conecte-se conosco


Geral

Cuiabá inicia vacinação para garis, catadores de recicláveis e motoristas de ônibus; gestantes são próximo alvos

Publicado

Mais de 130 mil doses de imunizantes já foram aplicadas desde o início da campanha ‘Vacina Cuiabá – Sua Vida em Primeiro Lugar’ [Foto – Luiz Alves]

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, deu início nesta segunda-feira (3), a vacinação dos garis, carroceiros, trabalhadores do serviço de varrição,  motoristas de transporte coletivo e catadores de recicláveis. A solenidade simbólica foi acompanhada pela primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, e realizada no auditório da Prefeitura de Cuiabá.

“Se Cuiabá está mais bonita, mais popular, nós devemos aos garis, as pessoas que estão lá na ponta, que fazem o serviço – geralmente de noite e de madrugada. Os varredores de rua, que mantem a cidade tão limpa, estão aqui como heróis anônimos e fazem acontecer. Os catadores de recicláveis que buscam um modo de sobrevivência para sustentar com dignidade a sua família. Os nossos carroceiros, que são idosos, são guerreiros. Por fim, os trabalhadores do transporte coletivo, que fazem parte também da nossa vida, que nos levam e nos guiam, são guerreiros também e não existe maneira melhor de homenageá-los, senão vacinando contra a Covid-19. São categorias que realmente estão muito expostas. Eu sei que todas as categorias são importantes, todas são essenciais, mas existe aquela mais vulnerável, a mais fragilizada, que precisa de um olhar acolhedor e carinho maior do Poder Público e da prefeitura”, explicou Emanuel Pinheiro.

Durante o evento, a primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, anunciou que a capital começará a imunizar – mediante o recebimento de vacinas –  também as gestantes que possuem comorbidades, e crianças e adultos com Síndrome de Down. A previsão é de que com a chegada de novas remessas de  imunizantes na quarta-feira (5), o novo grupo seja contemplado em tempo célere.

“Queremos colocar como prioridade, porque nós sabemos que são do grupo de risco, e é muito importante estarmos focando, realmente, a quem precisa urgentemente ser vacinado”, ponderou a primeira-dama Márcia Pinheiro.

Questionada sobre os detalhes da vacinação aos grupo de catadores, garis e servidores do transporte público, a gestora da Secretaria Municipal de Saúde, Ozenira Félix, informou que a imunização será realizada sem a necessidade desse público prioritário se dirigir aos polos de imunização instalados na capital. “Todos serão vacinados na sede de seus respectivos trabalhos. Nós vamos atuar com estas categorias nas próprias unidades onde elas trabalham. Já vamos começar com o agendamento pelo pessoal transporte, depois vamos a cada uma empresa e formaremos uma agenda. Então, cada um de vocês será vacinado conforme o cronograma que estamos elaborando, para não haver tumultos”, explicou a gestora da SMS durante a solenidade.

O evento contou com a vacinação simbólica de representantes de cada categoria. Foram  vacinados: Ermenegildo de Arruda, 61 anos, varredor de rua; Valdeir Aparecido dos Santos, 40, coletor de resíduos; Hilton da Silva Amorim, 42, carroceiro; Thiago da Silva Duarte, 38, catador de reciclável; Hermeson da Silva Queiroz, 40, motorista do ônibus; Odiena Gonçalves de Azevedo, 40, carroceira; Gelcimara Abadia de Oliveira, 27, catadora de reciclável; Marcos Sérgio Pedroso da Silva, 50, motorista do transporte coletivo; Natalino Ribeiro, 37, coletor de resíduos; Onério Manoel de Amorim, 66, varredor de rua; Flávio de Almeida Correia, 48, motorista do transporte coletivo.

O deputado  federal, Emanuel Pinheiro Neto (Emanuelzinho), fez questão de ressaltar que o momento é de felicidade para Cuiabá, especialmente em um momento onde serviço público está sendo desvalorizado. “Eu me lembro que no começo de sua administração em 2017 para 2018, as pessoas que vinham de fora ou do interior do Estado, notavam que Cuiabá estava diferente, mais bonita, que o espírito dos 300 anos estava trazendo uma cara nova para a Capital. No entanto, muitas vezes na correria do dia a dia, nos passa despercebido a importância e o trabalho dos servidores, que fazem o trabalho acontecer, que fazem Cuiabá ficar mais bonita, que fazem Cuiabá andar e que fazem Cuiabá ter essa cara e esse cheiro de autoestima, de cidade tricentenária que ela tem. E são justamente os companheiros que trabalham na revitalização das praças, na limpeza das ruas, no transporte dos passageiros, e que no dia a dia fazem a coisa acontecer, mas na maioria das vezes não são lembrados pelo Poder Público quando lhes é importante esse cuidado e essa atenção. Eu vejo que essa ação da SMS de Cuiabá,’ é um reconhecimento do trabalho e do esforço daqueles que fazem com que Cuiabá tem a cara que tem, e que muitas vezes não são reconhecidos. E é justamente por isso que Cuiabá tem sido marcada pela característica de ser acolhedora, inclusiva e importante na medida que priorizam aqueles que devem ser priorizados e não aqueles que podem pagar por uma vaga na frente na fila. Parabéns a gestão e parabenizo os servidores e a todos”, ressaltou.

Tambem estiveram presentes na solenidade, o representante do Sindicato das Empresas de Coleta e Varrição de Mato Grosso, Salmen Kamal, o presidente do Sindicato de Empregados das Empresas de Coleta e Varrição, Célio Catani, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Baixada Cuiabana, Edval Luiz, o presidente do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis de Mato Grosso, Thiago da Silva Duarte e a presidente da Associação dos Carroceiros de Cuiabá, Odiena Gonçalves, além do vereador por Cuiabá, Adevair Cabral, do deputado estadual Carlos Avalone (PSDB) e do vereador pastor Jeferson (PSD) e os secretários municipais da Empresa Cuiabana de Zeladioria e Serviços Urbanos- Limpurb, Vanderlúcio Rodrigues e de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo.

 

 

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Várzea Grande abre pré-cadastro de vacinação para pessoas com comorbidades de 50 a 59 anos

Publicado

Várzea Grande abriu pré-cadastro para vacinação contra a COVID 19, para aqueles com idade entre 50 à 59 anos e com comorbidades e seguindo os critérios estabelecido pelo Ministério da Saúde através do Plano Nacional de Imunização (PNI):
• Pessoas com Síndrome de Down, independente de idade (a partir de 18
anos);
• Pessoas com doença renal crônica em diálise, independente de idade (a
partir de 18 anos);
• Gestante com ou sem comorbidades, independente de idade (a partir de
18 anos);
• Pessoas com comorbidades de 50 a 59 anos;
• Pessoas com Deficiência Permanente cadastradas no Programa de
Benefício de Prestação Continuada (BPC) de 50 a 59 anos.

As inscrições podem ser feitas através do site oficial do município no endereço www.varzeagrande.mt.gov.br no banner no topo do site, IMUNIZAÇÃO VÁRZEA GRANDE – PRÉ CADASTRO PARA VACINAÇÃO CONTRA COVID 19.
Após o Cadastro a pessoa poderá consultar através do número do seu CPF o seu agendamento da vacinação contra o COVID-19 (data e hora) com o prazo de até 3 dias úteis.  Após este período ele deverá entrar em contato
pelo 0800 647 4121.
Deverá ser apresentado OBRIGATORIAMENTE os seguintes documentos no momento da vacinação:

• Documento com foto;
• Cartão do SUS;
• Comprovante de endereço.

Deverá ser entregue no ato da vacinação, LAUDO MÉDICO, comprovando a comorbidade, com data inferior a 90 dias da data da emissão.
O laudo deverá conter o CID 10 e assinatura do médico com seu CRM. Com a omissão de qualquer um destes documentos a pessoa não será vacinada. “Queremos e vamos avançar. Na medida que novas doses de vacina chegarem à ordem é para acelerar a imunização e dedicar esforços, no sentido, de proteger nossa população”, disse o prefeito Kalil Baracat que tem insistentemente cobrado das demais autoridades uma definição quanto a uma rotina na entrega das vacinas para que os municípios, que na prática são aqueles que aplicam as doses, possam planejar sua atuação.
Segundo Kalil Baracat o que interessa neste momento é a imunização das pessoas diante da pandemia da COVID 19. “Queremos salvar vidas. Neste momento é o que importa e depois voltarmos a vida ao normal”, disse ele.
Atualmente Várzea Grande tem cinco pontos de vacinação, sendo três fixos e dois drive-thru e existindo vacina e larga escala não descarta abrir novos pontos.
Em parceria com a Clínica Médica do Centro Universitário Várzea Grande (UNIVAG), a Prefeitura de Várzea Grande mantém um Ponto Fixo e um Drive-Thru, sendo que ali também se realiza o Corujão da Vacinação que é uma das opções mais procuradas pela população que tem meios de locomoção assegurados.
Já em parceria com a Assembleia Legislativa de Mato Grosso, são outros dois pontos, um fixo no Miniestádio do Jardim dos Estados e Drive-thru no Parque Berneck.
Fora isto, existe ainda um ponto fixo no Ginásio de Esportes Júlio Domingos de Campos (FIOTÃO), que se tornou estratégico por estar ao lado do Terminal André Maggi, por onde circulam uma média de 75 mil pessoas diariamente e que necessitam do transporte coletivo. “Nós temos Várzea Grande dividida em quatro áreas que são cobertas por
estes pontos de vacinação e toda uma logística foi montada para atender essa demanda que envolve a Guarda Municipal por causa da segurança, a Vigilância em Saúde, a Vigilância Epidemiológica e um volume de mais de
150 pessoas da Secretaria Municipal de Saúde, principalmente trabalhadores da saúde para realizar um bom atendimento e de confiança para cada pessoa vacinada”, disse o secretário de Saúde de Várzea

 

 

Continue lendo

Geral

Mato Grosso registra 34 mortes e mais de 1,5 mil casos de Covid em 24 horas; ocupação de UTIs está em 81%

Publicado

Há 432 internações em UTIs públicas e 352 em enfermarias públicas

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta sexta-feira (7), 371.781 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 10.076 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 34 mortes e 1.545 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 371.781 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 8.512 estão em isolamento domiciliar e 351.604 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 432 internações em UTIs públicas e 352 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 81,51% para UTIs adulto e em 45% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (78.765), Rondonópolis (27.274), Várzea Grande (25.257), Sinop (19.523), Sorriso (12.906), Tangará da Serra (12.225), Lucas do Rio Verde (11.520), Primavera do Leste (10.182), Cáceres (7.925) e Alta Floresta (7.106).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 321.613 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 562 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na quinta-feira (6), o Governo Federal confirmou o total de 15.003.563 casos da Covid-19 no Brasil e 416.949 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 14.930.183 casos da Covid-19 no Brasil e 414.399 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta sexta-feira (7).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana