conecte-se conosco


Política MT

Em atendimento a prefeitos e vereadores, Botelho anuncia emendas para municípios

Publicado


Deputado Eduardo Botelho recebeu representantes do Cinturão Verde do Pedra 90

Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

O trabalho na Assembleia Legislativa está a todo vapor. Além de sessão ordinária para votação de vetos, nesta quarta-feira (10), o presidente da ALMT, deputado Eduardo Botelho (DEM), mantém atendimentos a vereadores, prefeitos e lideranças de diversas regiões. Ontem (9), Botelho cumpriu extensa agenda discutindo melhorias para Sinop, Alto Paraguai, Nortelândia e Cuiabá.  

Também anunciou o cancelamento do ponto facultativo na segunda-feira (15). Dessa forma, a Casa de Leis será fechada apenas no feriado, na terça-feira (16), seguindo o calendário do governo do estado. Contudo, segue firme respeitando o distanciamento social e restrições de atendimento presencial somente com agendamento, para evitar a proliferação do coronavírus.  

Ele recebeu a visita do prefeito de Sinop, Roberto Doner (PSD). Momento em que assegurou apoio às demandas da cidade, bem como da região norte, uma delas é a abertura de 10 leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), para atendimento de pacientes com Covid-19. “Estamos muito satisfeitos com a sua [Doner] eleição em Sinop e quero trabalhar junto na administração para fazer o que for possível para melhorar a qualidade de vida da população”, afirmou Botelho, ao destacar a importância do trabalho em conjunto no combate à pandemia.

Da mesma forma, em atendimento ao prefeito de Alto Paraguai, Adair José (MDB) e a vereadora Marcia Leite, o parlamentar recebeu demandas para investimentos em infraestrutura e a implantação do curso de Agronomia para atender aos anseios da população. “Recebi dele [Botelho] o compromisso de nos apoiar nessas duas demandas e estou grato pela recepção aqui na Presidência da Assembleia”, afirmou o prefeito Adair.

Na sequência, em reunião com a comitiva de Nortelândia, composta pelo presidente da Câmara Municipal de Nortelândia, Netão Benevides, acompanhado pelo secretário da Câmara, Gilson Portela, e as vereadoras Professora Bia e Amanda Letícia, Botelho recebeu pedido de emenda parlamentar para consolidar a construção de um Pronto Atendimento – PA 24 Horas. “É com grande satisfação que estamos aqui na Assembleia com o deputado Botelho, que está liberando uma emenda para a construção de uma UPA. Só temos a agradecer o deputado Botelho, que ajuda o nosso município a crescer”, afirmou a vereadora Amanda.  

“Recebemos muitas demandas e ficamos felizes em poder trabalhar em parceria com as lideranças municipais e temos muita esperança de melhorias em todos os setores importantes para a população. Uma delas é a destinação de emenda à construção da UPA, que é nosso compromisso para atender a população”, garantiu Botelho.

Regularização – A terça-feira (9) também foi marcada pelo debate sobre a promoção de regularização fundiária para atender milhares de famílias que aguardam pelo título definitivo de suas terras. Botelho recebeu o presidente da Associação do Cinturão Verde do Pedra 90, em Cuiabá, Benedito Abílio e o vice-presidente Claudemir Gonzaga, e destacou o trabalho em parceria com o Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), que visa emitir aproximadamente 1,7 mil títulos definitivos do Pedra 90, sendo mil somente na área rural.  

Fonte: ALMT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

CPI dos contratos na Câmara: relator diz Antenor, da Semob, e Stopa, de Obras, serão convocados

Publicado

O vereador Demilson Nogueira (PP), relator da CPI dos Contratos da Câmara de Vereadores de Cuiabá, afirma que os trabalhos estão adiantados e que os vereadores já trabalham em dois contratos, o dos semáforos, que custou a exoneração do secretário da Semob, Antenor Figueiredo, e o da Eletroconstro, que resultou na operação sócio-oculto da Polícia Civil.

“Nós já delineamos alguns contratos, como o dos semáforos, da Eletroconstro, e mais uns dois ou três contratos para iniciar um trabalho minucioso, para conhecer o que tem nesses contratos. A CPI vai ser criteriosa, temos que devolver para a sociedade o que é cobrado pela população da Câmara Municipal”, disse o relator.

Conforme Demilson Nogueira, “no momento que tivermos os contratos na mão, vamos saber quem são os atores que participaram da execução do contrato. Nós já buscamos contrato, nota de empenho, nota de liquidação, nota de pagamento, fiscais de contrato, buscamos conhecer todos aqueles que tiveram trabalhando ali”, disse.

O vereador adiantou que a CPI deve convocar alguns atores para depoimento. Havendo necessidade de convocar o ex-secretário Antenor Figueiredo, para falar dos semáforos, e o secretário e vice-prefeito José Roberto Stopa, sobre a Eletroconstro, o relator da CPI disse que, se for preciso, “eles serão convocados”.

Segundo Nogueira, “havendo necessidade, pode ter certeza, a CPI não se furtará em convocá-los, até porque nós estamos buscando elucidar esses contratos, essa situação”.

Continue lendo

Política MT

Vendo movimento já em atraso, Botelho confirma debate com executiva do DEM discutir chapas para ano que vem

Publicado

O deputado estadual Eduardo Botelho (DEM), confirmou para a próxima segunda-feira (17), uma reunião da executiva estadual do partido para discutir a formatação de chapas para a Assembleia Legislativa e Câmara Federal, visando as eleições de 2022. Botelho entende que os outros partidos saíram na frente, nessa questão, e que agora o DEM precisa correr contra o tempo.

“Nós temos uma reunião já agendada para a próxima segunda-feira, com todas as lideranças do partido, o governador Mauro Mendes, o senador Jaime Campos, para falarmos sobre o DEM. Vamos traçar uma estratégia para montar uma chapa bem competitiva tanto para federal quanto para estadual”, garantiu Botelho.

Conforme o primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, “os outros partidos correram na frente, deram a largada primeiro, mas nós estamos conversando e agora é hora de mexermos o corpo. A partir de segunda-feira vamos nos reunir e traçar estratégias para buscar pessoas que possam disputar uma vaga para estadual, para federal, senador”, declarou.

Eduardo Botelho afirmou que pretende disputar a reeleição para a Assembleia Legislativa. “Eu sou candidato a candidato a reeleição. Existe a possibilidade de disputar o Senado, mas eu não estou com esse foco. Meu foco é estadual, vou focar em cima disso. Lá na frente, se o partido entender, eu me vejo em condição de disputar e assumir qualquer cargo”.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana