conecte-se conosco


Registro Geral

Ex-gestores da Secretaria de Saúde de Mato Grosso terão que restituir R$ 6 milhões ao erário público

Publicado

Conselheiro substituto, Luiz Henrique: O referido contrato foi firmado em 16/02/2012, por inexigibilidade de licitação

Dois ex-gestores da Secretaria de Estado de Saúde (SES) terão que devolver aos cofres públicos de Mato Grosso R$ 6 milhões, em valores atualizados. A quantia é referente a pagamentos ilegais feitos a duas empresas que prestam serviços de home care (atendimento domiciliar para pacientes internados). Terão ainda que pagar multa de 10% sobre o valor do dano ao erário e multa individual de 20 UPFs. A decisão é do Pleno do Tribunal de Contas, que na sessão desta terça-feira (08/10)julgou Representação de Natureza Internaproposta em face da SES (Processo nº 65021/2015). Por maioria e acompanhando o voto do relator, conselheiro interino Luiz Henrique Lima, o Pleno condenou o ex-secretário adjunto de Administração Sistêmica da SES, Marcos Rogério Lima Pinto e Silva, e o ex-superintendente administrativo da Secretaria, Bruno Cordeiro Rabelo, a ressarcirem aos cofres públicos, solidariamente com a empresa Help Vida Pronto Socorro Móvel de Cuiabá Ltda., a quantia de R$ 5.258.543,85, devidamente atualizados à época do pagamento, mais multa de 10% sobre o dano. Ambos também foram condenados a devolverem ao erário, solidariamente com a empresa S.O.S. Resgate Ltda., a quantia de R$ 746.436,33, mais 10% sobre o dano.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Registro Geral

Suprema Corte determina quebra de sigilos fiscal e bancário e fará devassa na contabilidade do dono da Havan

Publicado

Empresário Luciano Hang, dono das lojas Havan, teve sigilos fiscal e bancário quebrados, por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quarta-feira (27)

Deu no BLOGODMAK (www.blogdomak.com.br) O poderoso empresário, Luciano Hang, dono das lojas Havan, enfrenta verdadeira devassa nas suas contas bancárias. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, relator do inquérito que investiga as fake news determinou a quebra de sigilos bancário e fiscal de Hang. Na mesma decisão, o ministro, como manda a lei, especificou o período de julho de 2018 a abril deste ano, como os meses em que o empresário terá sua vida financeira e tributária escancarada aos olhos da Suprema Corte. Outras três pessoas terão que cumprir medidas restritivas. São elas: Edgard Gomes Corona, Reynaldo Bianchi Junior e Winston Rodrigues Lima, todos suspeitos de financiar ataques nas redes contra a Corte.

Comentário meu: é inegável o espírito empreendedor de Lucinao Hang, gerando milhares de empregos ao Brasil. No entanto, ele mistura a vida executiva com o ativismo político, principalmente marcado por críticas duras aos seus adversários. Com isso, pela lei do universo, o retorno é líquido e certo. Mas se ele (Hang) estiver com tudo em dia, como pagamentos de impostos, transações financeiras registradas e o vasto patrimônio devidamente declarado à Receita Federal, pode ficar tranquilo e sossegado. Tá, ok?

Continue lendo

Registro Geral

LUZ NO FIM DO TÚNEL: Pandemia se estabiliza em São Paulo e mostra tendência de queda nos próximos dias

Publicado

Maior cidade do Brasil, São Paulo, com 13 milhões de habitantes, começa vencer a guerra contra a pandemia causada pelo coronavírus

Deu no BLOGODMAK (www.blogdomak.com.br) A maior cidade do País, com mais de 13 milhões de habitantes, começa a se estabilizar na luta para derrotar a maior pandemia dos últimos tempos. Informações divulgadas nesta quarta-feira (27), pelo Governo do Estado, mostram que as taxas de ocupação de leitos de UTI permanecem estáveis em São Paulo. Na prática houve leve recuo, o que mostra neste momento quadro de estabilidade do coronavírus. A Grande São Paulo, por exemplo, nas últimas 24 horas, viu o índice de taxa de ocupação hospitlar cair de 87,7% para 87,6%. No estado, o percentual de ocupação também teve queda, passando de 74,5% para 73,2%. São Paulo tem 12,3 mil pacientes internados com Covid-19, dos quais 4.686 em UTI e 7.707 em leitos de enfermaria. Até o momento, 18.245 pacientes que ficaram internados nos hospitais receberam alta.

Comentário meu: está evidente que a pandemia se estabilizou no final deste mês, com destaque para os grandes centros urbanos como São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Fortaleza, Manaus e Belém. A continuar desta forma, em junho veremos queda tanto no número de casos, como de vítimas fatais.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana