conecte-se conosco


Cuiabá

Conselheira tutelar empossada defende maior integração dos conselhos e comunidades

Publicado

Fabiana, líder comunitária na região Oeste: durante assinatura de posse

A conselheira tutelar Fabiana da Costa, uma das 60 titulares que tomaram posse para mandato de quatro anos, disse que a renovação de 80% dos quadros representa um indicativo de que os conselhos devem trabalhar integrados, estar bem mais próximos das comunidades, fortalecendo as parcerias com  autoridades, comunidades e colaboradores.

Moradora do bairro Ribeirão do Lipa, mãe de cinco filhos e líder comunitária, ela como os demais eleitos dos conselhos dos bairros Planalto, CPA, Coxipó, Cidade Alta, Pedra 90 e Centro, terão mandato até 2023. Fabiana é da região Oeste, tendo obtido mais de 486 para mandato até 2023.

Na ocasião, o procurador-geral do Município, Marcus Brito, com quem trabalharão os eleitos, disse que o trabalho do conselheiro é essencial e importante e os conelheiros auxiliarão as autoridades na política de apoio e proteção às  crianças e adolescentes de Cuiabá. Os novos conselheiros deverão garantir os direitos e deveres relativos às crianças e adolescentes da Capital, para que sejam preservados e pautados de acordo com o Estatuto da Criança e Adolescente, o ECA.

A eleição aconteceu no dia 6 de outubro de 2019, todo processo de eleição dos novos conselheiros foi realizado pela Prefeitura de Cuiabá. Os conselheiros estão vinculados ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e fiscalizado pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso, pela 19ª Promotoria da Infância e da Juventude.

publicidade
1 comentário

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Robson Jose Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Robson Jose
Visitante

Canalhas, isso que são, essa eleição comprada assim como as de presidentes de bairros. Ela e o esposo são dois pilantras.
Só quem é bobo cai na labia deles e o Ricardo Lobo que tanto ajudou só se ferrou com esse povo, muito tonto e ainda fica aí bajulando esses pilantras.

Cuiabá

Câmara de Cuiabá paga salário de fevereiro

Publicado

Câmara Municipal de Cuiabá

A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Cuiabá quitou a folha de pagamento referente ao mês de fevereiro nesta quinta-feira, (20). A antecipação do pagamento se deu em decorrência do feriado de Carnaval. Normalmente, o pagamento é efetuado no dia 30 de cada mês.
A medida, entretanto, só foi possível graças à boa gestão administrativa e financeira da Casa de Leis. “Essa é a prova e o resultado da gestão, da seriedade e a responsabilidade que temos com o recurso público e também com o servidor da Casa”, acrescentou o presidente do Legislativo Cuiabano, vereador Misael Galvão (PTB).
No total, 88 servidores efetivos foram contemplados, além de 426 servidores comissionados e dos 25 vereadores.

Kamila Arruda – Câmara Municipal de Cuiabá

Fonte: Câmara de Cuiabá
Continue lendo

Cuiabá

Ex-chefe de gabinete de Silval afirma que Emanuel Pinheiro recebia “dinheiro sujo”

Publicado

Câmara Municipal de Cuiabá

O ex-chefe de gabinete do ex-governador Silval Barbosa, Silvio César Corrêa, reafirmou que o dinheiro repassado ao prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), que foi gravado em vídeo recebendo o montante, era oriundo de propina para que ele apoiasse os projetos do Executivo na época em que era deputado estadual, nos anos de 2012 e 2013.

As declarações foram dadas nessa quarta-feira (19.02), durante a primeira oitiva da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada para investigar o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, e conhecida como CPI do Paletó.

Silvio César foi responsável por gravar o prefeito recebendo maços de dinheiro e os colocando no paletó. O vídeo gravado por Silvio foi utilizado pelo ex-governador Silval Barbosa em sua delação premiada homologada pela Justiça.

De acordo com Silvio César, o dinheiro era pago em razão de uma espécie de acordo entre o ex-governador Silval Barbosa e os deputados, para eles fizessem “vista grossa” em relação aos desvios que vinham sendo realizados nas obras da Copa de 2014. Além disso, os deputados recebiam para aprovar projetos de interesse do Executivo.

“Emanuel fazia parte dos 24 deputados que recebiam a propina. Emanuel teria recebido de 8 a 10 parcelas no valor de R$ 50 mil. O valor total da propina era de R$ 600 mil para cada um dos parlamentares”, disse.

Silvio afirmou ainda que era ele mesmo quem fazia os pagamentos e que não havia nenhuma outra finalidade do repasse senão a título de propina. Ainda segundo ele, o dinheiro era fruto de desvios das obras do MT Integrado e os pagamentos ocorriam no Palácio Paiaguás e também na Assembleia Legislativa.

“Fui incumbido de fazer esses pagamentos. Os vídeos em que os deputados recebem as parcelas era de direito deles”, disse Silvio.

O presidente da CPI, Marcelo Bussiki (PSB), chegou a reiterar a pergunta sobre a finalidade do pagamento, se era mesmo propina ou fruto de uma dívida do irmão de Emanuel Pinheiro relacionada à uma pesquisa de campanha eleitoral, como o prefeito informou após o vídeo vir à tona.

No entanto, em todas vezes que respondeu à pergunta, Silvio Corrêa foi taxativo: “jamais teria sido pagamento de pesquisa eleitoral. Foi propina. Dinheiro sujo. E todo mundo já sabe disso”.

Silvio ainda comentou sobre a gravação entre ele e o ex-secretário Allan Zanatta, apreendida pela Polícia Federal, em que ambos conversam sobre o vídeo em que Emanuel Pinheiro aparece recebendo dinheiro. O áudio foi apreendido na residência de Emanuel Pinheiro em setembro do ano passado, durante a Operação Malebolge, 12ª fase da Operação Ararath.

O encontro, segundo Silvio, foi para pedir dinheiro emprestado a Zanatta – e ele não sabia que estava sendo gravado. “Me senti traído no sentido de prejudicar a minha delação, pois ele estava ali como amigo, e ele abriu seu coração pra mim, assim como eu abri o meu”, disse.

Na época, o áudio foi utilizado como tentativa de invalidar o vídeo e a delação premiada de Silval Barbosa.

Karine Miranda – Assessoria Vereador Marcelo Bussiki

Fonte: Câmara de Cuiabá
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana