conecte-se conosco


Entretenimento

Fábio Porchat não quer lacração em seu novo programa no GNT

Publicado

Fábio Porchat está de casa e programa novo. Após migrar da Record para a GNT , o humorista estreia nesta terça-feira (6), às 22h30, o “Que História é Essa, Porchat?”, sua mais nova atração. Porém, quem pensa que ele fará novamente um talk show, o próprio explica melhor como será em entrevista exclusiva ao iG

Leia também: Após deixar a Record, Fábio Porchat assume talk show interativo no GNT

Fábio Porchat arrow-options
Divulgação/GNT

Fábio Porchat ganha novo programa no GNT com formato diferenciado

“É um talk show? É um game show? Não. Sabe, estamos com bastante talk shows no momento, o que é ótimo, mas o formato satura um pouco”, diz o apresentador. “Será um programa onde anônimos e famosos contam as suas melhores histórias. Todo mundo tem uma boa história pra contar para impressionar as pessoas, ou para colocar em uma mesa de bar ou no almoço de família”, explica Fábio Porchat .

“Nos talk shows está todo mundo dando opinião sobre tudo. Todo mundo lacrando. Lacra na rede social. Lacra nos programas de TV, em tudo quanto é canto e eu queria um programa que não tivesse lacração”, define o apresentador em conversa por telefone. “Não quero saber como o convidado começou ou o que está fazendo. Eu só quero ouvir a sua melhor história”, conta ele.

Leia também: “Meu maior medo é ficar um velho sem graça”, revela Fábio Porchat

Com produção do Porta dos Fundos e exibição semanal às terças, o programa apresentará um cenário de 360º e terá três convidados por vez. “Enquanto os rostos conhecidos ficam em cadeiras no centro, os anônimos eu busco na plateia. Depois de ouvir os famosos, eu vou para o meio do público para ouvi-los”, fala o apresentador que diz não sentir diferença entre fazer TV e internet: “É a mesma coisa. São apenas plataformas diferentes”.

Dos convidados que estarão na primeira temporada, ele adianta os que renderam as melhores risadas: “Tem muita gente que eu já era amigo e fiz questão de ter no programa, como a Dani Calabresa que é uma das pessoas mais engraçadas do mundo. Ela foi um exigência minha. O Lúcio Mauro Filho também, é um contador de história brilhante”.

Fábio Porchat arrow-options
Divulgação/GNT

Fábio Porchat quer ouvir história interessantes em novo programa


E, não foram só os “chegados” de Porchat que deram as caras no programa. “Teve pessoas que eu não tinha nenhuma intimidade como a Cláudia Raia e a Regina Casé, por exemplo, e arrasaram”, revela antes de responder qual seria o convidado dos sonhos: “Amaria ter o Faustão. Imagine as histórias que ele iria contar?”.

Segundo o apresentador, outro ponto positivo do programa é a liberdade de poder falar o que quiser, sem restrições. Em 2018, Porchat encerrou contrato com a Record um ano antes do previsto. “A GNT é bem cabeça aberta nesse sentido, então terá de tudo um pouco. Posso falar de sexo, palavrão, o que quiser”, conta.

Humor que preocupa

Quando o assunto é política , o humorista muda o tom: “O Brasil sempre foi o país da piada pronta, como diria José Simão. Mas, o humor é sempre do contra. Contra tudo isso o que está acontecendo ai [no governo]”, diz ele. “É lógico que algumas piadas que surgem ultimamente na política são piadas de mau gosto e a gente acaba fazendo piada com tudo, como sempre fiz. Eu fazia piada com o Lula e com a Dilma, assim como faço com o Bolsonaro”.

Porém, para Porchat essas piadas representam preocupações: “A gente passa por um momento político turbulento. O país está dividido e temos um governo ideológico no poder que acredita que tudo o que é contra eles é de esquerda ou comunista. Também cria notícias, vai contra dados, não tem muita lógica. Então, temos que estar sempre atentos para impedir que coisas como a democracia seja ameaçada”.

Leia também: Fabio Porchat na Globo? Humorista faz graça com boatos: “Que história é essa?”

Falando em divisão por causa de política, o apresentador é questionado se coleciona inimigos ideológicos. “Olha, não tenho nenhum inimigo. Me dou bem com todo mundo. No Porta [dos Fundos] temos gente de esquerda e de direita. Então, por enquanto ainda não fiz inimizade nenhuma”, finaliza.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Entretenimento

Xuxa se arrepende de ter criticado a Globo: “Fui mimadinha”

Publicado


source

Em uma live compartilhada com a estilista Martha Medeiros no Instagram nesta sexta-feira (29), Xuxa Meneghel comentou sobre sua entrevista ao jornalista Pedro Bial no programa “Conversa com Bial”, da Globo , que foi ao ar nesta semana e admitiu que se arrepende de ter criticado sua antiga emissora.

Xuxa
Divulgação

Xuxa

Na conversa, a apresentadora afirmou que não existe perspectiva de que ela retorne à emissora e negou os rumores de que sua participação durante a semana na Globo teria causado um desconforto na Record . “Falaram que a Record ficou chateada por eu ter aparecido no Bial. Não há nenhuma verdade nisso. Não é verdade também que exista alguma conversa [de volta para a Globo]. Tenho grande carinho pelas casas. Se eu falei que estava chateada com a Globo, me arrependo”, disse Xuxa .

Leia também: Xuxa aparece nua e arranca suspiros: “Morri com essa foto”

“Eles [na Globo] me fizeram rainha e fui mimada pela emissora. Se na reta final falei que estava chateada com a Globo, fui mimadinha. Tenho profundo carinho pela Manchete, pela Globo e pela Record. Sempre fui respeitada por todas as casas por onde passei”, completou Xuxa .

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Entretenimento

Sogra de Nego do Borel volta a atacar funkeiro: “Mau-caráter”

Publicado


source

A mãe da namorada do cantor Nego do Borel, Simone Barreiros , voltou a atacar o artista em suas redes sociais . Neste sábado (30), a médica chamou o funkeiro de “mau-caráter” e reafirmou que não aprova o relacionamento dele com a filha, Duda Reis .

Simone Barreto e Nego do Borel
Reprodução/Instagram

Simone Barreto e Nego do Borel


Leia também: Duda Reis teve anorexia e perdeu trabalhos devido a Nego do Borel, diz jornal

Simone foi questionada por uma seguidora se ela acha que a filha e Nego do Borel formam um belo casal. Sem rodeiros, ela respondeu: “Se ele fosse um cara do bem, formariam sim. Mas como ele é mau-caráter, sou obrigada a discordar de você”.

Nego do Borel e a família da namorada não se dão nada bem e não escondem suas insatisfações com ambas as partes. No fim do mês passado, o funkeiro revelou aos fãs que o fato de ser negro e ter nascido em uma favela influenciaram as inúmeras críticas dos sogros em sua relação com a modelo.

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana