conecte-se conosco


Nacional

“Falsos policiais” são presos em São Paulo com carro furtado

Publicado

source
arrow-options
Divulgação/Polícia Militar

“Falsos policiais” foram presos em São Paulo com carro furtado

A Polícia Militar de São Paulo prendeu dois homens que se passavam por policiais civis para extorquir pessoas , nesta sexta-feira (20), na Zona Leste da capital paulista. Eles estavam dentro de um carro furtado e com o chassi adulterado, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP).

Leia também: Vendedor de balas fica preso por três semanas mesmo após laudos o inocentarem

Os homens, de 27 e 38 anos, estavam acompanhados de mais uma pessoa quando foram abordados pelos policiais . O trio justificou que eram integrantes da Polícia Civil e um deles
chegou a mostrar um distintivo de investigador. Os agentes, no entanto, desconfiaram e solicitaram as outras funcionais, mas os suspeitos aceleraram o veículo e tentaram fugir.

Posteriormente os PMs conseguiram prender dois suspeitos, mas o terceiro, que estava no banco de trás do carro, fugiu. A dupla, então, confessou que se passavam por policiais civis. Segundo a SSP, não foi encontrado nenhum material ilícito no automóvel, mas o mesmo estava com o chassi adulterado e foi roubado em janeiro deste ano.

Leia Também:  Militar mantém mulher e filhos reféns há mais de 10 horas na zona norte do Rio

Leia também: Operação no Complexo do Alemão deixa quatro mortos e um PM ferido

Os ” falsos policiais ” foram encaminhados ao 41º Distrito Policial, onde foram autuados por “receptação, falsa identidade, resistência, uso ilegítimo de uniforme ou distintivo e adulteração de sinal identificador de veículo automotor”.

Fonte: IG Nacional
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Nacional

Corpo é encontrado dentro da reitoria da UFRN

Publicado

source
Gabinete de reitor da ufrn arrow-options
Ricardo Pinto/Flickr

Servidor foi encontrado na reitoria

Um servidor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) foi encontrado morto dentro da reitoria da instituição na manhã desta quinta-feira (17). José Aldo Correia, de 53 anos, não voltou para casa depois do expediente e foi procurado por parentes na instituição.

O funcionário trabalhava na função de operador de Micro e ajudava na cobertura de eventos no local. O corpo foi retirado por volta das 8h30 e uma perícia foi chamada para investigar as causas da morte.

Leia também: MPF denuncia grupo por fraude no Fies e venda de vagas em medicina

Por meio de nota, a UFRN prestou condolências e solidariedade aos amigos e familiares do funcionário, que trabalhava no local desde 1996. A instituição afirmou, ainda, que “se encontra tomando as providências devidas”. A maior suspeita é de que o servidor tenha falecido por causas naturais.

Fonte: IG Nacional
Leia Também:  PGR denuncia conselheiro do TCE-RJ por desvirtuar investigação do caso Marielle
Continue lendo

Nacional

Mulher anda 10 km em ônibus diferentes tentando fugir de assédio e não consegue

Publicado

source
Mulher registrou boletim de ocorrência por importunação sexual arrow-options
shutterstock

Mulher registrou boletim de ocorrência por importunação sexual

Uma mulher de 33 anos foi perseguida por mais de 10 quilômetros enquanto andava na rua na última terça-feira (15) no centro de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

Segundo boletim de ocorrência, a vítima percebeu que era seguida por um homem branco, baixo, de cabelo castanho, com pouca barba e mochila nas costas. Ela subiu em um ônibus circular até um terminal e o suspeito subiu e desceu do veículo a encarando.

Leia também: Idoso é preso ao sair de motel com menina de 11 anos

Com medo, a mulher subiu em outro ônibus e continuou sendo seguida e fitada pelo homem. Ela desceu na Rua Maracantins, no bairro de Jardim Tijuca e percebeu que o rapaz a seguiu pela rua. Ao passar na frente de uma escola, ela foi chamada pelo homem, que tinha abaixado as calças e levantado a blusa.

A mulher correu até a delegacia , onde prestou boletim de ocorrência por importunação sexual. O homem ainda não foi encontrado pela polícia.

Leia Também:  Senado está perto de esclarecer fraude na votação à presidência, diz corregedor

Fonte: IG Nacional
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana