a decisão.

A justificativa que embasa a decisão alega que há “extrapolação” no direito de liberdade de expressão, “pois a postagem do réu é ofensiva e  incitatória à prática de crime ao incitar claramente a violência contra grande parte da população”.

Até o momento, 134 processos partindo de 21 estados foram iniciados por religiosos contra João Paulo Cuenca.

A medida determinada pela Justiça do Rio de Janeiro será recorrida pela defesa de Cuenca, que ainda não teria sido intimada oficialmente.

Continue lendo

Nacional

Após ser mantida refém pelo ex-companheiro, mulher é libertada

Publicado


source
carcere
Agência Brasil

Após ser mantida refém pelo ex-companheiro, mulher é libertada

Após mais de duas horas de negociação,  policiais conseguiram libertar uma mulher que era mantida refém pelo ex-companheiro dentro de sua própria casa, em Belo Horizonte.

De acordo com informações da Polícia Militar, o filho da vítima contou que, na madrugada desta quinta-feira (26), o suspeito pulou o muro da casa, acordou os moradores e se trancou em um dos quartos com a vítima. 

Com uma arma branca, ele ameaçava assassinar a mulher e a cometer suicídio caso a polícia se aproximasse. Policiais foram acionados para tentar negociar com o sequestrador. Militares do Corpo de Bombeiros também foram empenhados. 

Depois que a polícia convenceu o homem a se entregar, a vítima foi liberada da casa e, em seguida, o criminoso foi preso. A princípio, ninguém ficou ferido. 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana