conecte-se conosco


Política MT

Cuiabá anuncia medidas de enfrentamento ao novo coronavírus na quinta-feira

Publicado

Redes sociais serão empregadas para divulgação das ações [F- Luiz Alves]

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, realiza nesta quinta-feira (28), às 9h30, uma nova transmissão virtual para falar sobre as novas medidas de enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19) implantadas na Capital.

Desde o início da pandemia, a Prefeitura de Cuiabá vem adotando uma série de medidas para conter a propagação do contágio do vírus, como a obrigatoriedade ao uso de máscaras artesanais ou cirúrgicas, a prorrogação por mais 90 dias na interrupção do fornecimento de água dos consumidores inadimplentes, a instalação de  lavatórios populares para higienização das mãos em pontos estratégicos da cidade seguindo os protocolos de segurança da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministérios da Saúde.

O pronunciamento pode ser conferido pelas redes sociais Facebook (https://www.facebook.com/search/top/?q=emanuel%20pinheiro) e Instagram (https://www.instagram.com/emanuelpinheiromt/?hl=pt-br).

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política MT

“Estão bombando de ganhar dinheiro” diz Botelho ao voltar a cobrar ações do agronegócio contra pandemia

Publicado

De acordo com o presidente da ALMT, setor continua tendo lucros mesmo com a crise provocada pela pandemia

Em uma live com o presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Guilherme Maluf, e com o presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga, o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado Eduardo Botelho (DEM), fez um desabafo depois de relatar que os governantes têm uma nova batalha pela frente, que é o pós-pandemia, com o consequente caos econômico, e classificou de inércia a atuação “dos grandes”, numa alusão aos barões do agronegócio, neste momento de pandemia.

“Eu sempre reclamo que ainda falta um pouco de sensibilidade neles para contribuir. Deveriam agora, agora, chamar o Estado, os municípios, vamos construir hospitais, vamos construir em parceria, eles não fizeram. Estão bombando de ganhar dinheiro, mas até agora não veio essa contrapartida. E eu vou continuar reclamando, vou continuar falando, porque a inércia deles é inadmissível, estão passando e parece que não está acontecendo nada com eles”, disse o presidente do Parlamento. Segundo Botelho, “eles só ganhando mais dinheiro com a elevação do dólar, com a China continuando comprando muito”.

Conforme Botelho, é preciso se preocupar e buscar alternativas desde já em relação ao pós-pandemia. “Tem outro ponto que precisamos trabalhar, que é o pós pandemia. As empresas pequenas vão estar quebradas, eles não vão ter como tocar, como repor seus estoques, e se nós não trabalharmos isso agora, com recursos disponíveis para essas pessoas começarem a andar, a economia vai patinar e nós vamos ficar só dependendo dos grandes. Esses sim, pagam seus impostos e estão bombando e rachando de ganhar dinheiro”, afirmou.

Botelho destacou que todos neste momento estão empenhados na luta contra o coronavírus. “O governo, a Assembleia Legislativa, os prefeitos, todos estão empenhados nessa causa. Nós já conseguimos economizar, cortar gastos na Assembleia e devolvemos R$ 40 milhões para o governo visando ajudar nessa luta contra o coronavírus”, observou o presidente da Assembleia Legislativa.

 

 

 

Continue lendo

Política MT

Hospitais públicos e privados devem disponibilizar salas de repouso adequadas para profissionais da saúde

Publicado


.

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

O projeto de lei nº 560/2020 estabelece que as unidades de saúde públicas e privadas de saúde de Mato Grosso devem disponibilizar condições adequadas de convivência e repouso aos profissionais da saúde durante a pandemia do coronavírus (Covid-19).

Conforme o deputado estadual Dr. Gimenez (PV), isso inclui médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem e todos os outros profissionais que atuarem na linha de frente no enfrentamento à doença.

“São regras que colaboram com a prevenção, pois orientam que devem ser espaços destinados exclusivamente a esses profissionais, precisam ser amplos e arejados, possuir banheiros, mobiliário adequado e compatível com o número de profissionais em serviço”, explica.

A nova legislação também estabelece que os Conselhos Regional de Medicina (CRM-MT) e de Enfermagem de Mato Grosso (Coren-MT) poderão assessorar os gestores e gerentes em questões que envolvam esses locais, com prazo de 90 dias para as devidas adequações.

“Esses profissionais são essenciais para a continuidade no atendimento à população, por isso a ideia da proposição já está sendo aplicada na forma de lei em outros estados brasileiros. Vale frisar que o descanso laboral é fundamental para a qualidade dos serviços prestados à sociedade”, esclarece o parlamentar.

Como médico, Dr. Gimenez explica que a instalação de área de convivência e repouso proporciona um meio para a redução da fadiga física e emocional do profissional da saúde no ambiente hospitalar, além de melhorar o acolhimento ao profissional o que impacta positivamente na sua saúde.

“Nesse sentido, a matéria proposta está ligada à saúde dos profissionais da saúde, visto que o aperfeiçoamento e a padronização dos locais de descanso e repouso são elementos fundamentais para tornar os ambientes de trabalho salubres e seguros”.

O parlamentar argumenta que neste momento de enfrentamento à pandemia da Covid-19 tornou evidente a falta de estrutura adequada aos profissionais de saúde em todo o estado, pois houve redução do número de profissionais nos hospitais devido a infecções e carga de trabalho excessiva sem contrapartida em repouso.

Fonte: ALMT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana