conecte-se conosco


Entretenimento

“Foi o trabalho que me salvou”, afirma Dani Calabresa sobre assédio

Publicado


source
Dani Calabresa
Reprodução/ Instagram

Dani Calabresa

Dani Calabresa  revelou recentemente como lidou com a repercussão das acusações de assédio contra o humorista Marcius Melhem. Segundo a atriz, foi necessário “se apegar ao trabalho” para seguir em frente.

“O que me ajudou a colar os pedaços foi o trabalho. O trabalho me salvou. Eu tenho porque acordar. Eu tenho porque tomar banho. Eu tenho que lembrar quem sou. Os amigos, família, terapia, também. Mas o trabalho foi o que mais salvou”, disse Dani Calabresa, em entrevista ao “Saia Justa”, no GNT.

Questionada sobre o motivo de ter demorado para trazer os episódios à tona, Dani fala sobre o medo de perder sua carreira. “Por causa do trabalho eu não reagi antes. Eu tinha tanto medo de sofrer. Tinha medo de sofrer um boicote. O assédio é um assunto tão assustador que a gente tenta fingir que é normal. Você segue como você consegue. Fingindo normalidade, tentando ser legal, demonstrando uma gratidão excessiva. Mas chega uma hora que isso começa a fazer tão mal que você tem que arrebentar a tampa desse caldeirão”, analisa.

Mesmo conseguindo seguir em frente, a atriz alerta a população feminina. “Nada autoriza assédio. Nenhuma brincadeira, nenhuma mensagem autoriza assédio. Naquele dia foi carinhosa, riu, bebeu, não interessa. Ninguém tem o direito de forçar o contato físico com ninguém. É preciso permissão. É muito difícil lidar com tudo isso, organizar o pensamento. Estou com meus pedaços colados, estou leve. E na terapia.” 

Relembre o caso

Em dezembro de 2020, a partir de uma reportagem da revista Piauí, denúncias de assédio contra Marcius Melhem vieram à tona. Entre as principais vítimas – e a única com identidade revelada – estava Dani Calabresa. 

Segundo as denúncias, Calabresa sofreu assédio pelas mãos do diretor em 2017, durante as gravações de um esquete do “Zorra Total”. Na cena em questão, a atriz teria como figurino um maiô igual ao de Pâmela Anderson no filme “S.O.S Malibu”. Melhem, então, teria ido ao camarim “para dar uma conferida” no figurino. 

Além deste episódio, o diretor também é acusado de ter importunado Dani durante uma confraternização da equipe em um bar. À ocasião, Marcius é acusado de tentar encostar seu corpo ao de Dani, além de tentar beijá-la.

Fonte: IG GENTE

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entretenimento

‘BBB 21’: Fiuk, Gilberto e Caio se enfrentam no paredão da semana

Publicado


source
Gilberto, Fiuk e Caio lutam para ficar na casa essa semana
Reprodução

Gilberto, Fiuk e Caio lutam para ficar na casa essa semana

Chegando na reta final do “BBB 21” as dinâmicas da semana mudam. Na formação deste paredão deste domingo (18) cada participante pôde votar em duas pessoas, incluindo a líder, Viih Tube, que teve direito a duas indicações, uma sendo obrigatoriamente em um dos três Monstros — Caio, Gilberto e Arthur.

O Anjo da semana foi autoimune, portanto Camilla não pôde ser uma opção de voto nessa semana.

Viih Tube colocou Gil e Fiuk, que não tiveram direito ao bate e volta. Pela casa, o mais votado foi Arthur e houve um empate quadrúplo entre Caio, João, Juliette e Pocah. A líder teve que desempatar e, sendo muito próxima a Juliette e João, escolheu entre Pocah e Caio, mas acabou mandando Caio.

Os dois indicados pela casa, Arthur e Caio, tiveram direito ao bate e volta, que foi uma prova de sorte. No pátio da casa, tinham pinhatas, quem achasse as duas pinhatas com confete dourado dentro, estaria livre da berlinda.

Artgur ganhou o bate e volta e Gilberto, Fiuk e Caio estão no paredão da semana e um deles será eliminado na terça-feira (20).

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Entretenimento

Marcelo Adnet detona influenciadores por ‘show de horrores’ em plena pandemia

Publicado


source
Marcelo Adnet
Reprodução

Marcelo Adnet

Marcelo Adnet resolveu pegar pesado com os influenciadores neste domingo (18). Ele criticou os famosos que burlam a recomendação mundial pelo isolamento social por causa da Covid-19 e ainda postam vídeos e fotos de encontros e festas. O humorista classificou como ‘show de horrores’ a falta de respeito e fez questão de chamar a atenção que já são quase 400 mil mortos no Brasil pela doença. Adnet postou um vídeo publicado no Tik Tok em que aparece s ex-BBBs Flayslane, Munik Nunes, Hariany Almeida e Paula von Sperling dançando em um encontro recente entre as amiga. Além delas, também estão nas imagens as cantoras Lais Bianchessi e MC Mirella e das influenciadoras Ana Mosconi, Carolzinha, Catherine Bascoy e Karoline Lima.

“Chocante entrar no Instagram e perceber que influencers seguem aglomerando para fazer dancinhas e coreografias em meio a propagandas de shakes e chás emagrecedores. Lipo, rino, harmonização, bichecto. Um show de horrores. Talvez eu esteja apenas velho”, começou Adnet para logo completar:Pandemia, quase 400 mil mortos”.

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana