conecte-se conosco


Nacional

Filósofa húngara Agnes Heller, que sobreviveu ao Holocausto, morre aos 90 anos

Publicado

Filósofa de 90 anos morreu na sexta-feira arrow-options
Creative Commons

Filósofa é lembrada como um dos principais nomes da Escola de Budapeste

A filósofa húngara Agnes Heller morreu nesta sexta-feira (19), aos 90 anos de idade. Ela era uma dissidente do regime comunista e tinha virado uma forte crítica nos últimos anos do primeiro-ministro Viktor Orban. “Agnes Heller, membro da Academia Nacional de Ciências, filosofa e professora da New School for Social Research de Nova York […] faleceu no dia 19 de julho, aos 90 anos”, informou a Academia Húngara de Ciências (MTA).

Heller nasceu em 12 de maio de 1929, em Budapeste, e sobreviveu ao Holocausto. De família judia, seu pai morreu no campo de concentração de Auschwitz.

Leia também: Túmulo do filósofo Kalr Marx é alvo de vandalismo em Londres

Foi aluna de um dos principais pensadores húngaros do século XX, o filósofo marxista Georg Lukacs. Ela é lembrada como um dos principais nomes da Escola de Budapeste, corrente crítica ao socialismo húngaro que surgiu após a revolta de 1956.

Leia Também:  Caça da FAB cai no RS durante exercício militar; pilotos ejetaram antes da queda

Perseguida pelo regime comunista na década de 1970, ela buscou refúgio na Austrália e nos Estados Unidos e voltou à Hungria somente nos anos 2000

Fonte: IG Nacional
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Nacional

Polícia Civil realiza maior operação de combate a pedofilia virtual no Rio

Publicado

source
Operação arrow-options
Divulgação

Policiais realizam 80 mandados de busca e apreensão no estado do Rio nesta quarta-feira

Polícia Civil do Rio realiza uma operação na manhã desta quarta-feira para cumprir 80 mandados de busca e apreensão contra suspeitos de pedofilia virtual .

Leia também: Maia reconhece suspensão de Eduardo e mais 13; Joice será nova líder do PSL

A ação é realizada no município do Rio de Janeiro, bem como na Baixada Fluminense, Região Metropolitana e interior do estado. Até o momento, um homem de 22 anos foi preso em flagrante em Itaboraí.

Denominada de Imperium, a operação é a maior contra pedofilia já realizada no estado e conta com a participação de 200 policiais civis. A partir de uma investigação que durou quatro meses, policiais da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV) identificaram pelo menos 51 pedófilos que compartilhavam imagens e vídeos de pornografia infantil na internet.

Todo o material apreendido e os presos serão levados pra Cidade da Polícia, no Jacarezinho, zona norte do Rio .

Leia Também:  Mais 17 presos são transferidos de prisões do Amazonas

Leia também: Por 6 votos a 1, TSE cassa o mandato da senadora ‘Moro de Saias’

Fonte: IG Nacional
Continue lendo

Nacional

99 divulga manifesto “Todos pela Segurança. Segurança para Todos”; veja íntegra

Publicado

source

Fonte: IG Nacional
Leia Também:  Revoltado com fim de namoro a três, jovem mata companheiro a facadas em SP
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana