conecte-se conosco


Esportes

Conselho do Cruzeiro cobra diretoria após denúncia: “Quem é culpado, vai pagar”

Publicado


Perrela foi favorável à atual diretoria em diversos momentos, como na aprovação das contas do Cruzeiro
DIVULGAÇÃO CRUZEIRO

Perrela foi favorável à atual diretoria em diversos momentos, como na aprovação das contas do Cruzeiro de 2018

A crise no Cruzeiro ganha novos contornos com após as denúncias de irregularidades financeiras apontadas pelo programa ” Fantástico “, da TV Globo, no último domingo, 26 de maio.

Leia também: Polícia Civil de Minas investiga o Cruzeiro por transações financeiras suspeitas

O presidente do Conselho Deliberativo do clube, Zezé Perrella, que também já foi mandatário da Raposa anos anos 1990 e 2000, se pronunciou e anunciou as primeiras ações para apurar a situação real do Cruzeiro .

Perrella, em ofício emitido na última quarta-feira, 29 de maio, deu um prazo de cinco dias para a diretoria do Cruzeiro apresentar a documentação que não entregue ao então conselho fiscal do clube, além de criar uma comissão formada por três conselheiros que irá acompanhar acompanhar as apurações do caso e apresentarão um relatório em 30 dias com propostas efetivas para serem avaliadas e tomadas pelos membros do conselho.

Outra ação de Zezé Perrella , com a renúncia do conselho fiscal do clube, devido as divergências com a diretoria, foi marcar nova eleição para os cargos que estão vagos. O pleito será no dia 13 de junho, às 18h, na sede do Barro Preto, região centro-sul de BH.

Aliados de outras jornadas

Zezé Perrella voltou à política do Cruzeiro após deixar o cargo de senador da república, se candidatando ao cargo de presidente do conselho deliberativo e apoiou a chapa encabeçada por Wagner Pires de Sá nas eleições de 2017, quando derrotou o candidato apoiado por Gilvan de Pinho Tavares, ex-presidente do clube.

Leia Também:  Por exposição indevida, Galo recebe punição da Conmebol e multa de R$ 96 mil

Leia também: Vice-presidente do Cruzeiro faz ameaças a repórter durante entrevista coletiva

Durante o mandato da atual diretoria, Perrella sempre foi aliado de Pires de Sá nos temas envolvendo o clube, inclusive na aprovação do balanço de 2018, que gerou polêmica e divergências entre o conselho fiscal do clube e alguns conselheiros.

Áudio vazado


Perrella solicitou os documentos que estão em poder da diretoria para fazer uma sindicância
Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.

Perrella solicitou os documentos que estão em poder da diretoria para fazer uma sindicância

Novo protagonista na crise do Cruzeiro, que vive dias de denúncias de supostas irregularidades financeiras e cessões ilegais de jogadores para empresários, o presidente do conselho deliberativo do Cruzeiro, Zezé Perrella, se manifestou em um áudio para os membros do conselho da Raposa que acabou vazando.

Na fala de Perrella, ele foi duro ao se posicionar e prometer aos conselheiros que aqueles que tiverem culpa, irá pagar. Zezé também disse que não vai deixar “ninguém fazer isso com o Cruzeiro”. Como presidente do conselho, Perrella abriu sindicância e nomeou três associados para apurar as denúncias apresentadas pelo programa Fantástico, da TV Globo, no último domingo, 26 de maio.

“Eu me manifesto muito pouco, vocês sabem disso. O único grupo que estou é esse de vocês. Eu prefiro levar as coisas, sabe, no âmbito interno do clube. Infelizmente, situações chatas ocorreram. Eu não quero, de forma nenhuma, passar a mão na cabeça de ninguém. Montei uma comissão de sindicância que vai ter em mãos todos os documentos e vamos fazer um trabalho sério. Quem tiver culpa, vai pagar. Não tenho o hábito de pré-julgar ninguém, até porque eu fui um dos caras que mais sofri com isso. Não estou nem dizendo que a diretoria está sendo injustiçada não. Mas gosto de agir com fatos concretos”, disse Perrella em áudio enviado em um grupo de WhatsApp .

Leia Também:  Arsenal contrata o jovem Gabriel Martinelli, destaque do Paulistão pelo Ituano

Em seguida, Perrella condenou o vazamento dos documentos que a Globo teve acesso, dizendo que poderiam ter enviado a ele primeiro.

“O meu pesar é porque essas coisas não aconteceram só no âmbito interno do clube. Por que essa pessoa que mandou os documentos para a Globo? Poderia ter mandado para mim. Eu não tenho poder para ter esses documentos. Eu não posso obrigar o presidente a me entregar nada. Temos um Conselho Fiscal, que tem esse poder, e infelizmente não fez. A diretoria executiva disse que precisaria juntar mais documentos da gestão Gilvan, e a coisa foi protelando. Como achei que conseguiríamos resolver tudo no âmbito interno, eu fui levando. Aconteceu o que aconteceu. Mas vocês podem ficar tranquilos. A gente está lá dentro e não vamos deixar fazer isso com nosso Cruzeiro não. Um abraço aí a todos”, disse.

A diretoria do Cruzeiro é investigada pela Polícia Civil por suspeita de falsificação de documentos, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro, além de cessão ilegal de direitos econômicos de jogadores, incluindo um menor de idade, o meia Estevão William, de 12 anos.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Esportes

Brasil derrota a Coreia por 3 a 0 e encerra jejum após 5 jogos sem vencer

Publicado

GloboEsporte.com – A Seleção Brasileira encerrou o jejum de cinco jogos consecutivos sem vitórias na manhã desta terça-feira. Diante de um público minúsculo no Mohammed Bin Zayed Stadium, o time comandado por Tite ganhou da Coreia do Sul por 3 a 0, resultado que alivia a pressão sobre o treinador.

No primeiro tempo, Lucas Paquetá abriu o placar de cabeça e Philippe Coutinho ampliou em cobrança de falta. Na etapa complementar, a Seleção Brasileira fechou o marcador com um golaço marcado por Danilo após passe do inspirado Renan Lodi.

O triunfo, alcançado no último amistoso do ano, foi o primeiro do Brasil desde a final da Copa América. Nos cinco jogos anteriores, a Seleção viveu jejum contra Colômbia (2 x 2), Peru (0 x 1), Senegal (1 x 1), Nigéria (1 x 1) e Argentina (0 x 1). A equipe de Tite volta a se reunir apenas em março de 2020 para disputar as Eliminatórias.

O Jogo – A Seleção Brasileira conseguiu inaugurar o marcador logo aos 8 minutos do primeiro tempo. Em jogada pelo lado esquerdo, Renan Lodi recebeu de Philippe Coutinho e cruzou. A bola desviou na marcação e ficou na medida para cabeçada certeira de Lucas Paquetá.

Leia Também:  Zé Rafael, Bruno Henrique e Everaldo: os artilheiros do Brasileirão

O time canarinho aumentou sua vantagem aos 35 minutos da etapa inicial, quando Fabinho sofreu falta na entrada da área. Na cobrança, Philippe Coutinho bateu colocado e viu a bola morrer nas redes, encerrando um jejum de cinco anos da Seleção Brasileira no quesito.

A Coreia do Sul teve em Son seu principal jogador e criou a melhor chance nos minutos finais. Em cobrança de falta, Jung bateu direto e a bola passou pela barreira. Alison espalmou e Philippe Coutinho, na tentativa de ceder escanteio, chutou na trave.

Com trocas de passes envolventes no campo de ataque, o Brasil chegou ao terceiro aos 14 minutos da etapa complementar. Renan Lodi recebeu de Richarlison pela esquerda e deu belo cruzamento rasteiro. Do outro lado, Danilo completou com força para marcar um golaço.

O Brasil manteve o domínio da partida e o goleiro Alisson não correu grandes riscos no campo de defesa. Com vantagem significativa no marcador, a Seleção trocou muitos passes e não precisou investir na criação de novas oportunidades de gol.

Leia Também:  Com Hazard de modelo, Chelsea anuncia novo uniforme principal

O técnico Tite mexeu durante o segundo tempo e promoveu, inclusive, as entradas de Douglas Luiz e Emerson. Na última boa chegada do Brasil, Richarlison recebeu de Firmino pela esquerda e, na cara do gol, chutou para fora ao tentar toque por cobertura.

Continue lendo

Esportes

Com time B, Cuiabá segura empate sem gols contra o Figueirense-SC

Publicado

Sem valer muita coisa para o Cuiabá e com um time mesclado, poupando titulares por causa da decisão da Copa Verde, contra o Paysandu, nesta quinta-feira 21, o Dourado arrancou um empate em 0 a 0, no Orlando Scapelli, neste domingo. Pior para os donos da casa, que estão em 15º e corre o risco do rebaixamento. O Cuiabá está estacionado  na oitava posição9, com 51 pontos.

Depois do W.O. no turno da Série B do Campeonato Brasileiro, Figueirense e Cuiabá voltaram a se reencontrar nada mudou. Em Florianópolis, as duas equipe apenas somaram um ponto cada na tabela da competição.

Próximos jogos

O Figueirense volta a jogar na próxima sexta-feira, às 19h15 (horário de Brasília), contra o CRB, no Rei Pelé, em Maceió. No dia seguinte, às 17h (horário de Brasília), o Cuiabá enfrenta o Botafogo-SP. O jogo acontece no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. Na noite deste domingo, 10.483 alvinegros estavam no estádio. A renda é de R$ 151.078.

Leia Também:  Feminino A-1: Flamengo x Audax-SP será na Gávea, no dia 13 de abril
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana