conecte-se conosco


Internacional

EUA: sede da ONU é isolada após denúncia de homem armado perto do prédio

Publicado


source
Sede da ONU em Nova Iorque, nos Estados Unidos
Public Domain

Sede da ONU em Nova Iorque, nos Estados Unidos

A sede das  Organizações das Nações Unidas (ONU) em Nova Iorque, nos Estados Unidos, foi isolada pelas autoridades locais devido a denúncias sobre um homem portando o que parece ser uma espingarda perto do prédio. Funcionários e delegados que estão na construção foram orientados a se abrigar no local.

Uma autoridade de segurança disse à CNN que as unidades de serviços de emergência estão conversando com o homem, que parece ter uma arma. “Nós fechamos o prédio devido à atividade policial acontecendo fora da ONU em frente aos nossos portões”, disse Stephane Dujarric, porta-voz das Nações Unidas à rede. “Todo mundo está no prédio por enquanto, o complexo está trancado”, acrescentou.

A Segurança da ONU também emitiu um comunicado interno informando sobre a situação e com as medidas a serem tomadas:

“O Serviço de Segurança e Proteção da UNDSS deseja informar que há atividade policial em andamento na 1ª Avenida entre as ruas 42 e 43. Todos os funcionários e delegados da UNHQ são solicitados a se abrigar no local. As autoridades do país anfitrião estão atualmente em cena. O Serviço de Segurança e Proteção está monitorando a situação e fará as atualizações necessárias.”

No momento, o Conselho de Segurança do órgão realiza uma reunião.

Fonte: IG Mundo

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Internacional

Homem sobrevive ao pular do 9º andar de prédio e atingir carro na rua

Publicado


source
Homem sobreviveu após cair do 9º andar de prédio e atingir carro
Reprodução / NY Post

Homem sobreviveu após cair do 9º andar de prédio e atingir carro

Um homem pulou do 9º andar de um prédio em Nova Jersey, nos Estados Unidos, e sobreviveu após atingir um carro que estava estacionado em frente ao edifício. O norte-americano de 31 anos recebeu alta e foi liberado do hospital, de acordo com Kimberly Wallace-Scalcione, porta-voz de Jersey City.

Após cair do prédio, a vítima teve o braço direito mutilado, sofreu ferimentos internos e cortes na cabeça, mas sobreviveu e deixou o hospital em meados de dezembro, segundo Kimberly informou nesta sexta-feira (28) ao jornal The Post Friday.


A queda de 30 metros ocorreu em 6 de outubro do ano passado e o momento foi flagrado por pessoas que passavam na rua. Apesar da altura e dos ferimentos, o homem ainda conseguia se comunicar ao atingir o capô do veículo.

Leia Também

De acordo com o jornal, ele teria se jogado da janela dizendo que “queria morrer”.

“Ouvi um grande estrondo e no começo não pensei que fosse uma pessoa”, disse Christina Smith, que passava na rua no momento da queda. “A janela traseira do carro estourou. Então o cara pulou e começou a gritar.”

No dia seguinte à queda, as autoridades informaram que o homem corria risco de vida, mas ele resistiu e foi liberado do hospital dois meses após o ocorrido.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

Internacional

África: países afetados pela tempestade Ana totalizam 86 mortos

Publicado


source
Tempestade Ana deixa quase 90 mortos no sul da África
Reprodução/redes sociais

Tempestade Ana deixa quase 90 mortos no sul da África

A tempestade tropical Ana, de intensidade moderada, deixou pelo menos 86 mortos em sua passagem por Madagascar, Moçambique e Malawi, além de desalojar milhares de pessoas, causar a falta de energia elétrica e provocar danos significativos, segundo balanço atualizado nesta sexta-feira (28).

Desde a semana passada, fortes chuvas atingiram vários países da região sul do continente africano, deixando um rastro de destruição pelos territórios.

De acordo com as autoridades dos três países, equipes de resgate estão enfrentando dificuldades para acessar as regiões afetadas, onde estradas e pontes foram literalmente destruídas.

No Malawi, onde morreram 20 pessoas, o Departamento de Gestão de Desastres disse que, devido às estradas intransitáveis, muitas famílias tiveram que transportar a pé os corpos de seus familiares para o enterro.

O presidente Lazarus Chakwera declarou estado de emergência no país, onde diversas cidades ainda permanecem sem energia elétrica.

Leia Também

A tempestade tropical causou chuvas torrenciais, que perderam a intensidade hoje. Ana passou por Madagascar na última segunda-feira, antes de chegar a Moçambique e Malawi.

Em Madagascar, onde ao menos 48 pessoas foram mortas por deslizamentos de terra, a tempestade se juntou a chuvas que já vinham atingindo a região em 22 de janeiro. Ao todo, 72 mil pessoas perderam suas casas.

Já em Moçambique, 18 mortes foram registradas, de acordo com o balanço mais recente. A Unicef informou que 10,5 mil casas foram danificadas, além de 12 unidades de saúde e 137 escolas.

A tempestade também afetou Zimbábue, mas não há registros de mortes até o momento.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana