conecte-se conosco


Política Nacional

Damares promete lutar para que mulheres tenham maior participação na política

Publicado


undefined
Carolina Antunes/PR

Damares Alves defende maior participação das mulheres na política


Ministra da Família, da Mulher e dos Direitos Humanos, Damares Alves usou a sua participação no encontro da Confederação Nacional dos Municípios, na terça-feira (9), para defender uma maior participação das mulheres na política brasileira. Segundo a ministra, existem Câmaras Municipais sem a presença de mulheres como vereadoras. Para mudar esta realidade, propôs uma campanha.

Leia também: MP do Ensino Domiciliar deve sair até a próxima semana, diz Damares

De acordo com Damares Alves , é preciso que as mulheres participem de caravanas para que não existam municípios sem a participação feminina. A ministra pede “ocupação de espaços”.

“Nós temos como desafio fazer uma grande campanha para que nenhum município no Brasil deixe de ter, no mínimo, uma única representante mulher . Quero convidar as municipalistas para, junto com o nosso ministério, partir em caravana pelas cidades”, disse a ministra.

Damares também fez questão de ressaltar em seu discurso que as mulheres brasileiras são diferentes e precisam ser valorizadas como “guerreiras”.

Leia Também:  Comissão aprova MP que antecipa pagamento de parte do 13º salário pelo INSS

Leia também: Fora da agenda, Bolsonaro vê filme cristão no cinema com Michelle e Damares


“Vamos dizer para essas mulheres guerreiras, valentes, porque a mulher brasileira é diferente, que nós vamos ocupar os espaços”, defendeu.

Leia também: Brasil está entre os países com menos mulheres no governo, aponta ONU

Damares Alves é uma das duas ministras mulheres do governo Bolsonaro – a outra é Tereza Cristina (Agricultura) – mas coleciona frases polêmicas na questão de gênero, como um discurso em que defendeu que meninos devem vestir azul e meninas, rosa. De acordo com a última pesquisa Datafolha, a ministra é aprovada por 25% da população.

Fonte: IG Política
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política Nacional

‘Acredito em príncipe encantado’, diz Damares Alves sobre busca por marido

Publicado

source
Damares alves arrow-options
Divulgação/Presidência da República

Ministra Damares Alves

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos , Damares Alves , disse que está em busca de um marido durante uma entrevista ao programa SBT Mulher . A declaração foi feita diante da apresentadora Rachel Sheherazade, que questionou a ministra sobre ela participar de um aplicativo de namoro.

Leia também: Em entrevista, Damares esclarece e nega suposto sequestro da filha Lulu

“Acredito muito na família, na relação homem e mulher. Acredito no amor, acredito em príncipe encantado. Estou procurando, mas não estou no Tinder. Foi uma brincadeira”, comentou a ministra do governo Bolsonaro durante a entrevista. 

Em novembro de 2019, a ministra Damares fez declarações informando que estaria em um aplicativo em busca de um marido. A ministra também contou que está em busca de aproveitar a terceira idade “dançando muito, brincando e namorando”. 

Leia mais: Governo defende abstinência sexual contra gravidez precoce

“Acho o Tinder muito pouco para mim. Vou abrir um site, vou começar a receber currículo. Minha assessoria vai analisar, inclusive olhando a conta bancária”, brincou na época.

Leia Também:  Relator da MP do Programa de Parcerias de Investimentos receberá sugestões da sociedade

Fonte: IG Política
Continue lendo

Política Nacional

Caso Flordelis: celular do pastor ‘apareceu’ na casa de senador horas após crime

Publicado

source
Flordelis arrow-options
Reprodução

Desaparecido desde o início das investigações, aparelho foi usado horas após o crime

A Polícia Civil descobriu que o aparelho celular do pastor Anderson do Carmo — marido da deputada federal Flordelis (PSD), assassinado em junho de 2019 — que desapareceu após o crime, foi ativado com um chip em nome da empresária Yvelise de Oliveira e conectado ao Wi-Fi de sua casa, na Barra da Tijuca, onde vive com o senador Arolde de Oliveira (PSD), com quem é casada, poucas horas após o crime. A informação foi revelada pelo RJ2, da TV Globo.

Leia também: Sem banho e alimento! Saiba como é a vida de quem vive nas calçadas de São Paulo

De acordo com o inquérito da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DH/NSG), horas após ter sido utilizado no Rio , o aparelho seguiu para Brasília . Na capital, o celular teria sido conectado, então, ainda segundo fontes ouvidas pela TV Globo, ao Wi-Fi de outro endereço residencial, antes de desaparecer de vez.

Leia Também:  Senado aprova Cadastro Nacional da Pessoa Idosa

Procurado pela reportagem, o senador Arolde de Oliveira disse que ele e a esposa estão perplexos: “isso não existe. Estou perplexo. Cabe o ônus da prova a quem acusa. Nunca imaginei um ataque desta natureza. Deus é maior que isso tudo. Yvelise está tão perplexa quanto eu estou, e estamos achando que pode ter sido uma clonagem. Amanhã (quarta-feira) vou ver o que eu faço. Quem não deve, não teme”.

Ligação próxima

Arolde de Oliveira é tido como um dos líderes do PSD , partido de Flordelis, e, além disto, tinha relação próxima também com Anderson. O senador é fundador do Grupo MK, gravadora de discos gospel, que atualmente é presidido por sua esposa Yvelise, e que produziu discos da deputada federal.

O crime

Anderson do Carmo foi morto a tiros na garagem da casa onde morava com Flordelis e os filhos, em Pendotiba , Niterói, na madrugada do dia 16 de junho de 2019. Ele e a deputada federal tinham acabado de chegar em casa, e voltavam de uma confraternização.

Leia Também:  CDH discutirá irregularidades nos Fundos de Pensão

Leia também: Responsável por matar produtor no trânsito segue solto 3 meses após o crime

Até agora, dois filhos de Anderson e Flordelis estão presos, apontados por envolvimento no crime: Flávio dos Santos Rodrigues e Lucas dos Santos. A deputada também é investigada pela polícia. Recentemente, enfim os investigadores conseguiram ter acesso a dados da nuvem do aparelho celular e do tablet do pastor.

Fonte: IG Política
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana