conecte-se conosco


Saúde

Coronavírus: Hospital de campanha em Guarulhos terá triagem com drive thru

Publicado

Agência Brasil

A prefeitura de Guarulhos organiza um hospital de campanha para pacientes infectados pela Covid-19, que será inaugurado às 15h desta sexta-feira (27). A unidade está sendo levantada ao lado do Clube Parque Cecap, próximo ao Aeroporto Internacional de São Paulo e às rodovias Ayrton Senna e Presidente Dutra.

Leia também: Campanha multiplataforma investe em prevenção contra coronavírus e fake news

Hospital de campanha sendo montado arrow-options
Prefeitura de Guarulhos/Márcio Lino

Prefeitura de Guarulhos cria hospital de campanha para centralizar casos de Covid-19

Com 5 mil metros quadrados de área total e 2 mil de área construída, a estrutura contará com 70 leitos, respiradores mecânicos e aparelhos de tomografia computadorizada e ultrassom. 

Ao todo, serão montados dez leitos de emergência, para oferecer atendimento 24h aos casos mais graves. Além de tendas erguidas para acomodar pacientes e profissionais de saúde, haverá no local um estacionamento reservado para ônibus e ambulâncias.

Operando com uma lógica de prevenção, o ponto de atendimento, batizado de Centro de Combate ao Coronavírus (CCC), ficará disponível para receber qualquer pessoa que tiver suspeita de covid-19, no período de 7h às 19h. Quem chegar ao local de carro fará a triagem em esquema de drive thru, sem precisar sair do automóvel.

Controle

Conforme explica o prefeito de Guarulhos, Gustavo Henric Costa, mais conhecido como Guti, ao criar o espaço, a proposta é de centralizar as ocorrências para que se tenha mais controle quanto aos registros e se possa evitar que o contágio se alastre na região.

“A ideia desse hospital, desse Centro de Combate, é fazer com que as pessoas saiam das outras Unidades Básicas de Saúde, saiam de outras unidades de saúde e venham direto a esse local, que é específico, aquelas com sintomas de coronavírus. Porque a pessoa que pode ter alguma coisa pode contaminar alguém em uma UBS. E, aí, o fator de contaminação acaba sendo exponencial”.

“E a pessoa que não tem nada [não tem coronavírus], se ela for a uma UBS por outro tipo de problema, e tiver alguém que tenha [covid-19] ela pode pegar. Então, a gente está isolando”, pondera o prefeito, complementando que as equipes das UBS não irão se recusar a prestar atendimento a pacientes com sintomas de covid-19, mas que o ideal é que estes se dirijam ao hospital de campanha.

Segundo Guti, foram contratados cerca de 30 médicos para atuar nos 12 consultórios do hospital de campanha, mas a prefeitura já se prepara para reforçar a rede do Sistema Único de Saúde (SUS) com mais 100 médicos.

No total, estão sendo aplicados R$ 3 milhões na construção do hospital de campanha. A quantia, ressaltou o prefeito à Agência Brasil, foi conseguida após decidir realocar recursos de outras áreas para a saúde, como a de recapeamento de asfalto, responsabilidade da Secretaria de Obras.

“Amanhã a gente consegue inaugurar a parte de triagem, tanto o drive thru, tanto o normal [para pedestres], e, no meio da semana que vem, a parte mais complexa do hospital, que são os 70 leitos, a ala vermelha e o tomógrafo”, diz.

Leia também: Médicos contestam resistência de Bolsonaro ao coronavírus por ter sido atleta

Para Guti, a prioridade agora é tomar medidas de proteção à saúde da população local, ainda que isso signifique paralisar temporariamente a economia da região. “Nessa guerra, a gente tem que escolher entre economia e vida. Qualquer gestor público, na minha visão, tem que escolher a vida”, afirma, acrescentando que a prefeitura deverá lançar um pacote de recuperação econômica dentro dos próximos dez dias.

Em seu site oficial, a prefeitura também informou, nesta terça-feira (24), quais são os laboratórios da região que estão credenciados a fazer diagnóstico da Covid-19.

São eles: Laboratório de Virologia do Hospital Israelita Albert Einstein, Laboratório Fleury de São Paulo e Laboratório Dasa, que reúne as seguintes empresas: Alta Diagnóstico, Previlab Laboratório, Delboni Auriemo, Labsim, Cytolab Medicina Diagnóstica, Vital Brasil, Salomão Zoppi, Laboratório Oswaldo Cruz, Lavoisier, Deliberado Análises Clínicas, Vale Club Laboratório e Padrão Ribeirão Medicina Diagnóstica.

Medidas de contenção

Hospital de campanha sendo construído arrow-options
Prefeitura de Guarulhos/Márcio Lino

Hospital de campanha será inaugurado nesta sexta-feira (27)

A prefeitura de Guarulhos tem anunciado, ao longo dos últimos dias, diversas medidas para enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. O município passará a realizar, por exemplo, a desinfecção de pontos de ônibus e de vias de grande movimento e também lançou uma central telefônica para esclarecer dúvidas sobre a doença. A central está disponível de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, pelo número (11) 2475-8661.

A prefeitura também promoveu mudanças nos serviços funerários, para reduzir as chances de transmissão da doença. O atendimento da Agência Funerária Central foi transferido para a agência funerária do Cemitério Necrópole Campo Santo, na Vila Rio de Janeiro, onde estão sendo atendidos apenas dois familiares por vez. Para evitar aglomerações, ficou determinado que os velórios serão realizados somente pela manhã à tarde e terão duração máxima de duas horas. Além disso, as salas destinadas a velórios poderão reunir apenas dez pessoas por vez.

Caso a pessoa falecida seja um caso de confirmação ou suspeita de covid-19, de demais doenças respiratórias ou relacionadas a infecções gerais, a orientação é de que haja apenas despedida em local aberto e sepultamento direto. A prefeitura também proibiu que as famílias enfeitem os caixões com flores ou outros itens e determinou que sejam mantidos lacrados, independentemente da causa de óbito.

Leia também: Como cuidar da saúde durante o home office? Médicos dão dicas

A gestão municipal de Guarulhos tem destinado, ainda, ações específicas para a população em situação de rua, como a implementação de um Centro Pop, onde se poderá tomar banho e lavar roupas. O local deve começar a funcionar na próxima semana e será instalado na região central da cidade. A Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social está arrecadando alimentos, embalagens de marmitex, sabonetes e toalhas, que serão distribuídos a esse grupo populacional. As doações podem ser entregues na sede da pasta (Avenida Guarulhos, 2.200 – Vila Augusta) ou na sede do Fundo Social de Solidariedade (Alameda Tutoia, 534 – Gopoúva).

Incidência

Banheiro do hospital de campanha. arrow-options
Prefeitura de Guarulhos/Márcio Lino

Estado de São Paulo tem 862 casos de covid-19 confirmados

Município localizado na região metropolitana de São Paulo, Guarulhos tem uma população de cerca 1,3 milhão de habitantes. A cidade já contabiliza cinco casos confirmados de covid-19, de acordo com o balanço mais recente da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, divulgado ontem (25). O estado de São Paulo soma 862 casos confirmados e 48 mortes.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Saúde

Rio começa na próxima semana testes em massa drive thru

Publicado


.

Os testes em massa drive thru contra o coronavírus deverão começar na próxima semana no estado do Rio. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (2) pelo secretário estadual de Saúde, Edmar Santos. Os detalhes de como será a operação ainda estão sendo definidos.

Para possibilitar a testagem em grande volume, o governo do estado comprou 1,2 milhão de kits de teste rápido em massa de covid-19. O lote inicial de 700 mil unidades, segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES), chega nesta semana. A previsão é que o restante chegue ainda em abril. Além dessa compra, outros 200 mil testes rápidos foram doados pela Petrobras e chegarão na próxima quinzena, totalizando 1,4 milhão de testes.

“Chegará uma remessa grande de testes rápidos. Com isso nós faremos a testagem a partir da semana que vem. Estamos organizando o melhor protocolo para isso, a testagem da população, para entendermos a prevalência do vírus em nosso meio. Já estamos alinhados com o Detran, de tal forma que os postos serão utilizados. Uma empresa de telefonia já colocou à disposição uma rede de smartphones e linhas que serão necessárias para o processo de testagem e monitoramento das pessoas. Até sexta-feira (3) a gente terá a estratégia desenhada para anunciar quando será na semana que vem”, disse Edmar, durante coletiva de imprensa.

Para dar suporte ao aumento do número de testes, a capacidade de testagem biomolecular realizada no Laboratório Central Noel Nutels (Lacen) vai duplicar nas próximas semanas, segundo a SES. Nesse caso, a prioridade do diagnóstico é testar profissionais de saúde e segurança, pacientes graves e óbitos em investigação.

A ampliação foi possível por compra de novas equipamentos e parcerias firmadas com Instituto de Biologia do Exército, Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) e Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), agilizando o diagnóstico. Com a iniciativa, será possível duplicar as análises realizadas hoje no estado.

Edição: Fábio Massalli

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

Saúde

Prefeitura do Rio retira respiradores de hospital particular fechado

Publicado


.

Equipamentos de saúde que estavam em um hospital particular fechado foram retirados pela prefeitura do Rio de Janeiro nesta quinta-feira (2). A ação, classificada como requisição administrativa, se baseou em decreto municipal publicado no último sábado (28) com medias para combater a pandemia novo-coronavírus .

O Hospital Espanhol está desativado desde fevereiro deste ano. Foram retirados do local 16 monitores multiparamétricos, nove respiradores (três deles necessitando de conserto) e 20 colchões. Os equipamentos foram levados para o Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, referência para o novo coronavírus no Rio de Janeiro.

O decreto permite ao município, diante da prática de preços abusivos ou recusa de disponibilização de bens ou insumos, requisitar administrativamente o que for necessário ao enfrentamento da epidemia, para pagamento posterior, a justo valor.

De acordo com nota divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), os donos do Hospital Espanhol chegaram a negociar o aluguel do prédio para a prefeitura, com todos os equipamentos e mobiliário, por R$ 3,2 milhões. Mas uma vistoria da Vigilância Sanitária, realizada em março, constatou que o prédio está inadequado às normas sanitárias.

A ação conjunta da SMS contou com a Secretaria Municipal de Ordem Pública e a Guarda Municipal. Cerca de 50 agentes dos órgãos envolvidos chegaram ao hospital e iniciaram o inventário de todos os equipamentos e mobiliário úteis ao atendimento dos pacientes com covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Cada peça retirada e suas condições serão devidamente registradas para cálculo do valor a ser indenizado aos proprietários do hospital.

Segundo a prefeitura, há ainda cerca de 90 camas hospitalares, equipamentos de centro cirúrgico, bombas infusoras e outros mobiliários que deverão sair nos próximos dias. A reportagem não conseguiu entrar em contato com os proprietários do Hospital Espanhol.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana