conecte-se conosco


Nacional

Deputados denunciam Crivella por propaganda antecipada

Publicado

Crivella arrow-options
Tânia Rêgo/Agência Brasil

Marcelo Calero e Pedro Paulo denunciam Crivella.

Os deputados federais Marcelo Calero (Cidadania-RJ) e Pedro Paulo (DEM-RJ) denunciaram, nesta segunda (2), o prefeito do Rio de Janeiro Marcelo Crivella (PRB) ao Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e à Procuradoria Regional Eleitoral (PRE). 

Leia também: ‘Galã’ do PCC vai para presídio federal após informações sobre plano de fuga

Segundo os deputados, Crivella está antecipando propaganda eleitoral, que só pode ser realizada próxima às eleições, e usando veículos de comunicação da Prefeitura para se promover. 

Eles afirmam que os veículos oficiais estão se afastando “do caráter educativo, informativo ou de orientação social”. Como exemplo, citam publicação que utilizam o slogan “Nota 10” para falar do atual gestão, afirmando que a frase faz alusão ao número do partido de Crivella, o PRB .

Leia também: Homem é preso após receber dinheiro de mulher para não estuprá-la

“Os casos descritos sugerem a prática deliberada de atos atentatórios à legislação eleitoral, bem como improbidade administrativa pelo Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro “, diz um trecho da denúncia contra  Crivella .

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Nacional

Covid-19: Recife registra morte de profissional de saúde e óbitos sobem para 21

Publicado


source
hospital arrow-options
Reprodução

O Hospital Getúlio Vargas perdeu duas profissionais de saúde em um dia

Na linha de frente na luta contra a Covid-19 , os profissionais de saúde têm sofrido com a doença. Neste domingo (5) o governo de Pernambuco anunciou a morte de uma técnica de enfermagem no estado.

Leia também: Brasil tem 596 profissionais de saúde infectados com Covid-19

A vítima trabalhava no Hospital Getúlio Vargas , na zona oeste de Recife, e tinha 55 anos. Ela tinha histórico de diabetes, doença renal crônica e pneumonia crônica. A morte aconteceu no sábado (4) no Hospital dos Servidores do Estado.

Outra funcionária do GV também faleceu e as autoridades investigam se foi pela Covid-19. Segundo o G1 , ela tinha 52 anos e trabalhava na enfermaria do Hospital. Ela era hipertensa, diabética e possui asma grave. O teste para o novo coronavírus foi feito, mas não saíram os resultados.

A Secretaria Estadual de Saúde e a direção do Hospital Getúlio Vargas lamentaram as mortes e disseram que se solidarizam “com os familiares e amigos neste momento de dor”. Também afirmaram que “ambas as servidoras desempenhavam suas funções com afinco na unidade e que eram importantes para a assistência à população”.

Leia também: Pró-isolamento, prefeitura de Teresina apela nas redes sociais

Pernambuco tem até este domingo (5) 201 casos da Covid-19 confirmados e 21 mortes. 

Continue lendo

Nacional

Covid-19: SP prevê 220 mil infectados e pede mais de R$ 500 mi ao Banco Mundial

Publicado


source

São Paulo é o epicentro do novo coronavírus (Covid-19) no Brasil. Segundo balanço do Ministério da Saúde deste sábado (4), o estado tem 4.466 casos e 260 óbitos. Sabendo disso, o governo prevê 220 mil casos da doença e prepara pedido de empréstimo de US$ 100 milhões (mais de R$ 500 milhões) ao Banco Mundial para ações de combater a pandemia . As informações do Uol .

Leia também: Covid-19: cozinheiros e vendedores estão entre profissões que mais correm risco

Bruno Covas e João Doria arrow-options
Reprodução/Twitter

Bruno Covas e João Doria

Leia também: “Todos terão contato com vírus”, diz secretário-executivo do Ministério da Saúde

O principal objetivo do projeto é a instalação e custeio de pelo menos 500 novos leitos de UTI. Ao que parece, há também intenção em usar o recurso para comprar testes de Covid-19 , além de aplicar em desenvolvimento de novas tecnologias de telemedicina e aplicativos. 

Leia também: Vítimas do Covid-19 são alvos do ódio digital no Brasil

A Secretaria de Saúde estadual estima que ao menos R$ 1,2 bilhão extra será preciso para enfrentar a doença, o que torna o financiamento do Banco Mundial “muito significativo”, afirma o coordenador de Serviços da Saúde de São Paulo, Ricardo Tardelli. O governo de João Doria (PSDB) espera ter o recurso em mãos em cerca de dois meses. 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana