conecte-se conosco


Carros e Motos

Conheça a história do Ford Modelo A que está no Museu dos Correios

Publicado

source
Ford Modelo A  que foi restaurado e fica no Museu dos Correios, que fica no Distrito Federal, em Brasília
Divulgação

Ford Modelo A que foi restaurado e fica no Museu dos Correios, que fica no Distrito Federal, em Brasília

A capital brasileira é uma rota turística repleta de agendas culturais. Uma delas é o Museu Nacional dos Correios que vale visitar em Brasília para conhecer importante parte da história das telecomunicações no País.

O acervo conta com cerca de um milhão de peças e uma delas é o Ford Modelo A usado pelo marechal Cândido Rondon para implantar a rede de telégrafo na região oeste e Amazônia ocidental nos anos 30.

O carro foi restaurado pela Ford na década de 1980 e tive o prazer de participar da organização do evento. Ele foi encontrado deteriorado num depósito federal.

Inusitado também foi colocar o Modelo A no último piso do prédio de 5 andares do museu. Foi desmontada a fachada de vidro do edificio e o Modelo A foi içado para entrar completo e mereceu capa do jornal O Estado de S.Paulo com a chamada, “um carro voando em Brasilia”.

O Modelo A 1929 usado pelo Randon é equipado com um motor de 4 cilindros , 3.3 litros, refrigerado a água, que produzia 40 HP. A velocidade máxima era de 105 Km/h e o consumo variava entre 8Km/l em ciclo urbano a 12 km/l em rodovias.

O sistema de transmissão era manual com três marchas não sincronizadas, e o sistema de freios era a tambor nas quatro rodas. O Modelo A foi produzido de 1928 a 1932 é atingiu quase 5 milhões de veículos vendidos no mundo .

Neste texto, vale um tributo a saga do Marechal Rondon. Ele é o “Pai das Telecomunicações Brasileiras” e a data de seu nascimento (5 de maio) marca o Dia das Comunicações.

Rondon foi um dos defensores da criação do Parque Nacional do Xingu . A demarcação de terras indígenas, conforme ele acreditava, era uma forma de proteger os índios da cobiça daqueles que invadiam suas terras, cometendo todo tipo de violência.

Sua doutrina em relação aos índios foi resumida por sua frase mais famosa: “morrer se preciso for, matar nunca”. Muito apropriado nos dias de hoje. Voltando à indústria automobilística,  no mês de junho, a Ford completa 119 anos no mundo.

No Brasil, a Ford está desde 1919, mesmo agora com uma operação menor. Já montou aqui grandes clássicos, incluindo o Modelo A , que fazem parte da cultura do automóvel.

Fonte: IG CARROS

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carros e Motos

Yamaha quer que suas fábricas sejam neutras em carbono até 2035

Publicado


Unidade de produção da Yamaha em Ludhiana, Punjab, na Índia, é uma das fábricas que ficarão mais ecológicas
Divulgação

Unidade de produção da Yamaha em Ludhiana, Punjab, na Índia, é uma das fábricas que ficarão mais ecológicas

A Yamaha anuncia que seu objetivo  é se tornar ‘verde’ na questão de neutralizar em todas suas fábricas no mundo quanto ao número de carbono e que todo o processo está sendo acelerado em 15 anos.

O programa da empresa ‘Yamaha Motor Group Environmental Plan 2050’ tem como propósito alcançar a neutralidade de carbono para suas fábricas, incluindo aquelas no exterior, até 2050, mas graças ao adiantamento do processo, esse plano valeria agora para  até 2035.

Para atingir o novo objetivo, a empresa diz que intensificará as iniciativas para minimizar seu consumo de energia e também para usar energia mais limpa e que algumas das ideias já estão sendo consideradas para atingir esses objetivos.

Entre as ideias, estão a redução do uso de energia por meio de melhores requisitos de direcionamento; desligamentos automáticos meticulosos de equipamentos quando não são necessários; introdução de equipamentos minimizados, mas altamente produtivos; mudança para energia hidrelétrica sempre que possível; instalar mais painéis solares e direcionar o uso de eletricidade livre de carbono globalmente até 2030.

De acordo com a Yamaha, o resultado projetado desses movimentos até 2035 é uma redução de 92% nas emissões de CO2 (em comparação com 2010) das operações de produção nas fábricas locais e internacionais da Yamaha Motor.

Além disso, as emissões restantes de CO2 serão compensadas internacionalmente por meio de métodos reconhecidos para levar a cabo o plano da Companhia para alcançar a neutralidade de carbono em todas as suas fábricas.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

Veja vídeo de picape da Toyota feita de madeira, em 493 segundos

Publicado

Toyota Tacoma: picape de madeira feita com detalhes e em menos de 10 minutos, como pode ser visto no vídeo
REPRODUÇÃO/YOU TUBE

Toyota Tacoma: picape de madeira feita com detalhes e em menos de 10 minutos, como pode ser visto no vídeo

Um carpiteiro do Vietnã resolve mostrar suas habilidades na internet fabricando réplicas de maneira de modelos de carros e utilitários disponíveis no mercado global. Utilizando blocos, ele mostra como é possível fazer o trabalho como se estivesse utilizando peças de Lego. Entre outros carros, o artista já fez até o superesportivo Bugatti Chiron.

Claro que estamos falando de um tipo de trabalho que exige bastante habilidade e dedicação para chegar ao ponto de transformar um simples bloco de madeira em uma obra de arte em apenas alguns segundos. No caso da picape da Toyota , 493 para ser mais exato. Tempo recorde, uma vez que, normalmente, exigiria algumas horas.

No vídeo, aparecem as ferramentas que foram utilizadas para fabricar a picape de madeira com uma riqueza de detalhes que chega a impressionar. Além disso, ele teve o cuidado de fazer algumas peças se moverem, como é o caso da tampa da caçamba, que pode ser aberta, assim como as portas e o capô do motor.

A réplica da Toyota Tacoma TRD Pro será colocada à venda pelo habilidoso carpinteiro vietinamita, mas ele ainda não divulgou o preço, que deverá ficar em algumas centenas de dólares. Por enquanto, vale a pena dar uma olhada nas imagens dele trabalhando na madeira como poucos.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana