conecte-se conosco


Registro Geral

Ex-gestores da Secretaria de Saúde de Mato Grosso terão que restituir R$ 6 milhões ao erário público

Publicado

Conselheiro substituto, Luiz Henrique: O referido contrato foi firmado em 16/02/2012, por inexigibilidade de licitação

Dois ex-gestores da Secretaria de Estado de Saúde (SES) terão que devolver aos cofres públicos de Mato Grosso R$ 6 milhões, em valores atualizados. A quantia é referente a pagamentos ilegais feitos a duas empresas que prestam serviços de home care (atendimento domiciliar para pacientes internados). Terão ainda que pagar multa de 10% sobre o valor do dano ao erário e multa individual de 20 UPFs. A decisão é do Pleno do Tribunal de Contas, que na sessão desta terça-feira (08/10)julgou Representação de Natureza Internaproposta em face da SES (Processo nº 65021/2015). Por maioria e acompanhando o voto do relator, conselheiro interino Luiz Henrique Lima, o Pleno condenou o ex-secretário adjunto de Administração Sistêmica da SES, Marcos Rogério Lima Pinto e Silva, e o ex-superintendente administrativo da Secretaria, Bruno Cordeiro Rabelo, a ressarcirem aos cofres públicos, solidariamente com a empresa Help Vida Pronto Socorro Móvel de Cuiabá Ltda., a quantia de R$ 5.258.543,85, devidamente atualizados à época do pagamento, mais multa de 10% sobre o dano. Ambos também foram condenados a devolverem ao erário, solidariamente com a empresa S.O.S. Resgate Ltda., a quantia de R$ 746.436,33, mais 10% sobre o dano.

Leia Também:  Governador demonstra descontentamento com greve e diz que não tem condições de atender revindicações

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Registro Geral

Casa Civil cresce no Governo e já é cotado para disputar Alencastro; nome será definido em julho do ano que vem

Publicado

Secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho: nome forte para disputar o Alencastro, em 2020

O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho (DEM), o Maurinho, apesar de não assumir publicamente, vem sendo estimulado por aliados a concorrer ao cargo de prefeito de Cuiabá, em 2020. Segundo fontes da coluna, o entrave que dificultava a eleição de Mauro era o comando de suas empresas, até então delegado a terceiros. No entanto, um parente próximo assumiu a direção geral do grupo e se destacou como gestor, assegurando tranquilidade para Maurinho fazer política, sem “esquentar a cabeça” com os rumos dos negócios. Liberado, o Casa Civil já estaria engraxando as chuteiras para colocar o bloco na rua, em 2020.

Leia Também:  Governador demonstra descontentamento com greve e diz que não tem condições de atender revindicações
Continue lendo

Registro Geral

População sinaliza mudança no Legislativo ao escolher figuras novas para cargos de Conselheiros Tutelares, em VG

Publicado

O resultado do último domingo (20), para escolha de Conselheiros Tutelares de Várzea Grande, demonstrou claramente um retrato da próxima eleição de 2020 e que poderá haver surpresas para o legislativo municipal. Milhares de eleitores deram recado aos vereadores, secretários, empresários e demais pessoas ligadas ao contexto  político da cidade. Tevê alguns parlamentares que apoiaram 2 candidatos ou mais, contabilizando vitória e derrota. Segundo fonte da coluna, a eleição, acima citada, deve forçar, inclusive, desistências antecipadas de ao menos quatro atuais vereadores.

População deu recado aos vereadores de Várzea Grande, na eleição para escolha dos novos Conselheiros Tutelares do município

Leia Também:  Temperatura despenca e Chapada dos Guimarães poderá registrar até -1º no próximo domingo
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana