conecte-se conosco


Mato Grosso

Cotação agrícola mostra variação de até 142% nos preços de produtos da agricultura

Publicado

Toda quinta-feira, a Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) divulga a cotação de preços de 40 produtos da agricultura, coletados em nove regiões do Estado. O levantamento de preços apresenta a média da região, enfocando o menor e o maior preço praticado durante a semana. O engenheiro agrônomo da Empaer, Luiz Carlos Guerra Victorino, responsável pela tabulação dos dados, comenta que a cotação agrícola é realizada pelos técnicos da empresa em parceria com os produtores rurais, cooperativas e empresas agropecuárias.

De acordo com Victorino, a cotação dessa semana apresentou algumas variações de preços. A farinha de mandioca foi vendida pelo menor preço no município de Rondonópolis, por R$ 122,50 o saco de 45 quilos, e em São Félix do Araguaia pelo maior valor, de R$ 296,67, uma diferença de 142% no preço final. O quilo do peixe teve uma variação de preço acima de R$ 10,00. Em Rondonópolis foi comercializado por R$ 7,00 o quilo e em Barra do Garças por R$ 17,06. O feijão Carioca também teve oscilação, no município de Barra do Bugres a saca de 60 quilos foi vendida por R$ 105,00 e em Alta Floresta por R$ 232,50.

Leia Também:  Jucemat leva serviços digitais para Feira do Empreendedor

Nesta semana (11 a 18/07), a venda da arroba do boi gordo com 25 dias foi comercializada pelo menor preço na capital, por R$ 131,25, e em Rondonópolis por R$ 145,00 a arroba. Em Barra do Garças, uma vaca de leite foi vendida por R$ 2.675,00 e em Barra do Bugres por R$ 3.420,00. O menor preço da carne de suíno foi encontrado em Sinop por R$ 76,95 a arroba, Já em Cáceres por R$ 136,95. O frango caipira em Barra do Bugres foi vendido por R$ 15,78 a unidade, e por R$ 29,64 em Cáceres.

Conforme Luiz Carlos, a cotação agrícola promove a tomada de preços para facilitar o acesso aos produtores rurais, que ganham com essa decisão, pesquisando para fazer um bom negócio, com preço justo. Os dados da cotação agrícola são renovados toda quinta-feira, permanecendo por um período de sete dias. “A cotação é muito procurada para solicitação do preço da arroba do boi gordo (à vista, c/25 dias) e da cabeça do boi magro, vaca de cria e leite, vaca gorda, vaca magra e outros. Essa é mais uma ferramenta que está à disposição do produtor rural”, destaca.

Leia Também:  Em inauguração, governador afirma que Estado vai criar programa de desburocratização

 As informações são coletadas nos municípios de Alta Floresta, Barra do Bugres, Barra do Garças, Cáceres, Cuiabá, Juína, Rondonópolis, São Félix do Araguaia e Sinop. A cotação é enviada para os veículos de comunicação, Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), escritórios da Empaer, comércio em geral e também para o Estado de Rondônia.

 A cotação possibilita aos interessados verificarem preços dos mais variados itens, tais como: algodão, soja, milho, café, cana-de-açúcar, borracha, arroz, banana (terra, nanica/nanicão), mandioca, boi gordo, garrote, leite, frango, ovos, peixes, suínos e outros. Todos os dados estão à disposição no site www.empaer.mt.gov.br

Fonte: GOV MT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Mato Grosso

Seduc lança projeto “Escola Gestora de Paz” no dia 02 de dezembro

Publicado

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) realiza na segunda-feira (02.12) o lançamento do projeto Escola Gestora de Paz. A cerimônia de abertura do evento será realizada às 8 horas, no auditório da Seduc, e contará com a presença de representantes de vários órgãos e entidades parceiras.

O projeto é uma ação educativa que tem por objetivo oportunizar aos professores da rede estadual de ensino, conhecimento e informações acerca de temas contemporâneos transversais, com o olhar especial para a aplicação das Leis 10.639/03, 11.645/08, (História e Cultura Afro), 10.903/19 (Política Estadual de Educação Ambiental) e 10.792/18 (Maria da Penha vai à Escola).

A meta principal do projeto é capacitar os profissionais para trabalharem com os alunos a construção de uma cultura de paz, o qual se desenvolverá como um “guarda-chuva” que abriga os campos de valores humanos, educação para direitos humanos, mediações de conflitos e práticas restaurativas, respeito às diversidades, questões ligadas ao meio ambiente, inclusão social, vivências e convivências escolares.

Durante o evento, que segue até às 17 horas, as escolas estaduais participantes farão exposição dos trabalhos voltados à cultura de Paz e às práticas pedagógicas exitosas, por meio dos temas contemporâneos transversais, oportunizando diálogo e intercâmbio de informações entre unidades escolares.

Leia Também:  Crianças de diversas cidades comemoraram o seu dia com o Corpo de Bombeiros

O projeto Escola Gestora de Paz é realizado pela Seduc em parceria com o Ministério Público do Estado; Defensoria Pública; Conselho Tutelar; com as Secretarias de Estado de Segurança Pública, de Assistência Social e Cidadania, Saúde; Secretarias Municipais de Saúde de Mato Grosso; União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime); Ordem dos Advogados do Brasil; Assembleia Legislativa; Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente; Universidade Federal de Mato Grosso; Universidade do Estado de Mato Grosso; universidades privadas.

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Mato Grosso

Primeira-dama de Mato Grosso participa do 1º Encontro do Centro-Oeste para Adoção

Publicado

A primeira-dama de Mato Grosso e madrinha afetiva da Associação Mato-grossense de Pesquisa e Apoio à Adoção (Ampara), Virginia Mendes, participa nesta sexta-feira (22.11), da solenidade de abertura do 1º Encontro do Centro-Oeste de Apoio à Adoção (Encoapa), às 08h, no Auditório do Fórum de Cuiabá.

A convite de Virginia Mendes, a primeira-dama do Distrito Federal, Mayara Noronha, engajada em importantes causas sociais, também confirmou presença no evento voltado para o debate de temas relacionados ao processo de adoção.

O 1º Encoapa é uma realização da Ampara, sob a coordenação da presidente Lindacir Rocha Bernardon, em parceria da Coordenadoria da Infância e Juventude (CIJ) do Poder Judiciário de Mato Grosso, com o apoio da Comissão de Infância e Juventude (CIJ) da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT) e da Associação Nacional de Grupos de Apoio à Adoção.

Conteúdo Programático

– A ESPERANÇA DE TER ESPERANÇA.
Palestrante: Luiz Schettini Filho (GEAD – Recife/PE)

– REDE DE PROTEÇÃO À CRIANÇA E AO ADOLESCENTE E A CRIAÇÃO DE GAA’s.
Facilitadores: André Tuma (Promotor de Justiça MP/MG) e Francisco Claudio Medeiros Júnior (Vice-Presidente da Angaad– Acalanto – Natal/RN)

Leia Também:  Obra de recuperação de pontos emergenciais do Córrego Mané Pinto avança

– OS IMPACTOS DO TRAUMA NO DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE.
Palestrante: Suzana Schettini (GEAD – Recife/PE)

– O DIREITO À CONVIVÊNCIA FAMILIAR E COMUNITÁRIA E A BUSCA ATIVA.
Facilitadores: Dr. Élio Braz Mendes (Juiz de Direito TJ/PE)
Suzana Schettini (GEAD – Recife/PE)

– A PREPARAÇÃO DOS PRETENDENTES À ADOÇÃO E O ACOMPANHAMENTO PÓS GUARDA PARA ADOÇÃO.
Facilitadores: Soraya Pereira (Aconchego – Brasília/DF) e Vera Lucia Cardoso (Conviver – Aparecida de Goiânia/GO)
Depoimento: Júlio Resende (Ampara – Cuiabá/MT)

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana