conecte-se conosco


Mato Grosso

Ciosp recebeu 7,6 mil denúncias anônimas em 2019; tráfico de drogas foi a maior demanda

Publicado

De janeiro a dezembro de 2019, o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) recebeu 7.643 denúncias anônimas em Mato Grosso. Já no mesmo período de 2018, foram feitas 7.174 denúncias. Os dados são referentes às ligações de emergência da Polícia Judiciária Civil (197), que atende Cuiabá e Várzea Grande, e do Disque Denúncia Nacional (181), que realiza atendimento em todo o Estado.

Ainda de acordo com os dados do Ciosp, o tráfico de drogas permaneceu desde 2018 na posição de crime com maior número de denúncias feitas, sendo 3.080, no fechamento de 2019, e 2.945, no ano de 2018.

Em 2019, também houve outras naturezas de ocorrências mais denunciadas como o uso e porte de drogas, com 430 chamadas, seguido de formação de quadrilha (376), estelionato/fraude (375), fugitivo (329), roubo (312), homicídio (250), ameaça (233), furto ou roubo de veículos (202), dentre outros.

“Essas denúncias são motivadas pelo fato de as pessoas se sentirem de alguma forma lesadas e, por isso, houve uma demanda maior dessas denúncias em específico”, explica a gerente operacional do Ciosp, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), Daise Beckmann Morel Luck.

Ela também destaca a importância de denunciar, pois as informações repassadas auxiliam as investigações da segurança pública, e o sigilo do denunciante é totalmente assegurado. “Uma denúncia feita com detalhes contribui com as investigações da polícia, e o Ciosp pode ajudar a combater os crimes ou localizar o suspeito de cometer alguma infração na área penal”, enfatiza.

Visando à melhoria nas investigações das denúncias feitas, o Ciosp também ampliou, em 2019, o sistema de armazenamento do disque denúncia em nove municípios de Mato Grosso, para as delegacias atenderem o 197. O incremento serve para melhorar as investigações das delegacias do interior, proporcionando a identificação mais ágil dos locais com maior demanda de denúncias.

Os municípios que receberam o sistema de armazenamento foram Barra do Garças, Campo Verde, Chapada dos Guimarães, Juína, Tangará da Serra, Sinop, Sorriso, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum.

Expansão do atendimento

“Para esse ano de 2020 temos a demanda de implantar o sistema de armazenamento do disque denúncia 197 em mais alguns municípios do estado. Acreditamos que até final do ano iremos conseguir atingir os grandes polos do estado e outros municípios”, ressalta Daise Beckmann.

Além do 197, o Ciosp é responsável pelo recebimento das chamadas de emergência da Polícia Militar (190), Corpo de Bombeiros Militar (193), chamadas de trânsito da Secretaria de Mobilidade Urbana (118), Defesa Civil (199), Guarda Municipal (153), denúncias de violência contra a mulher (180) e da Polícia Rodoviária Federal (191), que passou a integrar a equipe do Ciosp em novembro de 2019. (Sob supervisão de Nara Assis)

Fonte: GOV MT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Mato Grosso

Bombeiros de Nova Mutum salvam vida de criança de um ano

Publicado

Os bombeiros de Nova Mutum salvaram a vida de uma criança de um ano que estava asfixiada com uma pomada. O salvamento foi realizado na manhã deste sábado.

De acordo com o registro, os pais do bebê foram até o quartel desesperados e informaram que o filho havia ingerido uma pomada, o que obstruiu totalmente as suas vias áreas. A criança estava com a pele roxa e não respirava.

O soldado BM Dourado recebeu a criança e imediatamente aplicou a Manobra de Heimlich, fazendo com que a criança repelisse o corpo estranho e voltasse a respirar.

Imediatamente, os bombeiros se deslocaram até o hospital Santa Rosa, em Nova Mutum, onde a criança foi entregue a equipe médica de plantão. De acordo com as informações, o garoto está bem e aguarda o resultado de exames para saber se chegou a broncoaspirar o produto ou não.

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Mato Grosso

Diretores da Politec realizam reuniões estratégicas com servidores e instituições públicas

Publicado

Entre os dias 17 e 20 de fevereiro, a equipe da Diretoria Geral da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) percorreu as unidades da instituição que fazem parte da Coordenadoria Regional de Sinop e as Gerências Regionais da Politec de Sorriso, Alta Floresta e Guarantã do Norte.

A finalidade das visitas foi alinhar as medidas de gestão que estão sendo conduzidas pela Diretoria Geral nas áreas de pessoal, e de infraestrutura das unidades. Entre as medidas discutidas estão o estudo das demandas de produtividade, a padronização dos laudos periciais de trânsito, de drogas, de eficiência de drogas e de necropsia, dentre outras, em busca da melhoria na qualidade dos produtos e serviços da instituição.

Outra temática abordada na reunião com os servidores foram assuntos operacionais. Na oportunidade, o diretor-geral da Politec, Rubens Sadao Okada, apresentou os índices de homicídios registrados pela Secretaria de Segurança no ano passado em cada regional, para analisar a quantidade de demandas atendidas pelas unidades.

As reuniões oportunizaram o diálogo e aproximação da gestão com os servidores, esclarecendo dúvidas e acolhendo reivindicações dos servidores locais.

Em decorrência da comemoração dos 30 anos de criação da instituição, que serão completados no dia 18 de dezembro, os diretores explicaram, ainda, sobre as ações e os eventos que estão sendo organizados para celebração da data. 

Para a aferição da qualidade dos serviços prestados pela instituição ao judiciário, os gestores se reuniram com o promotor de justiça de Nova Mutum Henrique de Carvalho Pugliesi, com a promotora de Justiça de Guarantã do Norte,  Rebeca Santana Rego, e com o Juiz especializado da Vara de Combate ao Narcotráfico de Sinop, Mario Machado. Na oportunidade, os diretores solicitaram o apoio das instituições para o investimento em infraestrutura e ampliação na cobertura de atendimento da Politec na região Norte.

Em todas as reuniões, os promotores e magistrado foram unânimes em reconhecer a importância da Politec dentro da persecução penal na produção das provas periciais.

Os gestores reuniram-se, também, com os prefeitos de Guarantã do Norte, Érico Stevan Gonçalves e com o vice-prefeito de Nova Mutum, Leandro Felix. Em Nova Mutum, foram discutidas a possibilidade de implantação de uma gerência regional da Politec por meio de parcerias entre estado e município.

Participaram da reunião o diretor-geral da Politec, Rubens Sadao Okada, o diretor-geral adjunto, Renato Barbosa Guanaes Simões, o diretor de Interiorização, Mairo Fabio Camargo e o coordenador regional da Politec de Sinop, Marcio Alexandre Prado Monteiro Silva.  

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana