conecte-se conosco


Saúde

Comércio de SP na fase laranja terá opção de abrir por 4 dias úteis

Publicado


.

O governo de São Paulo vai dar opção para que os estabelecimentos comerciais previstos a reabrir na fase 2-laranja do Plano São Paulo possam funcionar por quatro dias úteis, por seis horas contínuas.

A opção que foi enviada como sugestão de prefeitos paulistas, foi aceita pelo Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo e será agora publicada em Diário Oficial. Com isso, a partir da semana que vem, os estabelecimentos comerciais de municípios que estiveram na fase laranja do Plano São Paulo terão a opção de abrir todos os dias da semana, por quatro horas diárias; ou então, por quatro dias úteis, mas por seis horas diárias.

A fase laranja prevê a reabertura de shoppings, concessionárias, comércio de rua e escritórios, mas até então estes setores só poderiam funcionar por quatro horas ao dia, todos os dias da semana, com capacidade limitada a 20%.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Econômico de São Paulo, Patricia Ellen, essa nova opção irá viabilizar “um melhor planejamento do comércio e também garantir a segurança pelo aspecto de saúde”.

“Esse foi o ponto aprovado e autorizado, que será incluído e será objeto do decreto que será publicado nos próximos dias para funcionamento, a partir da semana que vem, na fase laranja”, disse ela.

O Plano São Paulo é dividido em cinco fases que vão do nível máximo de restrição de atividades não essenciais (vermelho) a etapas identificadas como controle (laranja), flexibilização (amarelo), abertura parcial (verde) e normal controlado (azul). O Plano São Paulo também é regionalizado, ou seja, o estado foi dividido em 17 regiões e cada uma delas é classificada em uma fase.

Teatros, cinemas e academias de ginástica

O governador de São Paulo, João Doria, vai anunciar amanhã (3) os protocolos exigidos para a reabertura de salões de beleza, academias, teatros, cinemas e salas de espetáculos. A informação foi dada hoje (2) pelo secretário de Desenvolvimento Regional do estado, Marco Vinholi.

Na próxima terça-feira (7), segundo o secretário, o governador deve anunciar os protocolos no estado para reabertura de parques e eventos.

Itaquaquecetuba

Após piora de indicadores relacionados ao controle da pandemia do novo coronavírus, o Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo recomendou que a cidade de Itaquaquecetuba retorne à fase vermelha, de fechamento do comércio e manutenção da quarentena. A cidade de Itaquaquecetuba está incluída no grupo leste da região metropolitana de São Paulo, que está atualmente na fase laranja do Plano São Paulo.

“A situação específica do município de Itaquaquecetuba: o Centro de Contingência avaliou os indicadores utilizados pelo Plano São Paulo nesse município, que mostra uma taxa de ocupação de leitos de UTIs muito alta, acima de 80%, e taxas de aumento de novas internações muito elevadas. De forma que o Centro de Contingência recomenda que esse município passe para a fase vermelha”, disse Paulo Menezes, coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo.

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Saúde

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Estado do Rio tem 168.064 casos de covid-19 desde início da pandemia

Publicado


.

O Rio de Janeiro registra 168.064 casos confirmados de covid-19 desde o início da pandemia. A atualização foi feita hoje (3) pela secretaria de Saúde do Estado, que divulgou também que foram registrados 32 óbitos e 839 casos da doença em 24 horas, desde ontem, em todo o estado. Agora o Rio soma 13.604 mortes pelo novo coronavírus e 144.850 pacientes recuperados.

A capital tem 72.079 casos de covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Niterói registrou 9.079 pessoas infectadas pela doença. São Gonçalo, 8.610. Duque de Caxias, 6.428, e Macaé, 5.665.

Rio de Janeiro é também a cidade com mais mortes registradas por covid-19: 8.371. São Gonçalo tem 595 mortes. Duque de Caxias, 579. Nova Iguaçu, 435, e São João de Meriti, 324.

O balanço completo dos números do estado está em painel.saude.rj.gov.br

 

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

Saúde

Perda de olfato causada pela Covid-19 pode durar até dois meses

Publicado


source
Menina com máscara mexendo no celular
FreePik/prostooleh

Perda de olfato está entre os principais sintomas da Covid-19

Um estudo realizado pela Univesidade de São Paulo (USP) indica que a perda de olfato pode ter um período de duração mais longo após a recuperação da Covid-19 , doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). Segundo a pesquisa, que foi realizada com 650 pacientes recuperados, o sintoma ainda pode perdurar por até dois meses.

O resultado preliminar dessa pesquisa, que está sendo conduzida no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina, cerca de 5% pessoas que tiveram o sintoma após serem curadas ficaram sem sentir cheiro por mais tempo do que o comum.

Para os pesquisadores, isso mostra que a perda de olfato causada pode se tornar permanente em alguns casos se ajuda médica não for procurada rapidamente em estágios iniciais da Covid-19.

Desde abril, os autores do estudo acompanham pacientes que tiveram a Covid-19 confirmada pelo exame do tipo RT-PCR, que detecta a presença do novo coronavírus no corpo.

Entre os pacientes ouvidos, cerca de 80% afirmaram ter perda parcial ou total do olfato e 76% disseram ter perdido o paladar.

Depois de dois meses e meio do primeiro contato, os pesquisadores conseguiram encontrar novamente cerca de 140 dos participantes que tiveram os sintomas. Essa quantidade corresponde 5% das pessoas que afirmaram que tiveram o sintoma.

Outros estudos sobre os efeitos da Covid-19 no olfato estão em andamento em centros de pesquisa pelo Brasil e devem ter resultados divulgados nos próximos meses. Eles usam outras técnicas para medir a perda do olfato e não se baseiam apenas nos relatos dos pacientes.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana