conecte-se conosco


Política MT

Deputado Claudinei destina R$ 170 mil para Unemat de Rondonópolis

Publicado


.

Foto: ANGELO VARELA / ALMT

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) destinou emenda parlamentar para o Núcleo Pedagógico de Rondonópolis (MT) da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) por meio de convênio com a Prefeitura Municipal de Rondonópolis, no valor de R$ 170 mil, para a aquisição de materiais e equipamentos permanentes para atender o laboratório do curso de Ciência da Computação.

“Com o avanço das tecnologias digitais é importante investir na instituição para que os acadêmicos fiquem preparados, por meio das práticas de ensino e de aprendizagem promovidos pela universidade. Assim, os futuros cientistas da computação estarão prontos para o mercado de trabalho. Os dispositivos digitais são algo permanente e presente na realidade social e tecnológica. Essa emenda é para contribuir com a educação de ensino superior que preparam os cidadãos do futuro”, explica o parlamentar.

Convênio 

De acordo com a secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação de Rondonópolis, Neiva de Cól, a instituição de ensino superior é administrada com recursos próprios da gestão municipal. “Toda a administração dos recursos financeiros da Unemat está na minha pasta. A minha relação com a instituição é muito boa. Estamos bem ligados nesta questão. A emenda parlamentar será um bom investimento e estamos na expectativa para o repasse desta verba”, comenta.

Ela explica que o núcleo pedagógico de Rondonópolis conta com três cursos em andamento, sendo de Letras, Direito e Ciência da Computação. “Como a Unemat existe aqui, a prefeitura paga todas as despesas. Todo o financiamento da Unemat é feito pela gestão municipal. São passados valores mensais para atender todos os cursos da Universidade”, explica Neiva.

Nova Sede 

O Núcleo Pedagógico de Rondonópolis é uma extensão do Unemat de Alto Araguaia (MT) que, atualmente, atende os acadêmicos na Escola Estadual Professora Estela Maris Valeriano da Silva. Com investimento de R$ 8 milhões, recentemente, a Prefeitura de Rondonópolis deu início a construção de sede própria da instituição no município.

A nova unidade conta com parceria das empresas MDM, Grupo Rondobens, Grupo Echer e Grupo Euro em conjunto com a gestão municipal. Em um terreno de 101 mil m², será construída o prédio em uma área de 7 mil m² – em que o processo construtivo será de cerca de 12 meses. A estrutura contará com 36 salas de aulas, duas salas administrativas, refeitório, biblioteca e auditório.

Indicação – Delegado Claudinei, em setembro de 2019, apresentou em sessão plenária na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), a necessidade de criação e montagem de um Laboratório de Ensino de Hardware e Circuitos Digitais para o curso de Ciência da Computação da Unemat de Rondonópolis. A matéria foi encaminhada para a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Mato Grosso, por meio da indicação de n.º 4.267/2019 .

 

Fonte: ALMT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Deputado Claudinei conhece os trabalhos da 8ª CIBM de Pontes e Lacerda

Publicado


Deputado Delegado Claudinei visitou a sede da 8ª CIBM, em Pontes e Lacerda

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS

Em missão pela Comissão de Segurança Pública e Comunitária da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), em Pontes e Lacerda (MT), o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) visitou a sede atual da 8ª Companhia Independente do Corpo de Bombeiros Militar (CIBM), que pertence ao Comando Regional de Cáceres (MT). Ele foi recepcionado pelo 2º tenente Cristhian Borges – representando o capitão Wallenstein Maia Santana – que apresentou toda a instituição e passou as principais informações sobre a execução dos trabalhos da corporação.

Cristhian expôs a importância do papel do Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPMT) com o Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) do município para solucionar algumas necessidades da unidade. “Aqui o Conseg é bem atuante na cidade. A gente consegue mobilizar o Ministério Público para a destinação de recursos. O dinheiro vai para o Conseg, que tem uma associação, CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica) e conta bancária, o que acaba que ele faz tudo. A gente indica o material que precisamos. Sempre estamos juntos para não errarmos na compra e nas especificações dos materiais”, explica o militar.

EPIs – Recentemente, uma demanda urgente dos bombeiros militares era a aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e o MP interviu e realizou a aquisição dos materiais. “O pessoal do Exército chegou aqui, mas não tínhamos luvas e capacetes. Agora, com os materiais, conseguimos dar um apoio melhor, porque o pouco que tínhamos acabou sendo usado por toda a guarnição. O necessário, que era urgente, conseguimos agora”, explica o 2° tenente.

Outra ação benéfica do MP foi a compra de motor para a realização de desinfecção de unidades públicas da cidade e do interior, salienta Borges, que reconhece que as demandas emergenciais praticamente foram atendidas para a devida execução por parte dos bombeiros miliares. 

Efetivo – O quadro de pessoal da 8ª CIBM é de 30 militares efetivos, sendo que atendem no total 10 municípios mato-grossenses na região de fronteira. “O nosso maior problema aqui é o efetivo. Tem dias que tem três militares por dia na rua e a gente atende 10 municípios. Tem uma área nossa, a cidade de Rondolândia, é muito longe daqui. Geralmente, pedimos uma ordem de serviço de sete dias para fazer vistoria ou identificação ou evento de grande porte – devido ser muito longe. Este é o tempo para o pessoal ir lá e voltar”, explica Christian.

“Avalio que as forças de segurança de Pontes e Lacerda passa por dificuldades com a falta de efetivo, mas que buscam atuar com excelência mesmo com este empecilho no caminho. Claro que este tipo de demanda é uma das que venho levando ao governo estadual devido ao baixo efetivo nas instituições de segurança pública e, nesta unidade, não vai ser diferente. Vamos seguindo com a comissão até conseguir solucionar essa situação”, posiciona Claudinei.
    
Parceria – Devido o município não contar com Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a 8ª CIBM tem o suporte, em alguns casos, da prefeitura de Pontes e Lacerda – esclarece Borges. “Todo o atendimento pré-hospitalar fica na competência do Corpo de Bombeiros. Às vezes, tem o apoio da prefeitura municipal, quando tem três ocorrências em andamento. Ela nos auxilia. Com a pandemia (Covid-19), buscamos isolar a nossa ambulância, que atende toda a cidade, em relação ao transporte de pessoas com suspeita. Com isso, pedimos para a prefeitura fazer o encaminhamento”, esclarece. 

Em relação às viaturas na unidade militar, o 2° tenente comenta que não há problemas neste quesito para a execução dos trabalhos. Ele conta que possuem duas ambulâncias, sendo que uma delas foi destinação do MP do Trabalho de Cuiabá. “O Ministério Público acaba ajudando aqui. O estado tem dificuldades na aquisição de viaturas e materiais e o MP tem apoiado e muito nas nossas ações dentro da cidade. Temos a sorte de ter dois caminhões, parte do tempo, usamos somente um. De viatura não temos o que reclamar, pois está tudo bem”, posiciona. 

Instituição – A 8ª CIBM atende os municípios de Pontes e Lacerda, Comodoro, Rondolândia, Vila Bela da Santíssima Trindade, Conquista d’Oeste, Nova Lacerda, Figueirópolis d’Oeste, Jauru, Vale de São Domingos e Campos de Júlio.

Fonte: ALMT

Continue lendo

Política MT

Juarez costa fecha apoio de dez partidos e nega ter interferido para prefeita ter desistido da reeleição

Publicado

O deputado busca seu terceiro mandato à frente da prefeitura de Sinop

O deputado federal Juarez Costa (MDB), candidato a prefeito de Sinop, afirmou à imprensa nesta segunda-feira (28), durante solenidade no Palácio Paiaguás, com a presença do ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, que vai para a disputa por conta de seu nome estar liderando as pesquisas de consumo interno realizadas na cidade.

A desistência de disputa por parte da prefeita de Sinop, Rosana Martinelli (PL), Juarez Costa vê como uma decisão pessoal. “É uma decisão pessoal dela de não ir para a disputa. Nós fizemos uma articulação com o partido, e o meu nome estava aparecendo em primeiro na disputa. A gente respeita a decisão da sociedade”, disse o parlamentar.

“Nós conseguimos fechar com dez partidos importantes. O arco de aliança, denominado nosso nome mais forte, estamos preparados para a campanha e, em vencendo, fazer uma retomada em Sinop, que precisa, vai ter um crescimento muito forte, ano que vem deve publicar o edital da Ferrogrão”, disse, comemorando o fato de que os trilhos vão chegar ao Nortão do Estado.

“Teremos um crescimento muito grande e a prefeitura precisa acompanhar esse crescimento. Essa coisa que a cidade cresce sem acompanhamento da prefeitura é para inglês ver. Precisa é o poder público acompanhar com tudo, é com creche, com saúde, com trânsito, com investimentos em todas as áreas. Então Sinop entrará nos trilhos da Ferrogrão a partir do ano que vem, se Deus quiser”.

Juarez Costa, que já foi prefeito por duas vezes de Sinop, disse que pretende tocar obras. “Vamos dar a nossa tocada, que é de obras, estou preparado para isso. Na política eu tenho que me preparar psicologicamente, já começaram os ataques. Antes mesmo do processo eleitoral. Mas eu estou preocupado é com propostas. O povo de Sinop é politizado. Quer propostas e a gente tem propostas na palma da mão, coisas que são realizáveis. É isso que vamos trabalhar, e é o que o povo está pedindo em Sinop”, declarou.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana