conecte-se conosco


Política Nacional

Comissão mista ouve hoje diretor da Instituição Fiscal Independente

Publicado


.
Ilustração, orçamento, lei orçamentária anual, contas públicas, pacto federativo
Economista deve falar sobre impactos da Covid-19 nas finanças e no endividamento público

A comissão mista que acompanha as ações para o enfrentamento do coronavírus vai ouvir hoje, às 11h, o diretor-executivo da Instituição Fiscal Independente (IFI), Felipe Salto. Segundo o plano de trabalho, o economista deve falar, em reunião remota do colegiado, sobre os impactos da Covid-19 nas finanças e no endividamento público.

De acordo com o presidente da comissão, senador Confúcio Moura (MDB-RO), a IFI realiza um trabalho voltado para o atual cenário de crise.

Na sexta-feira (22), a comissão fez a quinta audiência pública, com a participação do ministro-chefe da Casa Civil, Braga Netto. O colegiado já ouviu os ministros da Economia, Paulo Guedes, e da Cidadania, Onyx Lorenzoni, o secretário do Tesouro Nacional, Mansueto de Almeida, e o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.

Requerimentos
Na segunda parte da reunião, os parlamentares devem apreciar a pauta deliberativa com 10 requerimentos. Entre eles, os convites aos representantes da Caixa Econômica Federal e do Ministério da Cidadania para discutir as dificuldades de acesso ao auxílio emergencial frequentemente relatadas por candidatos ao benefício.

Outro requerimento a ser apreciado pede que o Ministério das Relações Exteriores, por meio das embaixadas e consulados, preste assistência a brasileiros em situação de risco no exterior em razão da pandemia do coronavírus.

Há ainda requerimentos que solicitam aos Ministérios da Saúde, da Economia e da Cidadania o envio de informações semanais para auxiliar a condução do plano de trabalho da comissão mista.

O evento será interativo.

Da Redação – RL
Com informações da Agência Senado

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política Nacional

Bolsonaro presta homenagem a vítimas do coronavírus com sanfoneiro

Publicado


source
bolsonaro
Reprodução

Em live, ministro Paulo Guedes e Jair Bolsonaro enquanto Gilson Machado Neto, presidente da Embratur, toca Ave Maria


No mesmo dia em que o Brasil registrou mais 39.483 infecções pelo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) decidiu prestar uma homenagem às vítimas da doença durante uma live nas redes sociais nesta quinta-feira (25).

Confira também:

Porém, uma das coisas que mais chamaram a atenção durante a vídeoconferência foi a presença de um sanfoneiro – o presidente da Embratur, Gilson Machado -, que tocou a música Ave-Maria como forma de homenagear aqueles que perderam suas vidas nos últimos meses.

“Queria aproveitar o Gilson aqui. Sei que muitos programas de rádio pelo BR às 18h toca a Ave Maria. Queria então prestar uma homenagem aos que se foram e pedir para o Gilson tocar a Ave Maria “, disse Bolsonaro.

Outro chamariz foi o fato, já habitual, de ninguém usar máscara durante a transmissão, incluindo o próprio Presidente. 

Continue lendo

Política Nacional

Bolsonaro: auxílio deve ter novas parcelas de R$ 500, R$ 400 e R$ 300

Publicado


.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (25) que o auxílio emergencial vai pagar um adicional de R$ 1,2 mil, que serão divididos em três parcelas.

“Vamos partir para uma adequação. Deve ser, estamos estudando, R$ 500, R$ 400 e R$ 300”, afirmou o presidente durante sua live semanal nas redes sociais. Ele estava ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, que também confirmou que a terceira parcela do auxílio emergencial, no valor de R$ 600, começa a ser paga no sábado (27).

Ao todo, o programa atende a cerca de 60 milhões de pessoas, e é destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados, como forma de fornecer proteção emergencial no enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19).

“Estávamos em R$ 600, o auxílio, e à medida que a economia começa a se recuperar, e começa a andar novamente, as pessoas vão devagar se habituando [com a redução do valor]”, afirmou Guedes.

Bolsonaro também disse que espera que a economia possa ser retomada e defendeu a reabertura das atividades comerciais. “A gente apela aos governadores e prefeitos, com a responsabilidade que é pertinente de cada um, que comecem a abrir o mercado, abrir para funcionar”, afirmou. Balanço mais recente do Ministério da Saúde registra um total de 1.228.114 de pessoas infectadas e quase 55 mil óbitos provocados pela covid-19.

Edição: Juliana Andrade

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana