conecte-se conosco


Internacional

Forças afegãs cercam prisão tomada pelo Estado Islâmico

Publicado


.

Forças de segurança do Afeganistão cercaram uma prisão capturada por combatentes do Estado Islâmico, em Jalalabad, cidade do leste do país, nesta segunda-feira (3), com pelo menos 29 pessoas mortas, depois de o ataque noturno dos militantes levar a uma fuga em massa.

Mais de 300 prisioneiros estavam foragidos, afirmou o porta-voz do governador da província de Nangarhar, Attaullah Khugyani. Dos 1.793 prisioneiros, mais de 1.025 tentaram escapar e foram recapturados e 430 permaneceram dentro da prisão.

“O restante está desaparecido”, disse.

Após detonar um carro-bomba na entrada, na noite de domingo (2), homens armados do Estado Islâmico atacaram a prisão, onde muitos militantes do EI foram presos após serem capturados mês passado, ao lado de soldados do Taliban e criminosos comuns.

Mohammad Idres, um dos prisioneiros que ficaram presos no lado de dentro e contactado por telefone, disse que conseguia ver quatro corpos no lado de fora. “Estamos com muita fome, está muito quente e não temos água”, disse, à Reuters.

“Às vezes, está silencioso e os tiros começam”, disse.

“As forças de segurança parecem que não conseguem avançar porque os invasores mantêm pontos estratégicos, incluindo as torres de vigia.”

O Estado Islâmico reivindicou responsabilidade pelo ataque, que ocorreu um dia depois de a agência de inteligência afegã dizer que forças especiais haviam matado um importante comandante do grupo perto de Jalalabad, capital da província de Nangarhar.

Autoridades disseram que o chefe de Estado-Maior do Exército afegão, general Yasin Zia, chegou na segunda-feira para supervisionar a operação, envolvendo forças especiais, para expulsar os soldados do EI que estão dentro da prisão.

O porta-voz do governador disse que civis, prisioneiros e membros das forças de segurança estavam entre os 29 mortos e mais de 50 feridos.

“Oito homens armados foram mortos quando algumas áreas, onde os agressores haviam assumido posições, foram liberadas”, disse Khugyani.

À medida em que o cerco se arrastava ao longo do dia, a normalmente agitada cidade foi colocada em toque de recolher.

Cerca de 130 km ao leste de Cabul, Jalalabad fica na estrada que leva ao passo Khyber e à cidade de Peshawar, no Paquistão.

Um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) mês passado estimou que há por volta de 2.200 membros do Estado Islâmico no Afeganistão e que, embora o grupo tenha perdido território e sua liderança sido esvaziada, ele continua capaz de realizar ataques de grande repercussão.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Internacional

Banco Mundial busca aprovação de US$ 12 bi para financiar vacina 

Publicado


O presidente do Banco Mundial, David Malpass, disse que está buscando aprovação do conselho, de US$ 12 bilhões, para um plano de financiamento de vacina contra o novo coronavírus, a fim de ajudar os países pobres e em desenvolvimento a garantir parcela suficiente de doses quando estiverem disponíveis nos próximos meses.

Malpass afirmou, em entrevista exclusiva à Reuters, que a iniciativa, parte dos US$ 160 bilhões em financiamento de ajuda contra a crise do novo coronavírus prometido pelo credor multilateral, tem como objetivo ajudar os países a adquirir e distribuir vacinas antecipadamente para profissionais da saúde e outros trabalhadores essenciais e expandir a produção global. Segundo ele, o conselho deve analisar o plano no início de outubro.

A competição global pelas primeiras doses da vacina contra covid-19 já é grande, meses antes de qualquer aprovação, uma vez que os países ricos se movimentam para garantir o abastecimento.

O governo dos Estados Unidos prometeu mais de US$ 3 bilhões para garantir centenas de milhões de doses de vacinas em desenvolvimento pela britânica AstraZeneca, pela gigante farmacêutica norte-americana Pfizer e pela alemã BioNTech SE.

Malpass afirmou que o plano do Banco Mundial visa a colocar os países pobres e de renda média, onde o vírus está se espalhando mais rapidamente, no mesmo patamar que os países mais ricos, garantindo financiamento para conseguir o abastecimento e um sistema de distribuição, o que encorajará os fabricantes de medicamentos a atender sua demanda.

Sem as primeiras doses que podem controlar os surtos, muitos desses países correm o risco de um colapso econômico que levará centenas de milhões de pessoas de volta à pobreza.

“Nosso objetivo é alterar o curso da pandemia para os países em desenvolvimento de renda baixa e média”, disse Malpass. “É um sinal de mercado para os fabricantes de que haverá financiamento disponível para os países em desenvolvimento e haverá demanda.”

Continue lendo

Internacional

Paramédicos na Inglaterra testam traje voador para resgatar vítimas

Publicado


Paramédicos do remoto distrito britânico de Lake estão testando um traje equipado com jatos propulsores para ajudar no resgate de pessoas em perigo, em uma fração do tempo que levariam de carro ou a pé.

Em cenas que lembram o personagem “Homem de Ferro”, o piloto de testes e inventor Richard Browning se move a alguns metros acima do solo com a ajuda de pequenos jatos montados em seus braços e nas costas.

“Quem sabe o que o futuro trará? Estamos no começo e estamos muito orgulhosos disso”, disse Browning.

Desenvolvida pela britânica Gravity Industries, a tecnologia reduz drasticamente o tempo de resgate em terrenos difíceis, o que pode potencialmente salvar vidas.

“O potencial é simplesmente enorme”, disse o paramédico de helicópteros Andy Mawson. “O primeiro voo de um traje voador que vai salvar vidas. É um momento incrível.”

Em uma simulação, uma menina de 10 anos que caiu de um penhasco ficou ferida gravemente na perna. Depois de receber as coordenadas da vítima, Browning vestiu o traje e voou em direção a montes rochosos para encontrar a criança, que foi alcançada em apenas 90 segundos. Paramédicos a pé levariam 25 minutos para navegar pelo mesmo terreno e encontrar a menina, disse a companhia.

O traje é capaz de voar a 51 quilômetros por hora e atingir uma altitude máxima de cerca de 3.600 metros.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana