conecte-se conosco


Política MT

CPI suspende interrogatório do ex-governador Silval Barbosa e quer acesso a delações

Publicado

Depoimento do ex-governador estava marcado para ocorrer na próxima quinta-feira

Antes aprovada pela maioria dos membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instaurada na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) para investigar sonegação e irregularidades na concessão de incentivos fiscais, a convocação do ex-governador Silval Barbosa, que estava marcada para a próxima quinta-feira (10), foi suspensa sem definição de data futura.

A proposta de suspensão foi apresentada pelo vice-presidente da CPI, deputado Carlos Avalone (PSDB) na tarde de quinta-feira (3) e questionada pelo presidente da comissão. O deputado Wilson Santos perguntou ao correligionário sobre eventual “receio” em relação à oitiva do ex-governador.

“Não temos nenhum receio, apenas queremos agilizar os trabalhos e poupar a comissão de desgastes desnecessários, tal ocorreu com a oitiva do doleiro Lúcio Funaro em reunião fechada”, argumentou Avalone.

Apesar da expectativa gerada em relação ao depoimento do doleiro Lúcio Bolonha Funaro, a oitiva foi realizada em reunião fechada, decisão tomada pela maioria dos membros da comissão. Na ocasião, os parlamentares resolveram acatar recomendação posta em parecer exarado pela Procuradoria-Geral da Casa.

A Procuradoria-Geral levou em consideração o fato de a colaboração premiada, prevista na lei que define organização criminosa, permitir ao depoente Lúcio Funaro silenciar sobre questionamentos sobre fatos constantes no acordo homologado pela Justiça Federal. Como Funaro, Silval Barbosa também é colaborador.

“Assim, é mais importante que a comissão busque o compartilhamento das delações junto aos órgãos judiciais competentes, no caso o Supremo Tribunal Federal”, assinalou Avalone.

Depoimento – Ouvido pelos parlamentares, o superintendente do Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária (Imea), economista Daniel Latorraca, levou à CPI números sobre área plantada, volume produzido e valor bruto da produção de milho, soja e algodão em Mato Grosso, assim como sobre o rebanho bovino.

Latorraca confirmou a informação – atribuída ao presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Naturale Biocombustíveis (Sindpetróleo), Aldo Locatelli – de que o volume de óleo diesel consumido em Mato Grosso é similar ao de Goiás, embora a área plantada no estado vizinho seja significativamente inferior.

Porém, não foi esclarecido o porquê. A suspeita é que caminhões com tanques adaptados abasteçam em Goiás ou Mato Grosso do Sul, praças onde a carga tributária sobre o combustível é menor, e depois descarreguem o produto por aqui em reservatórios clandestinos.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Em carreata, Roberto França percorre bairros de Cuiabá e recebe apoio de moradores

Publicado

Moradores de bairros reconhecem o trabalho social de Roberto França

A população da maioria dos bairros da Capital reconhece o trabalho prestado por Roberto França em suas duas gestões como prefeito de Cuiabá, obras que até hoje atendem as necessidades de milhares de famílias e garantem qualidade de vida a todos. Durante a Caminhada da Mudança realizada neste sábado e domingo, o candidato do Patriota reencontrou diversas lideranças comunitárias que lembram com saudade da atenção humanitária que Roberto deu a todos os bairros, especialmente os que surgiram no início da década de 90 e não tinham a infra-estrutura necessária.

Roberto França percorreu no sábado e domingo os bairros Primeiro de Março, Três Barras, Jardim Umuarama, Jardim Florianópolis, Jardim União, Jardim Vitória e Praeirinho. No Florianópolis, França percorreu as principais ruas acompanhado da maior liderança comunitária da época em que foi prefeito, o popular Negão, fundador e ex-presidente da Associação de Moradores por três mandatos.

“Eu apoio Roberto França porque ele teve um olhar especial para as comunidades mais carentes. Aqui ele fez asfalto, trouxe a energia, implantou a padaria comunitária, que não só fornecia o pão de cada dia, mas também formava padeiros que ainda hoje trabalham na região. Roberto trouxe o programa Leite para Todos, muitos jovens e adultos que hoje vivem aqui cresceram alimentados com o leite de soja e com o pão feitos na padaria comunitária. Por tudo isso tem meu apoio, pois é um homem honesto e trabalhador”, disse Negão.

“É muito gratificante voltar aos bairros onde atuamos nos dois mandatos e receber o carinho dos moradores, gente simples e honesta às quais pude oferecer um pouco mais de conforto com obras de infra-estrutura, com escolas, creches, postos de saúde, linha de ônibus, água encanada  e outras melhorias. E vamos fazer muito mais, pois tenho experiência, honestidade e compromisso com os mais necessitados. Quem não rouba, quem não coloca dinheiro público no bolso do paletó, faz muito mais pela comunidade”, disse França.

Mariana Silva, moradora da rua 25, lembrou que Roberto abriu e asfaltou ruas como a que ela mora, que liga o Jardim Florianópolis ao Jardim Vitória. “Era uma dificuldade passar pelas ruas de terra e Roberto sempre atendeu as reivindicações da comunidade”, destacou.  Outro morador, Tarcísio Muniz, da rua 19, Quadra 46, destacou outras obras de Roberto como a construção do Centro comunitário, e as unidades do Programa Saúde da Família que fazem trabalho preventivo no Florianópolis e Jardim União.

Jorgina Moraes, moradora da rua 21, disse que Roberto cuidou da educação construindo 12  salas de aula na escola Antônia Tita Campos, no Florianópolis. “No bairro vizinho, o Jardim União, onde mora a minha filha, Roberto construiu a escola Lenine Póvoas e a creche municipal Ale Guilherme da Costa, onde estudam meus netos. Por tudo isso Roberto França tem o apoio total desta comunidade”, disse a moradora.

Ronaldo, o popular Gordão do Lanche, outra liderança comunitária atuante na região, destacou outras obras de Roberto como a estação de água e a iluminação pública nas principais ruas. “Roberto tem serviço prestado e é sempre bem vindo em nossa comunidade”, disse.

 

 

Continue lendo

Política MT

Coronel Fernanda reúne mais de 600 veículos em carreata que percorreu quatro bairros de Rondonópolis

Publicado

Mais de 600 veículos, entre carros e motocicletas, percorreram em carreata as principais avenidas e bairros de Rondonópolis, nesse sábado (24). A ação, que agitou a cidade, faz parte da campanha da candidata do Patriota ao Senado, coronel Fernanda.
A caravana saiu do estacionamento do estádio Engenheiro Luthero Lopes, passou pela região do centro e por mais três bairros do município.
Por onde passava o trio elétrico, a militar recebia declarações de apoio dos moradores.
Durante a visita aos rondonopolitanos, Fernanda ainda fez um arrastão pelo comércio central, saindo da Praça Brasil, passando pelas lojas da avenida Amazonas, Praça dos Carreiros e retornando pela avenida Marechal Rondon.
Local onde recebeu muitas manifestações de carinho e pedidos de mudança na política.
“Estamos cansados dessa política do passado, chegou o momento de renovar. E as mulheres têm que ocupar posições de destaque, afinal, sabem muito bem como administrar o trabalho, a casa e os filhos, tudo simultaneamente. Por isso, acredito que estou muito bem representada pela coronel Fernanda, ela vai fazer o que precisamos em Brasília. Rondonópolis precisa dessa força no Senado”, frisou a vendedora Rúbia França.

Pedra Preta

Na terceira atividade do dia, a coronel participou de outra carreata no município de Pedra Preta, acompanhada do candidato a prefeito do município, Comandante Siqueira (PRTB), que tem como vice, Karolina Rocha (PRTB).
“Estamos muito felizes de ter uma candidata ao Senado. Penso como o presidente Bolsonaro, se saiu uma representante do sexo feminino tem que por outra no lugar. Só uma mulher sabe o quanto precisamos de políticas públicas voltadas para a mulher e a também para educação dos nossos filhos”, ressaltou a administradora de empresas, Sayonara Berres de Pádua.

Agenda

Neste domingo (25), a candidata estará em Campo Verde onde irá fazer passeata pela feira da cidade e participar de reuniões.
A agenda eleitoral na região Sul do estado começou na sexta-feira (23), pelas cidades de Jaciara e Juscimeira, onde ela também realizou outras duas carreatas e ‘adesivaço’.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana