conecte-se conosco


Política MT

Com aumento de casos de Covid, AL prorroga suspensão das atividades por mais duas semanas

Publicado

Atividades estão suspensas até o dia 18, com possibilidade de serem prorrogadas

A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa determinou a suspensão das atividades presenciais devido a gravidade da pandemia da covid-19 em Mato Grosso. De acordo com a resolução, o expediente será retomado no próximo dia 18, com possibilidade de ser prorrogado. As atividades foram suspensas no último dia 25 e deveriam ser retomadas nesta sexta-feira (5).

Caso haja convocação para realização de sessão plenária durante a vigência da suspensão das atividades e eventuais prorrogações, essas serão realizadas de forma virtual, através do Sistema de Deliberação Remota. “Estabelece a possibilidade de prorrogação da suspensão do funcionamento da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso – ALMT em virtude da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do Novo Coronavírus – COVID-19”, diz trecho do documento..

Dos 24 deputados dda ALMT, 15 já contraíram o coronavírus. São eles: Eduardo Botelho (DEM), Valmir Moretto (PRB), Max Russi (PSB), Wilson Santos (PSDB), Paulo Araújo (PP), Thiago Silva (MDB), Allan Kardec (PDT), Faissal Calil (PV), Elizeu Nascimento (PSL), Dilmar Dal’Bosco (DEM), Nininho (PSD), Carlos Avalone (PSDB), Dr. João (MDB) e Valdir Barranco (PT) e Silvio Fávero (PSL). Este último foi internado ontem (4) no Hospital São Lucas, em Lucas do Rio Verde. Já Barranco, segue sedado e intubado em uma UTI no Incor de São Paulo há mais de duas semanas. Seu estado é considerado grave.

Até o final da tarde de hoje, Mato Grosso já havia registrado 1.486 novos casos e 5.968 mortes por coronavírus.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Deputado diz que apoio de Bolsonaro é importante e reconhecimento por seu trabalho

Publicado

Presidente anunciou que Medeiros é o seu candidato ao senado em 2022

O deputado federal José Medeiros (Podemos), que teve o apoio declarado do presidente Jair Bolsonaro para disputar o Senado na eleição de 2022, disse a jornalistas nesta terça-feira (20), que recebeu a notícia com surpresa, e que a posição do presidente é uma sinalização importante.

“Fiquei muito contente, óbvio que tem muito tempo ainda. Em termos político, há ainda uma eternidade. Mas é uma sinalização importante porque a gente tem trabalhado bastante e isso é reconhecimento do trabalho que temos feito”, declarou.

Conforme José Medeiros, “Mato Grosso é um Estado que tem reconhecido o trabalho do presidente Jair Bolsonaro, ele tem muito apoio aqui. Eu tenho representado o governo no Congresso Nacional. Então, quando o presidente lembra de um nome, de um parlamentar do Estado, eu digo que é importante até para o próprio Estado. Mostra que Mato Grosso está no radar do presidente”, disse.

“Foi surpresa, e óbvio que isso a gente ainda vai discutir, se vai ser isso mesmo que ele quer e assim por diante. Você não pode ser candidato de si mesmo, tem que conversar com toda a direita aqui de Mato Grosso, ciscar para dentro, unir todo mundo porque, acima de tudo, nosso projeto maior é reeleger Bolsonaro presidente da República”, declarou Medeiros.

Segundo o parlamentar federal, “se tudo der certo, isso se concretiza, mas é preciso ter muita habilidade, construção de projetos. Eu acho que está aberto, tanto a candidatura a governo quanto a de Senado, e eu estou pronto para definir”.

Medeiros destacou que esse projeto “está muito embrionário, o importante agora é ficar rouco de ouvir, e conversar também, porque política é feita de prosa e neste momento estamos conversando com todos os atores. Mas o momento não é de pensar em eleição agora, o foco total tem que ser na pandemia. O Governo Federal está focado, neste momento, é para fazer as coisas funcionarem e até o meio do ano, a população esteja vacinada”, completou.

 

Continue lendo

Política MT

Mauro Carvalho rebate críticas e cobra deputado para que deixe as redes sociais e trabalhe por Mato Grosso

Publicado

Chefe da Casa Civil lamenta que prefeito não tenha trabalhado para trazer benefícios para MT

Em entrevista na rádio CBN Cuiabá (95,9 FM), nessa segunda-feira (20), o secretário-chefe da Casa Civil de Mato Grosso, Mauro Carvalho (DEM), criticou a postura do deputado federal José Medeiros (Podemos), de promover acusações infundadas, de ‘baixo nível’ nas redes sociais contra o Governo do Estado.

“É lamentável, vejo com tristeza. Se o deputado Medeiros pegasse toda essa energia que ele tem nas redes sociais e se dedicasse a ajudar o povo de Mato Grosso, realmente as coisas estariam diferentes. Eu pergunto: o que o deputado José Medeiros fez?”, questionou o secretário-chefe da Casa Civil.

O secretário acrescentou que Medeiros destinou poucos recursos para o estado de Mato Grosso no combate da pandemia, e fez questão de destacar que todos os parlamentares da Bancada Federal e da Assembleia Legislativa também destinaram. “O que ele fez de diferente? Então pegue toda essa energia e traga em benefício”, disse Mauro Carvalho.

Sobre o fato de o parlamentar federal ter declarado que a compra da vacina russa, a Sputnik, pelo governador Mauro Mendes (DEM), é uma jogada política, o secretário Mauro Carvalho afirmou que “espero que ele ajude Mato Grosso a realmente adquirir e ficar com essas vacinas, que interfira junto ao presidente Jair Bolsonaro, junto às Embaixadas, ajude Mato Grosso. Porque se ele pegar toda essa energia no sentido de ajudar, com certeza vai ser diferente, mas ele usa toda essa energia para criticar, vir com coisinhas baixas, para fazer embate sem valor nenhum, sem conteúdo nenhum”, disparou Carvalho.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana