conecte-se conosco


Entretenimento

Elenco de ‘Pantanal’ mostra clima de despedida das gravações em MS

Publicado

source
Elenco de 'Pantanal' em conclusão das gravações em MS
Reprodução/Instagram – 15.06.2022

Elenco de ‘Pantanal’ em conclusão das gravações em MS


Eles vão sentir falta… E nós também. Afinal, os bastidores das gravações de “Pantanal”, no Pantanal, são um show à parte e tem entretido o público nas redes sociais. O clima por lá, porém, é de despedida. Os atores e quem trabalha na novela tiveram o retorno antecipado de Mato Grosso do Sul.

+ Entre no  canal do iG Gente no Telegram e fique por dentro de todas as notícias sobre celebridades, reality shows e muito mais!

Os artistas já veteranos na região e aqueles que chegaram há pouco tempo já começaram se despedir dos encantos da região. Bella Campos (a Muda), por exemplo, compartilhou na web dois registros já na estrada. Nas imagens ela escreveu: “Obrigada, Pantanal”.


O assistente de direção da novela Rafael Cabral também fez uma postagem em que aparece ao lado da equipe que atua por trás das câmeras. No registro, ele comentou: “Último dia”. Quem também se despediu através das redes sociais foi o ator Lucas Leto (o peão Marcelo, personagem recente na história).

+ Siga também o perfil geral do Portal iG no Telegram !

“Cabô aqui no Pantanal! Precisamos ver a imensidão do todo e se sentir pequeno para depois se ver grandão. Meus medos agora são outros, meu zói brilha diferente. Experiência inesquecível! Obrigado, novos amigos, obrigado! PANTATCHAU”, escreveu ele em seu perfil nas redes sociais.

Também na estrada, Juliano Cazarré (o peão Alcides) fez uma brincadeira com uma placa que viu no caminho, onde estava escrito “Alcilândia”. “Spoiler. Alcides vai virar dono da bagaça toda. Vai mandar azuleijar o Pantanal e vai trocar o nome para Alcilândia”, fez ele a piada. O ator mostrou ainda um chapéu que trouxe para o Rio.

O chef de cozinha Thiago Melo compartilhou também um registro de parte do elenco de Pantanal. Na imagem estão Silvero Pereira (Zaquieu), Alanis Guillen (Juma), Marcos Palmeira (José Leôncio) e Isabel Teixeira (Maria Bruaca). “Parte do elenco da novela ‘Pantanal’ despedindo da fazenda Barranco Alto. Gratidão”, escreveu ele.

Silvero e Alanis surgiram ainda animados cantando “Evidências”, clássico de Chitãozinho e Xororó, num restaurante local.

O encerramento das gravações no Mato Grosso do Sul foi antecipado por conta dos casos de Covid-19 entre os atores.

“Os Estúdios Globo estão acompanhando o desdobramento e os impactos da Covid-19 e, sempre que necessário e de acordo com as melhores práticas das áreas de saúde, revisita e atualiza os protocolos para viabilizar o trabalho nos sets com segurança para todos os envolvidos. No Pantanal, as gravações, que já estavam em sua reta final, foram readequadas”, diz a nota da emissora.

“O nosso protocolo contempla diversos cenários para garantir a segurança de toda equipe envolvida nos trabalhos”, consta de outro trecho do comunicado.

Fonte: IG GENTE

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Entretenimento

“Sonho em fazer par romântico com Cauã Reymond”, revela Patrícia Pinho

Publicado

Patrícia Pinho
Ricardo Penna

Patrícia Pinho


Com 37 anos de carreira e 49 de idade, Patrícia Pinho é uma das gratas surpresas em “Além da Ilusão”, de Alessandra Poggi. O trabalho marca sua estreia no elenco fixo de uma novela da Globo, já que, até então, só havia feito participações especiais em produções como “Meu Pedacinho de Chão” e “Malhação — Casa Cheia”. 

Ela, que é formada em artes cênicas pela UNIRIO e tem licenciatura pela Bennett, já tinha exercitado sua veia cômica e mostrado todo o seu potencial no programa “Os Caras de Pau” e no quadro de improvisação de cenas e jogos dentro do “TV Xuxa”.  Seu último projeto humorístico foi o “Zorra”, do qual fez parte por cinco anos.

Em relação à atuação no teatro, Patrícia recebeu o prêmio APTR 2010 como melhor atriz em papel coadjuvante, pela peça “As Meninas”, de Maitê Proença e Luiz Carlos Góes, com direção de Amir Haddad, e dirigiu “O Outro Lado”, escrito pela não menos talentosa Vannessa Gerbelli.  Já no cinema brilhou no filme “Riscado”, de Gustavo Pizzi.

Soma-se a isso a criação da oficina on-line “Possibilidades Cênicas”, junto de Alexandre Contini, onde grupos de atores e interessados em dramaturgia estudam clássicos. Esse, aliás, é um dos temas do nosso bate-papo exclusivo com a multifacetada artista.  Confira os melhores momentos na íntegra!

Patrícia Pinho interpreta Fátima Souza em 'Além da Ilusão'
Reprodução/Instagram

Patrícia Pinho interpreta Fátima Souza em ‘Além da Ilusão’



1. Podemos dizer que você está estreando em novelas, certo? Foi uma escolha pela qual não tinha optado nesses 27 anos de carreira?

Foi. Uma escolha dos produtores (risos). É preciso ter coragem para investir numa comediante para cenas “mais complexas”. Por isso, eu vou sempre agradecer ao Fabio Zambroni por apostar em mim. Ele me acompanha há muitos anos, e é precioso o trabalho que ele faz. Posso me gabar, porque o elenco de “Além da Ilusão” é excelente!

2. Como tem sido participar, aos 49 anos, de um folhetim diário, popular e de grande sucesso?

Um luxo. A oportunidade demorou, mas veio como um desafio profissional que gostei de fazer. Me instigou e me fez querer estudar mais, bem como abrir meu coração. Entrei de alma aberta e só tenho recebido amor em troca — além do salário, é claro (risos).

Patrícia Pinho
Ricardo Penna

Patrícia Pinho


3. Como é poder se reinventar em um país onde os artistas, muitas vezes, reclamam de ser rotulados?

Essa pergunta tem tudo a ver com a minha carreira televisiva! Comecei no Teatro Amador do Bennett ainda criança. Tenho um prêmio APTR como melhor atriz coadjuvante pela peça “As Meninas”, com direção de Amir Haddad. Dirigi o primeiro espetáculo da Vannessa Gerbelli — “Do Outro Lado”. Também fiz licenciatura, sou professora de artes cênicas. Escrevo e produzo. Já fui bilheteira e camareira. Operei som e montei luz. O humor me abriu muitas portas profissionais. Mas ele não é toda a minha vida profissional. Sou uma artista inquieta. Agora mesmo, estou prestes a lançar um livro.

4. Na vida, Patrícia Pinho é mais bem-humorada ou mais do drama? 

Bem-humorada. Mas, se o assunto vai para a política brasileira e o descaso da nossa população, aumento da miséria e da fome e qualquer forma de violência ou crueldade, eu fico bem mal-humorada.

Patrícia Pinho
Ricardo Penna

Patrícia Pinho


5. Você se assiste? É exigente consigo?

Sim. Sou crítica e sempre fico olhando meu cabelo e meu peso. Acho que puxei isso da minha mãe. Fátima Bernardes no “Jornal Nacional” falando sobre algo muito sério e político, e minha mãe soltando um: “Não gostei do cabelo dela, envelheceu”.

6. Não bastasse atuar, você ainda dá aulas de teatro.

Eu dou tanta coisa, você nem imagina (risos). Na pandemia, junto ao meu parceiro Alexandre Contini, inventamos “Possibilidades Cênicas” — um curso on-line de atuação, com estudos de texto e personagem. Foi o que manteve minha alma viva nesses tempos tão difíceis que enfrentamos.

7. Quais sonhos pessoais e profissionais que ainda não se concretizaram?

Muitos. Um deles é ser par romântico de  Cauã Reymond em uma novela (Um galã nunca pode namorar uma pessoa fora do padrão como eu? Só as magras são amadas na ficção?). Quero protagonizar um filme bem brasileiro, conhecer o Tocantins, a Amazônia, o Pantanal e Laguna, a cidade da minha avó Laura.

Patrícia Pinho
Ricardo Penna

Patrícia Pinho


8. Percebemos que você é muito politizada. O que espera de um possível novo governo quanto aos artistas e às artes brasileiras? 

O mesmo em relação à nossa população: humanidade. O que vemos hoje é um show de horrores — um freak show — de gente burra, ignorante, sem cultura, mentirosa e desumana, lucrando com a miséria alheia.

9. Por vezes, vemos você postando fotos de biquíni. Como lida com a autoestima? Costuma se preocupar com a opinião alheia?

Sou uma gordinha sexy. “Geral quer me comer” (risos). As meninas piram comigo de biquíni, e os garotos também. A minha liberdade incentiva. Além disso, o único juiz que me preocupa é aquele que vai definir a curatela da minha mãe, que tem problemas de saúde mental. Porque é muito difícil ter um familiar dependente seu, e você não poder fazer nada, esperando a justiça. Rede social e julgamento de quem não paga as minhas contas, não estou nem aí.

10. E como é sua relação com fãs e seguidores?

Beijaria todos na boca. Virtualmente, é claro. A Covid-19 não acabou!


Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Entretenimento

BLACKPINK bate 75 milhões de inscritos no YouTube

Publicado

BLACKPINK bate 75 milhões de inscritos no YouTube
Marcelo de Assis

BLACKPINK bate 75 milhões de inscritos no YouTube

O quarteto feminino BLACKPINK acabam de fazer história no YouTube como as primeiras artistas musicais a terem 75 milhões de inscritos em seu canal oficial na plataforma.

Com isso, elas bateram o recorde que era do astro canadense Justin Bieber , com 69,3 milhões. O BTS vem em seguida com 68,7 milhões de usuários.

O BLACKPINK conseguiu atingir esta marca em um tempo relativamente curto, haja visto que seu primeiro single foi lançado em 2016 e seu álbum de estreia veio em 2018.

Mas para chegar a esta marca de assinantes, o BLACKPINK quebrou outros recordes observados em seus singles de sucesso. Só em 2019, o quarteto formado por Jisoo, Jennie , Rosé , and Lisa conquistaram 20 milhões de assinantes em março de 2019.

Só o video de Ddu-Du Ddu-Du concedeu ao BLACKPINK o status de pioneiras do K-pop ao atingir 1 bilhão de views.

“Continuaremos trazendo positividade e grande energia através de nossos videoclipes” , disseram as integrantes do BLACKPINK.

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana