conecte-se conosco


Mato Grosso

Estudantes de graduação de Rondônia visitam a diretoria de Criminalística da Politec

Publicado

Estudantes do curso de graduação em Sistemas de Informação do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia de Rondônia realizaram uma visita acadêmica às gerências que compõem a Diretoria Metropolitana de Criminalística da Politec de Mato Grosso, nesta segunda-feira (18.11).

O objetivo é mostrar na prática quais as possibilidades de atuação da profissão, com a visualização in loco dos conteúdos e teorias vistas em sala de aula.

Em um dos setores os alunos acompanharam a rotina de trabalhos dos peritos da Gerência de Perícias em Computação Forense, que é responsável pela realização perícias em computadores, dispositivos eletrônicos, e meios digitais, como celulares.

“A parte mais interessante para mim foram as perícias de computação em que mesmo sem ter acesso à pessoa que era a dona do celular os peritos conseguem rastrear as informações. Foi bem interessante pois é uma linguagem que tínhamos acabado de aprender na faculdade. Depois dessa visita aumentou ainda mais o meu interesse em seguir a carreira da área  forense depois que me formar”, disse o estudante Mateus Luiz de Jesus.

O gerente de perícias de computação forense, Max Martins, apresentou as ferramentas tecnológicas e softwares empregados no desbloqueio de aparelhos, na extração e análise de dados recuperação de imagens, mensagens e vídeos relacionados a todos os tipos de crimes investigados pela polícia.

“Estas visitas técnicas fazem parte do projeto pedagógico do curso onde buscamos utilizar situações do dia a dia para a assimilação dos conteúdos, eles estão vendo na prática, para que eles tenham a sensação de que o que eles estão aprendendo não é à toa. A impressão foi muito boa, a visita foi ótima, a gente ficou deslumbrado”, afirmou o coordenador do curso, Juliano Fischer Naves.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

PM liberta reféns e prende quadrilha por roubo a loja de eletrodoméstico no CPA

Publicado


Policiais do Batalhão Rotam libertaram a funcionária de uma loja de eletrodoméstico e os familiares mantidos refém por uma quadrilha, na manhã deste sábado (15), na Capital. Três pessoas vestidas com uniformes do estabelecimento comercial foram presas em flagrante por roubo, sequestro e cárcere privado, dentre outros crimes. 

Por volta das 6h, os policiais foram acionados via 190, para atender uma ocorrência de furto em andamento em uma loja de eletrodoméstico, no bairro CPA I. De imediato, a Rotam foi até o local e visualizou dois homens vestidos com uniformes da loja correndo com sacos e mochilas cheias em direção a um carro.  

Os policiais abordaram a motorista do veículo e os dois suspeitos. Em continuidade, a Polícia Militar apreendeu um revólver calibre 38 carregado e verificou que nas bolsas e mochila havia 45 aparelhos celulares roubados da loja. Eletrodomésticos e computadores também foram recuperados na ação policial. 

No interior da loja, a Rotam encontrou uma funcionária extremamente confusa e abalada emocionalmente, ela relatou que familiares foram rendidos juntos, entre eles crianças, idosos, em sua residência, no bairro Tropical Ville, desde das 19h do dia anterior. E que os criminosos lhe obrigaram a vir até a referida loja onde trabalha no amanhecer do dia.

Os policiais foram até a residência da vítima e encontraram os familiares dela que relataram que o suspeito realmente manteve todos reféns, e que havia fugido há pelo menos 30 minutos do local. Diligências e varreduras na região foram realizadas no bairro, mas o suspeito não foi localizado.

Na loja, a PM apreendeu ferramentas como pé de cabra, alavancas utilizadas pelos suspeitos para arrombar o cofre onde os celulares estavam guardados. No veículo, os policiais apreenderam placas de veículos, a suspeita confessou que havia alterado a identificação veicular; foi verificado que o carro também era roubado. Os suspeitos foram conduzidos para a Central de Flagrantes.  

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Polícia Civil apreende carga com 102 tabletes de cocaína no interior de MT

Publicado


Uma ação conjunta entre a Delegacia de Pontes e Lacerda e a Delegacia Especializada de Entorpecentes resultou na apreensão de 102 tabletes de cocaína, na manhã deste sábado (15.01), cujo destino seria o Estado do Maranhão. A apreensão representa um prejuízo estimado em R$ 2,2 milhões contra o tráfico de entorpecentes. 

O entorpecente estava acondicionado em um compartimento secreto, no assoalho de um caminhão Mercedes Benz, que foi abordado pelos policiais civis de Pontes e Lacerda, quando chegava ao município de Campo Novo do Parecis. O motorista do veículo foi preso em flagrante.

De acordo com a delegada Bruna Caroline Laet, a investigação começou há 30 dias, quando a equipe de Pontes e Lacerda iniciou diligências para identificação do veículo utilizado pelo grupo criminoso e realizou o acompanhamento até este sábado (15), quando foi possível realizar a apreensão da carga de cocaína que possivelmente teria como destino o Maranhão.

Conforme a apuração da Polícia Civil, o motorista preso tem ligação com pessoas investigadas e presas preventivamente por tráfico de drogas que resultou na apreensão, em maio do ano passado, de uma carga de 153 quilos de entorpecentes. O grupo criminoso também é investigado em inquérito na Delegacia de Pontes e Lacerda pelo crime de lavagem de dinheiro.

A delegada Juliana Palhares explica que a investigação sobre a carga de entorpecentes apreendida neste sábado seguirá pela DRE, para chegar aos proprietários da droga.  

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana