conecte-se conosco


Mulher

“Ele deixou o meu rosto inchado de tanto soco”, diz vítima sobre o ex

Publicado


source

Na madrugada do dia 4 de maio, Júlia*, de 20 anos, foi levada ao hospital e encaminhada para a delegacia de Limeira, interior de São Paulo, após ser agredida pelo namorado. “Ele deixou meu rosto inchado de tanto soco”, conta ao Delas. Com a filha de dois meses nos braços, a jovem, que fecha a nossa série de reportagens especiais sobre casos de violência contra a mulher na quarentena, lembra como as agressões se intensificaram nas últimas semanas. 

Leia outros relatos da série: 

mão de homem ameaçando mulher
Thinkstock/Getty Images

Dados apontam que a violência contra a mulher aumentou durante a quarentena

“No mês de abril, período de quarentena, as agressões foram mais constantes. Eu estava morando em uma chácara e não tinha como pedir socorro”, relata. 

De chantagem emocional à ameaça de feminicídio 

Júlia conta que nos primeiros cinco meses a relação foi tranquila, como qualquer outro namoro. Depois disso, quando ainda estava grávida, as agressões começaram. “Entre idas e vindas, sempre dei uma chance acreditando que ele ia mudar, mas quase morri”, desabafa. 

O ciúmes sempre foi a principal motivação. Ele via mensagens antigas no Instagram, ficava com raiva e descontava com socos, tapas e sufocamentos. Depois, Júlia conta que ele pedia desculpas. “Dizia que não sabia o que acontecia com ele e que saia fora de si. Sempre quando parava de me agredir começava a se fingir de arrependido”, lembra. 

Em alguns momentos, sugeria que Júlia terminasse com ele, pois ela “não merecia passar por aquilo”. Quando ela aceitava, a chantageava e reforçava uma relação de dependência. “Eu acreditava que ele ia mudar, mas no fim o medo superou isso”. 

Na quarentena, o casal foi passar os dias de isolamento em uma chácara com os avós dele. Lá, as agressões foram mais intensas e como estavam distante da cidade e sem comunicação, ela não tinha como pedir ajuda. O agressor confiscava todos os celulares da casa e quando permitia que ela fizesse ligações, ficava por perto para evitar que falasse o que se passava. Além disso, os avós não interferiam por medo da situação piorar e ela ser ainda mais agredida. 

No dia 3 de maio, eles foram para a cidade visitar a mãe de Júlia. Na volta, ela tentou ficar na casa da mãe e, a princípio, achou que tinha conseguido convencer o namorado. Porém, quando saíram à noite para comprar um lanche, ele aumentou a velocidade do carro e começou a agredi-la. 

Agrediu durante todo o trajeto, até que precisou parar em posto de gasolina. Naquele momento, Júlia viu a oportunidade para pedir ajuda. Ela conta que gritou por socorro, mas o namorado acelerou. Enquanto dirigia, dava socos e tapas. Em meio a tudo isso, a filha de dois meses seguia no banco de trás do veículo. 

Ela diz que conseguiu pedir ajuda mais uma vez, quando pararam no segundo posto de gasolina, mas ele acelerou novamente. “Ele me batia e dizia: ‘Se a gasolina acabar, você vai ver o que vai acontecer. Sua hora chegou. Eu vou te matar e sumir com a nossa filha’”.

“Eu estava com medo e não sabia o que fazer. Queria pular do carro, mas ele estava correndo. Pedia para Deus não deixar a gasolina acabar no meio do mato. Se acabasse, não ia ter ninguém para me defender”, continua.

Quando a gasolina acabou, o casal estava próximo ao condomínio de chácaras. O rapaz ficou a estrada, esperando alguém passar para pedir ajuda, porém, devido à quarentena, o movimento nas ruas era baixo. Até que passou uma viatura da Polícia Militar. “Ele foi indo para perto do carro e eu sai correndo e acenei. O policial saiu do carro e eu entrei no banco do motorista. Estava com tanto medo que fiquei lá. Pedi para a outra policial pegar o meu bebê de dois meses. Eu estava com o rosto todo machucado e a blusa rasgada”. 

“Fomos para o hospital e para a delegacia. Ele ficou detido. Foi por pouco. Se a polícia não tivesse passado, ele teria feito algo comigo lá mesmo. A cidade estava deserta. Foi muita sorte”, termina. 

Leia também: “Falar sobre violência doméstica dói, mas é o 1º passo para mudar a realidade”

Números da violência contra a mulher na quarentena

sombra de homem agredindo mulher
Reprodução

Chantagem emocional e comportamento possessivo são atitudes comuns entre agressores de mulheres

Júlia não foi a única mulher a passar por isso no  isolamento social  – adotado para conter o avanço nos casos de Covid-19. De acordo com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), o número de ocorrências de violência contra a mulher aumentou em seis estados (São Paulo, Acre, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Mato Grosso e Pará) em relação ao mesmo período em 2019. Em São Paulo, a Polícia Militar registrou um aumento de 45% no atendimento de mulheres vítimas de violência. Além disso, o número de feminicídios cresceu em 46%.

Thaís Santesi, idealizadora do Projeto Bastê (@projetobaste no Instagram), que oferece apoio terapêutico a valores populares e assessoria financeira a vítimas de violência doméstica, avalia a pandemia como um agravante para a violência doméstica . “Agora elas estão expostas a seus agressores 24 horas por dia e não tem a quem recorrer”, diz.

“Onde há posse, não há amor”

Thaís ainda reforça que casos de manipulação e agressão como o de Júlia são comuns. “A manipulação é gradual, não acontece de um dia para o outro. Eles começam a maltratá-las aos poucos quando já se encontram envolvidas, apaixonadas. Aos poucos eles vão minando a autoestima da vítima, isolam dos amigos e a fazem crer que tudo o que fazem é errado”, fala. 

Dessa forma, cria-se uma dependência emocional carregada de culpa por se reconhecer naquela situação, mas sem conseguir romper com o relacionamento. Nesse sentido, Maria Consentino, juíza do 1º Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Belo Horizonte (MG), comenta: “É difícil ela reconhecer que é vista como propriedade. E onde há a ideia de propriedade, não há amor. Onde há posse, não há amor”.

Por isso, a juíza considera tão importante que as mulheres se apropriem da Lei Maria da Penha (11.340/2006) e façam a denúncia. “Ela precisa acreditar que é possível denunciar e sair dessa situação. Caso contrário, perde a vida”. 

*nome foi alterado para preservar a identidade da vítima

Fonte: IG Mulher

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mulher

Dicas de beleza dos signos: aprenda a se sentir mais bonita naturalmente

Publicado


source

Alto Astral

undefined
Reprodução: Alto Astral

Dicas de beleza dos signos: aprenda a se sentir mais bonita naturalmente

Em uma época em que lutamos cada vez mais contra padrões estéticos, é importante encontrar formas de nos aceitar e valorizar nossa beleza natural. Seja com cuidados com o corpo, com a pele ou com o cabelo, existem diversas maneiras de melhorar a autoestima – e a astrologia pode te auxiliar nessa missão graças às dicas de beleza dos signos . Confira quais são e turbine seu visual!

Fique ainda mais linda com as dicas de beleza dos signos

Áries

Para realçar sua beleza, fazer exercícios, andar de bike e dançar não são sacrifícios para você, que adora movimento e agitação. Assim, fica fácil queimar calorias e cuidar da saúde. Para curtir à noite, realce seus olhos com maquiagem leve. No entanto, como você não para nem um minuto e vive apressada, trate de respeitar as suas horas de sono para garantir que sua pele e seus cabelos fiquem sempre bonitos e brilhantes.

Touro

Seu signo é regido por Vênus, planeta da beleza, e tem um charme inato que conquista todos por onde passa. Além disso, tem um ótimo gosto, seja para roupa ou para cosméticos, o que te dá uma grande vantagem na hora de paquerar. Invista em batons e perfumes suaves para realçar seu poder de conquista. No entanto, é importante não se esquecer de cuidar da alimentação e da saúde.

Gêmeos

Alto-astral, bom papo, espontaneidade e alegria de viver são seus principais atrativos, pois já iluminam seu visual sem nenhum recurso extra. As dicas de beleza dos signos para você é apostar nessas qualidades para conquistar. Mas não se esqueça de se cuidar, principalmente dormindo bem, para repor as energias.

Câncer

Delicada e charmosa, a canceriana não precisa de muita produção para se destacar. A dica é investir nas roupas e nos acessórios certos, que valorizem seu corpo e que te façam se sentir bem. Além disso, uma ótima forma de liberar sua energia e se sentir mais relaxada e menos ansiosa é praticando exercícios físicos com frequência, seja na academia ou com esportes.

Leão

A vaidade é marca registrada do seu signo, que quase nunca sai de casa antes de, pelo menos, passar um batonzinho. Os cabelos também são seu xodó e estão sempre impecáveis. Por isso, as dicas de beleza dos signos para a leonina é investir em uma alimentação saudável e cuidados com as madeixas, para realçar o brilho dos fios.

Virgem

Mulheres de virgem estão sempre se cuidando por serem preocupadas com a sua saúde e seu bem-estar. Por isso, elas fazem questão de se alimentar bem, fazer exercícios físicos regularmente, dormir nas horas certas e cuidar do visual. Por serem mais discretas, não abusam da maquiagem, em vez disso o melhor é apostar em um visual básico que não tem erro, já que menos é mais!

Libra

Além de ter o charme natural venusiano, as mulheres desse signo costumam ter traços delicados e gestos muito suaves, o que atrai a atenção de todos em volta. Vaidosas, gostam de se cuidar e se arrumar, usando seu bom gosto para estarem sempre lindas. No entanto, é importante sempre organizar as atividades para ter um tempo para descansar e relaxar.

Escorpião

Seu signo veio ao mundo para arrasar, por isso, você faz questão absoluta de estar sempre linda, bem arrumada e sedutora. Porém, como suas emoções são intensas, tome cuidado para não exagerar nos hábitos nocivos. Sempre cuide da sua saúde, com uma alimentação saudável e exercícios físicos.

Sagitário

A sagitariana tende a ter uma vida bem movimentada, cheia de atividades, coisas para fazer e aventuras para curtir. As dicas de beleza dos signos para você é não se esquecer de conseguir um tempo na correria do dia a dia para se cuidar, seja praticando algum esporte, meditando ou hidratando o cabelo… O importante é fazer aquilo que te deixa bem.

Capricórnio

Disciplina é a palavra-chave do seu signo, assim, você leva sua saúde e seu bem-estar muito a sério. Está sempre se alimentando corretamente, cuidando do corpo e investindo em produtos que valorizem ainda mais a sua beleza. No entanto, lembre-se de descansar também e não só trabalhar, pois isso faz toda a diferença.

Aquário

Esse signo é muito proativo, por isso está sempre envolvido em várias atividades diferentes, o que faz com que, às vezes, você esqueça de se cuidar. Por isso, as dicas de beleza dos signos para as aquarianas é sempre lembrar que o bem-estar também deve vir em primeiro lugar.

Peixes

Charme e delicadeza não faltam para o seu signo, que é doce e meigo. No entanto, algumas vezes, a preguiça pode falar mais alto, então mande a procrastinação embora e invista em atividades que valorizem ainda mais sua beleza natural. Cuide do seu corpo, do cabelo e do bem-estar.

Para se aprofundar mais nas características da sua personalidade e conhecer tudo o que os astros têm a dizer sobre você, faça seu mapa astral completo aqui !

Texto: Redação Alto Astral | Edição: Fernanda Cotez/colaboradora, Mariana Oliveira e Renata Rocha | Design: Daniel Silva/colaborador

Fonte: IG Mulher

Continue lendo

Mulher

Cuidados com as plantas no calor: 7 dicas simples para o verão

Publicado


source

Alto Astral

undefined
Reprodução: Alto Astral

Cuidados com as plantas no calor: 7 dicas simples para o verão

Também faz parte do imenso grupo de pessoas que resolveu comprar mais plantinhas nesta quarentena? Talvez você ainda não tenha passado por todas as épocas do ano com elas e não saiba que necessitam de alguns cuidados especiais no verão. Algumas espécies podem ficar desidratadas ou abafadas na estação que está chegando, além de mais suscetíveis às pragas. Para evitar que isso aconteça, mantendo-as saudáveis em todos os momentos, separamos algumas dicas básicas para preservar as plantas no calor desde já. Confira!

Truques para manter as plantas bonitas no calor

Cuidados com as plantas no calor: 7 dicas simples para o verão
Foto: Shutterstock

Horário certo para regar

Você sabia que existe uma hora correta para regar as plantas no calor ? Isso porque, se você deixar para realizar a tarefa quando o sol estiver muito forte, elas acabarão “cozinhando” nesse momento. O ideal é reservar os períodos da manhã ou final da tarde, evitando problemas.

Outra dica fundamental é fazer isso aos poucos, afinal, você não quer que a planta absorva toda a água de uma vez e fique com a terra seca mais tarde, certo? A sugestão é molhar a plantinha devagar ou até mesmo investir em um borrifador.

De olho (ou dedo) na hidratação

A moda de cultivar plantas dentro de casa é recente, mas o truque do “dedômetro” já existe há tempos. A técnica nada mais é do que, literalmente, colocar os dedos na terra para identificar as necessidades dela naquele momento. Via de regra, se estiver seca, significa que a planta já tomou toda a água e está precisando de uma nova rega. Caso contrário, você deve repetir o teste nos próximos dias.

Aposte nesse truque antigo até conhecer o intervalo ideal entre as regas de cada planta no calor. Estar atenta aos sinais emitidos por suas plantinhas, assim como a mudança de cor ou aparência, é fundamental para mantê-las vivas e saudáveis no verão .

Não esqueça as folhas

Nem só a terra precisa de atenção especial durante os dias mais quentes, não é mesmo? A dica é não se esquecer das folhas na hora da hidratação. Para garantir que elas recebam toda a água que necessitam, você também pode borrifar direto na superfície. Faz toda a diferença!

Momento de adubar

O verão é considerado a melhor época do ano para adubar as plantas, pois é nessa estação em que os nutrientes do solo são metabolizado e absorvidos rapidamente. Portanto, aproveite os dias quentes para renovar o adubo e remover a terra seca dos vasinhos ou do jardim.

Cuidado com as pragas

As práticas para evitar fungos e bactérias devem ser redobradas durante os dias quentes, já que as pragas aproveitam o calor e a umidade para se instalarem nas plantas . Para espantá-las, priorize os métodos naturais, que são menos agressivos à saúde das plantas e ao ambiente; como a aplicação de canela em pó na terra, por exemplo.

Mova a planta de lugar

Cada planta precisa receber uma determinada quantidade de luz solar por dia. Acontece que, com a mudança de estação, a posição do sol também se altera, afetando a iluminação das plantinhas. Sendo assim, para que elas não fiquem muito tempo no escuro ou embaixo do sol forte, a dica é movê-las para outro canto da casa, se possível, sempre seguindo as recomendações de cuidados para cada espécie.

Plantas mais recomendadas

Ninguém vai renovar todo o estoque de plantas da casa ou cultivar um novo jardim só por conta da mudança de estação, né? Ainda assim, se você estiver pensando em adquirir vasos novos neste momento e quer saber quais são aquelas que adoram um calorzinho, para não precisar se preocupar, existem algumas espécies mais indicadas… Suculenta, bromélia, zamia, cacto, avelós, norantea, orquídea borboleta, entre outras. Aproveite!

Você conhecia algum desses cuidados com as %img-replaced%plantas no %img-replaced%calor ? Já pode começar a colocá-los em prática hoje mesmo, vendo suas plantinhas lindas e saudáveis em qualquer estação!

Texto: Milena Garcia | Edição: Renata Rocha

Fonte: IG Mulher

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana