conecte-se conosco


Política MT

Deputada critica Emanuel “por impor” Faiad e afirma que prefeito quer comando do MDB para reeleger o filho

Publicado

Janaina Riva disputa com prefeito comando da legenda em Cuiabá

Em conversa com jornalistas na manhã desta quarta-feira (13), a deputada estadual Janaína Riva (MDB), disse que o Diretório Municipal do partido está sem presidente em Cuiabá. Desde dezembro a deputada disputa o comando do diretório com o ex-presidente da sigla, o advogado Francisco Faiad, aliado do prefeito da Capital, Emanuel Pinheiro (MDB).

“Está sem presidente e nós estamos aguardando uma definição da Executiva. Nós não fizemos essa reunião até hoje, e não foi por culpa do prefeito, minha ou de alguém do partido. Cada hora um pega Covid, então estamos esperando com tranquilidade”, disse a parlamentar.

A deputada adiantou que a postura do prefeito da Capital não vem sendo bem recebida na Executiva. “No MDB não se aceita esse tipo de imposição”, disse sobre o fato de o prefeito dizer que sem o [Francisco] Faiad não tem conversa. Agora, é claro que a gente respeita muito o prefeito, é o prefeito da Capital, natural que o diretório fique com o prefeito”, disse a deputada que vê, em Cuiabá, uma situação diferente.

“Aqui é uma situação atípica, em que temos um prefeito que, em tese, é emedebista, mas o seu espólio político, o seu grupo político não é do MDB, é do PTB, PV, do PP enfim, são de outros partidos. Na verdade, o MDB não se sente o partido do Emanuel, e agora, o nosso foco já é 2022, a gente começa a pensar na eleição de deputados estaduais e federais. Por conta disso, como vamos deixar o partido com uma liderança que tem como prioridade eleger um deputado federal que é do PTB”, questionou a parlamentar sobre o filho do prefeito, o deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, o Emanuelzinho.

 

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Comissão da Indústria vai se reunir com FIEMT, CDL e Fecomércio para fortalecer vendas de final do ano

Publicado


Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

A Comissão de Indústria, Comércio e Turismo da Assembleia Legislativa debateu sobre a percepção do comércio para vendas de Natal, durante a reunião de hoje (7). Na ocasião, o presidente da Comissão, deputado Allan Kardec (PDT), afirmou que na próxima semana os membros do grupo farão uma visita às diretorias da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio-MT) e da Federação das Indústrias do estado de Mato Grosso (FIEMT) para cobrar o calendário de eventos do estado. Essa é uma das principais propostas da comissão para fomentar as vendas. 

Durante a reunião, os participantes dos segmentos do comércio de Mato Grosso pediram apoio da comissão com o objetivo de buscar alternativas para fomentar as vendas neste final de ano.

“Vamos fazer uma união de esforços ainda na próxima semana e uma visita institucional na Fecomércio, CDL e FIEMT, convidando o setor hoteleiro e de eventos para juntos, definirmos o calendário de eventos de 2022 em Mato Grosso”, prevê Kardec.

Para o presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Mato Grosso (SHRBS), Luis Carlos Nigro, o apoio da Assembleia Legislativa e do governo do estado é fundamental para fortalecer as vendas neste final de ano e, consequentemente, melhorar mais para 2022.

“Tivemos um período muito complicado no ano passado e nesta temporada também passamos por momentos difíceis devido à pandemia. Precisamos organizar uma retomada para o setor para que a gente possa desenvolver o comércio dentro do Estado de Mato Grosso. Também o apoio do governo será importante para a melhora do comércio”, revelou ele. 

De acordo com o deputado Gilberto Cattani (PSL) é comum que os comerciantes estejam mais focados em aumentar suas vendas. Para o parlamentar, a percepção do comerciante mato-grossense é aumentar as vendas neste Natal.

“Na minha opinião foi o setor que mais sofreu com a pandemia, e com certas políticas incoerentes tomadas durante esse período, vários negócios não conseguiram se manter no comércio. Entendo que essa iniciativa será fundamental para a recuperação do setor no estado”, concluiu Cattani.

Fonte: ALMT

Continue lendo

Política MT

Filmar professores em sala de aula sem autorização está proibido em MT

Publicado


Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

O governador Mauro Mendes (DEM) sancionou a Lei nº 11.595/2021, que dispõe sobre a proibição de constrangimento ao livre exercício docente nas salas de aula dos estabelecimentos do sistema estadual de ensino. A normativa circulou em edição extra do Diário Oficial do Estado nessa segunda-feira (6).

De autoria do deputado estadual Valdir Barranco (PT), a nova lei estabelece que “fica proibida a filmagem de professores e professoras no exercício da docência em qualquer estabelecimento que componha o sistema estadual de ensino de Mato Grosso, quando tal registro tiver por finalidade constranger ou limitar o livre pensamento, a liberdade de expressão e a ética educacional”.

“A filmagem de qualquer atividade em sala de aula somente poderá ocorrer em aulas e demais atividades de ensino, mediante consentimento de quem será filmado ou gravado”, estabelece a Lei que foi proposta pelo deputado Valdir Barranco (PT).

O responsável pela filmagem sem autorização, sem prejuízo das medidas cíveis e criminais cabíveis, será submetido às normas disciplinares do regimento escolar.

Fonte: ALMT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana