conecte-se conosco


Registro Geral

Fábio acertou na mosca ao recuar de candidatura em Cuiabá; política virou ambiente hostil e arriscado

Publicado

Suplente de senador, Fábio Garcia (DEM), recuou da disputa eleitoral em Cuiabá

Provável sucessor de uma das maiores fortunas de Mato Grosso, o sogro é um dos gigantes do agronegócio, o ex-deputado federal, Fábio Garcia, o Fabinho (DEM), tomou a melhor decisão da vida dele ao recuar da candidatura a prefeito de Cuiabá. Explica-se: hoje em dia, militar na vida pública é uma atividade, literalmente, cercada por tubos de nitroglicerina pura. O menor vacilo, mesmo não doloso ao erário, o gestor público complica sua vida para sempre. Basta uma mínima faísca de suspeição, para que os órgãos de fiscalização desencadeiem operações policiais, expondo a classe política ao julgamento popular. Se não bastasse isso, a função de OD (ordenador de despesa em órgãos públicos) pode custar ao mandatário do poder bloqueios judiciais, pesados processos civis e muitos anos de cadeia. Talvez, ao colocar tudo isso na balança, Fabinho enxergou melhores oportunidades no setor privado e declinou de uma eleição dura e desleal.

publicidade
1 comentário

1 comentário

  1. VANIA MACHADO

    16/09/2020 - 19:20 a 19:20

    NÃO ACHEI CERTO SÓ DIZER NA ULTIMA HORA. FRACO, MUITO FRACO

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Registro Geral

Em áudio bombástico, Medeiros diz que coronel Rúbia causou “constrangimento dos infernos” ao presidente

Publicado

Deputado federal José Medeiros (Podemos) sobre candidatura da coronel Rúbia Fernandes (Patriotas): “Uma coisa de louco. O presidente me disse: ‘Cara, situação terrível. Fazer o que?”

O deputado federal, José Medeiros (Podemos), candidato a senador, em áudio exposto em um grupo de whatsapp, revelou detalhes dos bastidores acerca da candidatura da coronel Rúbia Fernandes ao Congresso Nacional. Segundo ele, o presidente, Jair Bolsonaro, o procurou para retirar a PM do processo eleitoral, mas com a condição de “ajeitá-la” na sua suplência ou até mesmo como vice na chapa encabeçada pelo ex-prefeito de Cuiabá, Roberto França (Patriotas), candidato ao Alencastro. “Procurada pelo ex-deputado federal, Victório Galli para recuar da candidatura, a coronel começou a chorar, e disse ao presidente que ela seria envergonhada publicamente. Ela disse ao presidente que tinha sonhado e que Jesus Cristo revelou que ela seria senadora. Constrangido, o presidente gravou aquele vídeo que foi mostrado na convenção do Patriotas”, explicou Medeiros.

Continue lendo

Registro Geral

Para não ser rifada ao senado, coronel Rúbia cobrou cumprimento da palavra de Bolsonaro

Publicado

Lançada como candidata a senadora pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (Aliança), em março passado, tenente coronel, Rúbia Fernandes de Oliveira (Patriotas) pode perder apoio do próprio Bolsonaro por supostamente ter imposta sua candidatura, afirma deputado federal, José Medeiros (Podemos)

Ainda de acordo com o deputado federal, José Medeiros, a candidata ao senado federal, coronel Rúbia Fernandes, teria colocado o presidente Jair Bolsonaro na parede, cobrando dele a palavra dada quando do seu lançamento como pré-candidata em março deste ano. “Num gesto claro de insubordinação, a coronel disse que iria falar com o presidente, e que ele (Bolsonaro) teria que ‘olhar na cara dela’ e confirmar que ela não seria mais candidata ao senado”, explicitou. Medeiros lamentou a forte pressão da PM contra Bolsonaro. “Uma coisa de louco. O presidente me disse: ‘Cara, situação terrível. Fazer o que? Vamos tocar o baile lá. Vamos pra frente´. Foi isso”, desabafou o parlamentar.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana