conecte-se conosco


Turismo

Disney inaugura nova atração da Star Wars: Rise Of The Resistance; saiba mais

Publicado

Será inaugurada para o público nesta quinta-feira (05), no Disney Hollywood Studios, em Orlando, na Flórida, a Rise of the Resistance , nova atração da Star War Galaxy’s Edge , área dedicada à saga Guerra nas Estrelas no parque norte-americano. 

Leia também: Disney para adultos: o que aproveitar em Orlando e até fugir das crianças

A Rise Of The Resistance  faz jus à fama que carregou desde o seu anúncio e o iG Turismo estava no lançamento para a imprensa para comprovar: trata-se da atração mais imersiva do complexo Disney. 

O que é a Rise of The Resistance

Stormtroopers na nova atração de Star Wars arrow-options
Jade Lourenção/ Portal IG

Stormtroopers na nova atração de Star Wars

A nova atração da land de Star Wars  traz, logo no começo, o cenário de uma base da Resistência. Entrando no ambiente somos recebidos por BB-8, e logo encaminhados para dentro de uma nave. Todos os ambientes são idênticos ao filme, o que leva o visitante a esquecer que está apenas em uma atração dentro da Disney.

É aí que tudo muda: capturados pelo oponente – que é a Primeira Ordem -, os turistas se surpreendem quando a porta da nave abre, já que são recebidos por dezenas de stormtroopers liderados por Kylo Ren e General Hux em um ambiente totalmente diferente do anterior. Neste momento a  Disney tornou possível a imersão profunda do visitante nesta atração, misturando simulador com realidade virtual, robôs e carrinhos de montanha-russa.

Ambientação dentro da nave da Primeira Ordem arrow-options
Jade Lourenção/ Portal IG

Ambientação dentro da nave da Primeira Ordem

O grande desafio da atração é fugir da nave inimiga, passando por stormtroopers, tiros de canhão e blasters. Ao contrário do que se imagina ao entrar no carrinho, o caminho para tudo isso não é nada tranquilo. Há um espaço imenso dentro da atração, e o visitante vai passar por elevadores, quedas e veículos de batalha gigantescos. Em outras palavras: é uma mistura que só vendo é possível de entender.

Detalhes que merecem atenção

Para os fãs da saga Star Wars, Rise Of The Resistance é passagem obrigatória dentro de Galaxy’s Edge e merece atenção especial principalmente aos detalhes: um BB8 em tamanho real, gráficos, hologramas e ambientes construídos com perfeição para fazer o visitante se sentir parte do universo de Guerra nas Estrelas. 

Holograma de Rey arrow-options
Jade Lourenção/ Portal IG

Holograma de Rey

A parte do Disney Hollywood Studios destinada a Star Wars foi inaugurada há pouco tempo: agosto de 2019, ocupando o espaço de 5,7 hectares de parque. A ambientação se passa no vilarejo Black Spire Outpost, no planeta Batuu. 

Além da atração que será inaugurada nesta quinta, a land ainda conta com outro brinquedo:  Millennium Falcon: Smugglers Run.  Nele, o visitante pode pilotar, ser um atirador ou o engenheiro da nave Millenium Falcon. A cada rodada, a experiência é diferente, ou seja, se você bater demais a nave ou não abater os inimigos, pode encontrar um cenário na saída diferente do que viu na entrada. 

Para completar a experiência no universo Star Wars ainda há locais para construir seu sabre de luz ou seu droid, restaurantes que remetem à saga e lojas ambientadas de Guerra nas Estrelas.  A land Galaxy’s Edge também está presente na Disnelyand da Califórnia. 

E é importante ressaltar que não é necessário ser fã “de carteirinha” da saga para aproveitar Rise Of The Resistance ou Galaxy’s Edge. Mesmo que não saiba o nome dos personagens ou quem é a Resistência, espere por muita diversão e imersão em uma galáxia muito distante. 

*Repórter viajou a convite do Walt Disney World

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Turismo

Principais problemas enfrentados pelos turistas nessa pandemia e como encará-los

Publicado


source

Não há dúvidas que um dos setores mais afetados pela pandemia do novo coronavírus é o de turismo. Viagens foram canceladas em todo o mundo, fronteiras foram fechadas e países ainda restringem a entrada de brasileiros e estrangeiros. Com isso, quem ainda sonhava com aquela viagem esse ano teve problema. 

pandemia
Pixabay

Quais os principais problemas enfrentados pelos turistas nessa pandemia?



Muitos tentaram adiar ou cancelar suas viagens e passagem e esbarraram em burocracia. Para evitar mais dores de cabeça, conversamos com a advogada Natália Brotto, mestranda em Direito dos Negócios pela Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas – FGV e especialista em Direito Constitucional pela Academia Brasileira de Direito Constitucional (ABDConst), que fala como agir diante dos problemas mais comuns enfrentados pelos turistas nessa pandemia.




Não sei se vou conseguir viajar, se tudo estará bem até o momento do embarque, e agora?

O primeiro passo, segundo a advogada, é o consumidor encontrar uma maneira de negociar com o agente ou operadora aérea. Comunicação clara é fundamental nesse momento. 

“Diante de um cenário de total incerteza, tendo em vista que a qualquer momento o Estado pode emitir um novo decreto determinando um lockdown, quem havia planejado uma viagem ou comprado passagem aérea deve tentar manter contato com a prestadora de serviços para obter informações sobre o destino, possíveis fechamentos, dentre outras medidas”, ressalta a especialista.

Quero cancelar a passagem, como eu faço?

Por não saber quando será seguro viajar novamente e tentando tomar todos os cuidados possíveis para não pegar o novo coronavírus, muitos turistas estão cancelando suas passagens e viagem.

A advogada explica que, com o intuito de ajustar medidas emergenciais para a aviação civil, foi emitada uma Medida Provisória nº 925/2020, estipulando prazos e regras para o reembolso do valor relativo à compra de passagens aéreas.

“Em síntese, a MP publicada em 18 de março deste ano, estipula que os passageiros que decidirem adiar a sua viagem em razão do novo coronavírus ficarão isentos da cobrança de qualquer multa contratual, caso aceitem um crédito para a compra de uma nova passagem, que deve ser feita no prazo de 12 meses contados da data do voo contratado”, observa a advogada.  

Vale ressaltar estão abarcadas nessa MP somente as passagens compradas até o dia 31 de dezembro de 2020.

Cancelaram minha viagem e não querem devolver o dinheiro

Se sua próxima viagem for cancelada, você tem o total direito de ser reembolsado. Nátalia Brotto afirma que o primeiro passo a ser tomado é que você negocie com a operadora para chegarem a um acordo que se justo para as duas partes.

“Veja outro exemplo para reforçar esse aspecto: o caso de certas ocorrências da natureza, tais como chuvas, tempestades ou furacões, no caso do transportador aéreo. Ainda que o transporte aéreo seja afetado por esse tipo de evento climático, o transportador não pode deixar de indenizar os passageiros que sofreram danos porque o fenômeno é integrante típico do risco daquele negócio.”, explica a especialista.

E caso a agência área não queira devolver o dinheiro, ou entrar em algum acordo, o turista tem o direito de recorrer ao judiciário. E se ganhar a causa, ele pode ganhar entre 20 a 40 salários mínimos do agente ou da agência.


Fonte: IG Turismo

Continue lendo

Turismo

Meu perrengue de viagem: conheci um holandês “estranho” e acabamos casando

Publicado


source

Uma viagem pode reservar muitas surpresas que a princípio podem parecer ruins, mas no final acabam sendo muito boas. A administradora Thais Lage sabe bem disso. Ela viajou para a Holanda com uma amiga e acabou encontrando lá um “cafetão” que, só quando voltou ao Brasil, descobriu que era o amor da sua vida.

Thais
Arquivo pessoal

Thais na Holanda com seu atual marido

Essa inusitada história de amor faz parta da série do iG Turismo “Meu Perrengue de Viagem”, que já  contou a história da contadora Camila, que foi viajar para o Caribe procurando belas praias e acabou em uma comarca indígena, na qual precisou se hospedar em uma oca. Conheça agora a história de Thais:  

Casamento da Thais
Arquivo pessoal

Casamento de Thais com o holandês Aaron


“Eu e minha amiga estávamos no Mc Donald’s em Amsterdam e do nada chegou um cara dizendo que era do Rio de Janeiro e nos abraçou, ele disse que estava feliz em ver brasileiras na Holanda e nós ficamos felizes também porque finalmente tinha alguém falando nossa língua.

Depois disso, ele disse que chamaria um amigo que estava aguardando ele do lado de fora da lanchonete. Quando esse tal amigo entrou era um holandês da cara branca e quadrada. Comecei a olhar para ele e fiquei morrendo de medo, cutuquei minha amiga e disse para ela: ‘E se eles nos sequestrarem para a gente se prostituir? Todo mundo aqui pensa que brasileira é puta’. Bom, acabei trocando troquei e-mail com cara do Rio de Janeiro e saímos correndo para o hotel.

Quando voltei para o Brasil, eu comecei a receber e-mail do gringo estranho, começamos e conversar e adivinha?! Depois de dois anos, eu casei com meu ‘cafetão’ (risos). Moramos aqui no Brasil e temos um filho, um cachorro e um coelho.”

Fonte: IG Turismo

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana