conecte-se conosco


Política Nacional

Contarato anuncia ação popular para obrigar aceite de recursos do G7

Publicado

O presidente da Comissão de Meio Ambiente (CMA), senador Fabiano Contarato (Rede-ES), vai protocolar uma ação popular na Justiça Federal para que a União seja obrigada a aceitar a doação do G7 de US$ 22 milhões para a Amazônia. O anúncio foi feito na abertura da reunião da comissão, na tarde desta quarta-feira (28).

Conatarato pediu uma reflexão sobre a situação da região amazônica. Com base em algumas matérias veiculadas pela imprensa, ele relatou que um grupo de Whatsapp, com cerca de 80 integrantes, foi usado para a organização do Dia do Fogo — como ficou conhecida a série de queimadas no Pará no último dia 10. Segundo o senador, fazem parte do grupo proprietários de lojas e donos de fazendas da região. Uma pessoa que participou do Dia do Fogo chegou a falar que “faltou gente para o serviço”.

Conforme divulgado pela Rede Globo, o governo foi alertado sobre o Dia do Fogo. O Ministério Público do Pará comunicou o fato ao Ibama de Santarém. Segundo a denúncia, os integrantes do grupo do Whatsapp disseram que “era preciso mostrar para o presidente que queremos trabalhar”. Por isso, fizeram as queimadas. Outras ações do tipo também estariam previstas.

Leia Também:  Relator mantém criação de cadastro rural em MP contra fraudes no INSS

O senador criticou o enfraquecimento do Ibama e registrou que várias unidades do órgão estão sendo fechadas, entre elas, as de Parintins e Humaitá, municípios do Amazonas. Contarato também citou a denúncia da atuação de mineradores e produtores rurais em reservas indígenas, e ainda registrou que ao menos 80 marcas internacionais anunciaram a interrupção de compra de produtos brasileiros como protesto pelas queimadas na Amazônia.

— A conclusão é que nós não podemos ficar submetidos aos caprichos do presidente da República. Essa postura coloca fogo nas matas, prejudica a economia brasileira e certamente vai aumentar o número de desempregados — declarou.

Prêmio Chico Mendes

Na mesma reunião, Contarato anunciou que vai apresentar um projeto de resolução para que o Senado institua o Prêmio Chico Mendes para matérias jornalísticas relacionadas à questão ambiental. A ideia, segundo o senador, é premiar três matérias por ano, em sessão especial no Senado.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: Agência Senado
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política Nacional

Eduardo Bolsonaro publica vídeo alfinetando deputados do PSL

Publicado

source
Eduardo Bolsonaro e Joice Hasselmann arrow-options
Reprodução/Twitter/JoiceHasselmann

Eduardo Bolsonaro e Joice Hasselmann voltam a trocar farpas nas redes sociais. Veja a discussão

Eduardo Bolsonaro utilizou sua conta no Twitter para alfinetar deputados e senadores do PSL que usaram o nome de seu pai para atrair votos durante a campanha política de 2018. Entre os candidatos que aparecem no vídeo, destaque para Major Olímpio (PSL-SP), Luciano Bivar (PSL-PE), Alexandre Frota (PSDB-SP), Joice Hasselmann (PSL-SP) e Dayane Pimentel (PSL-BA).

LEIA MAIS: Gilmar Mendes suspende lei municipal que barrava ensino de gênero

“A sua luta é a minha luta. Pelo fim da corrupção!” diz Alexandre Frota , fazendo referência ao atual presidente. “No dia 7 de outubro, peço com muita humildade, professora Dayane Pimentel, 1717, que tem como referencial político Jair Messias Bolsonaro ”, diz a deputada baiana.

Bivar, presidente do PSL, também aparece ao lado de Flávio e Eduardo, ressaltando a importância do voto em Bolsonaro.

Leia Também:  “Sem Olavo, estaríamos melhor”, diz Frota sobre primeiros 100 dias de Bolsonaro

O vídeo de Eduardo Bolsonaro chamou a atenção de Joice Hasselmann. A deputada – que durante sua campanha, disse que “enfrentaria essa cambada” ao lado de Jair Bolsonaro – respondeu ao tweet do filho, dizendo que trabalhou incessantemente pela mudança do Brasil. “Obrigada por reconhecer, enfim”, ironiza. “Valeu, menino”.

LEIA MAIS: Governadores do Nordeste publicam carta de repúdio a Bolsonaro

Eduardo, então, retweetou Joice Hasselmann com o meme “Galvão, sentiu!”, e postou a hashtag #DeixeDeSeguirAPepa – que esteve nos trending topics da rede social durante a manhã deste sábado.

Fonte: IG Política
Continue lendo

Política Nacional

PSL quer “salvar o país” dos filhos de Bolsonaro; Eduardo pode ser suspenso

Publicado

source

Segundo informações divulgadas na coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo , neste sábado (19), deputados ligados ao presidente do PSL, Luciano Bivar, apresentação pedido para que o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) seja suspenso e levado ao comitê de ética da agremiação. A requisição será levada ao partido no domingo (20).

Leia também: Eduardo Bolsonaro publica vídeo alfinetando deputados do PSL

Eduardo Bolsonaro arrow-options
Roberto Casimiro/Fotoarena/Agência O Globo

Requisição de deputados do PSL pedem que Eduardo Bolsonaro seja suspenso e levado ao comitê de ética do partido

À colunista, o deputado federal Junior Bozzella (PSL-SP) afirmou que a direção executiva do PSL irá acatar a sugestão. “Nós agora temos uma missão: salvar o Brasil dos filhos do presidente. Eles vão afundar o governo do pai deles e o país junto”, disse. 

O político também afirmou que  Eduardo Bolsonaro “passou de todos os limites” com a tentativa de derrubar Delegado Waldir, líder do partido na Câmara dos Deputados. Os ataques feitos pelo filho do presidente Jair Bolsonaro ao partido e seus dirigentes nas redes sociais também não foram vistos com bons olhos pelos membros. 

Leia Também:  Comissões mistas de três medidas provisórias são instaladas

Leia também: Antes “irmãos”, Eduardo Bolsonaro e Joice trocam farpas nas redes sociais

“O país está parado há três semanas por causa dos problemas que eles criam. Eduardo quer ser tudo. E não consegue ser nada. É quase embaixador, quase líder, está dando palpite na liderança do partido enquanto o assessor dele está com problema de rachadinhas de salários de funcionários”, afirma Bozzella. 

Fonte: IG Política
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana