conecte-se conosco


Carros e Motos

Condomínios ainda não têm estrutura para os carros elétricos, aponta estudo

Publicado


source


Fiat 500e é um dos modelos 100% elétricos que foram lançados no Brasil em 2021. Outras novidades estão previstas
Divulgação

Fiat 500e é um dos modelos 100% elétricos que foram lançados no Brasil em 2021. Outras novidades estão previstas

De acordo com a previsão da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Elétricos (Anfavea), até 2035, 62% da frota de veículos no país poderá ser de automóveis elétricos. Com isso, ao invés dos postos de combustíveis, o foco de abastecimento passa a ser por meio de um carregador instalado em casa, ou nos condomínios residenciais.

Entretanto, mesmo com o mercado de elétricos crescendo, assim como o imobiliário, este ainda não está preparado para receber os pontos de carregamento. Segundo um estudo divulgado pelo Centro de Estudos da Metrópole (CEM) , só na cidade de São Paulo, o número de prédios já ultrapassou o de casas, e a verticalização deve continuar crescendo nos próximos anos.

Para Ricardo David, sócio fundador da Elev , empresa que oferece soluções para o ecossistema de mobilidade elétrica, o que poucos sabem é que é possível realizar as alterações necessárias no condomínio sem que haja muito gasto. Dessa forma, o planejamento é a parte mais importante, e alguns condomínios precisam pensar em como melhorar a eficiência energética para atender a essa demanda.


Pontos de recarga de bateria de elétricos em prédios residenciais é um grande desafio hoje em dia
Divulgação

Pontos de recarga de bateria de elétricos em prédios residenciais é um grande desafio hoje em dia

Mas o executivo ressalta que o carregador passa de um extra, a item essencial de valorização do imóvel. “Em 2020, houve um aumento em 60% na venda de carros elétricos e híbridos no Brasil e isso deve perdurar nos próximos anos e os condomínios que se preparam agora para isso”, defende.

Leia Também

Na Europa, China e, mais recentemente, nos Estados Unidos , estão sendo implantadas medidas públicas que buscam trazer mais incentivos ao segmento. Em São Paulo , o governo do Estado já decretou a diminuição da alíquota do ICMS  para o desenvolvimento do segmento a partir de 2022.

Não é tão simples ter um carregador para carro elétrico em casa. Quem mora em condomínio vai precisar de um projeto e enviá-lo para administração do prédio com alguns detalhes, entre os quais um medidor individual de consumo.   Também existe a necessidade de uma ART (Anotação de Responsabilidade Técnica), como em toda obra.

O valor de um carregador doméstico varia entre R$ 6.700 e R$ 15.200, dependendo do modelo e da potência do aparelho. A instalação precisa ser feita por profissionais especializados e requer algumas horas para ser feita. De qualquer forma, trata-se de algo que vai passar a ser rotineiro em boa parte das residências no Brasil. 

Fonte: IG CARROS

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros e Motos

VW Taos passa a ter motor de 200 cv com preparação da Oettinger

Publicado


source


VW Taos preparado pela Oettinger mantém a aparência original. As mudanças estão debaixo do capô
Divulgação

VW Taos preparado pela Oettinger mantém a aparência original. As mudanças estão debaixo do capô

Aos que não estão satisfeitos com os 150 cv do motor 1.4 turboflex do Volkswagen Taos, a preparadora alemã Oettinger através do braço brasileiro que opera no Brasil, a Strasse, está oferece uma customização mecânica que leva a potência máxima para 200 cv.

Pelo serviço, a preparadora cobra R$ 14.900. E aceita aumentar a potência do VW Taos em qualquer versão. A básica Comfortline 250 TSI tem preço sugerido de R$ 162.685.  

Assim, todo o trabalho disponível tanto para os modelos zero-quilômetro quanto os seminovos do SUV resulta no aumento de potência e torque: 200 cv (50 cv a mais da versão original) e 37,7 kgfm (ganho de 33%).

Um discreto logo no lado esquerdo da tampa do porta-malas mostra que se trata de um VW Taos preparado pela Oettinger
Divulgação

Um discreto logo no lado esquerdo da tampa do porta-malas mostra que se trata de um VW Taos preparado pela Oettinger

De acordo com a preparadora, o aumento da potência representou uma ligeira redução no tempo na aceleração do VW Taos de 0 a 100 km/h de 9 segundos (0,3 s a menos). Já a velocidade final passa a ser de de 195 km/h (194 km/h antes da customização).

O Taos Oettinger e pode ser encomendado diretamente na Strasse que dá a garantia de até dois anos e parcela em até 10 vezes no cartão de crédito. Se o cliente optar em comprar carro já preparado, o valor poderá variar de acordo com a própria tabela da VW, diz a Strasse.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

O Tricycle House é o menor trailer a pedal já inventado

Publicado


source


O Tricycle House é um projeto chinês criado para atender a necessidade de nômades que passam boa parte do tempo viajando
Divulgação

O Tricycle House é um projeto chinês criado para atender a necessidade de nômades que passam boa parte do tempo viajando

Hoje em dia a filosofia de vida das pessoas está mudando e com isso elas estão buscando ter uma vida mais simples e prática possível. Um exemplo são as casas que estão sendo substituídas por apartamentos e até mesmo trailers ou motorhomes.

Há até os mais excêntricos que buscam um estilo de vida mais sustentável e direto com a natureza e, dessa maneira, buscam por alternativas para se locomoverem e morarem ao mesmo tempo. Assim o ‘Tricycle House’ ousou com a sua proposta de ‘triciclo casa’ como o nome já diz.

Movido a pedal, não passa de uma bicicleta de três rodas com uma casa móvel montada sobre a sua estrutura. Por mais que a ideia possa parecer absurda, o conceito fez parte do projeto elaborado pela People’s Architecture Office (PAO) e People’s Industrial Design Office (PIDO) como parte da exposição Get It Louder de 2012 na China.

A ideia na época era criar algo que abordasse as questões do urbanismo moderno, reciclasse o lixo e permitisse mais funcionalidade e eficiência na paisagem urbana cada vez mais populosa. O modelo básico pode acomodar duas pessoas. Cada peça é feita de plástico leve (polipropileno) que foi cortado, achatado e dobrado e soldado em forma.

Leia Também

O curioso triciclo quando estacionado, pode se desdobrar como um acordeão, trazendo à tona os confortos básicos: cozinha com fogão e pia, banco e mesa de jantar ou cama para dormir no mesmo móvel e até banheiro com ducha / banheira e banheiro na parte traseira.

Leia Também

Leia Também

Por incrível que ainda possa parecer, há espaço para um depósito e estantes integrados ao mobiliário modular e, como se isso não bastasse, uma caixa d’água de dimensões não especificadas.

 O segundo ocupante não poderia andar dentro de casa, pois isso aumentaria o peso e o esforço da pessoa ao pedalar. Em vez disso, eles poderiam andar em seu próprio triciclo , que poderia ser um jardim ou um módulo adicional para expandir o espaço principal.

Os designers notaram que vários módulos da casa poderiam formar uma estrutura maior, não muito diferente de um apartamento urbano adequado; vários módulos do jardim podem até constituir um parque.

Embora o projeto ainda não tenha se tornado realidade, o Tricycle House poderia ser uma alternativa para campistas e escoteiros. O único porém, como sempre, seria o seu preço bem elevado.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana