conecte-se conosco


Policial

Cinco pessoas são presas em flagrante por comércio de drogas no bairro José Pinto

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Cinco pessoas foram presas em flagrante nesta sexta-feira (29.05) pela Polícia Civil, suspeitas pelo comércio de entorpecentes no bairro José Pinto, em Cuiabá. Entre os detidos está um adolescente de 15 anos.

A equipe da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes foi checar uma denúncia sobre tráfico de drogas na Rua Barra do Garças, na Cohab José Pinto. Após monitoramento do endereço, os policiais civis observaram que uma mulher, de 27 anos, buscava entorpecente pela grade da residência, entregava para uma segunda pessoa, que depois repassava a usuários.

Com um dos suspeitos que foi abordado, os policiais encontraram quatro porções de pasta base e de maconha. Com autorização Da proprietária da casa, a equipe da DRE entrou no local, onde estavam mais duas pessoas, uma delas o adolescente de 15 anos.

Nas buscas, os policiais localizaram um pedaço médio de maconha, outras porções menores da mesma substância, dinheiro, balança de precisão, entre outros objetos.

Ao questionar um dos suspeitos sobre a propriedade do entorpecente, ele informou que a boca de fumo era da dona da casa e que o adolescente fazia a embalagem das drogas e a outra suspeita realizava as entregas.

Todos foram conduzidos para a DRE e os adultos, sendo duas mulheres, ambas de 27 anos, foram autuados em flagrante pelos crimes de associação para tráfico de drogas, tráfico de drogas, com aumento de pena por envolver um menor de idade nos crimes. Os quatro foram encaminhados às respectivas unidades prisionais.

O adolescente foi autuado por ato infracional pelos mesmos crimes e foi encaminhado para a Delegacia Especializada do Adolescente.

Fonte: PJC MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

Apreensões de drogas aumentam em MT e somam 2,3 toneladas no primeiro semestre

Publicado

Comparado ao mesmo período de 2019, com 2.148kg, o aumento é de 11% [F-PMMT]

A Polícia Militar de Mato Grosso apreendeu 2.384 quilos de droga(cocaína e maconha), uma média de 397,3 ao mês, no primeiro semestre deste ano, entre janeiro e 30 de junho. Comparado ao mesmo período de 2019, com 2.148kg, representa um aumento de 11%.

Além disso, o trabalho realizado este ano pelos 15 comandos regionais e as unidades especializadas da PMMT totalizou 1.456 ocorrências específicas de tráfico de droga – apreensões e prisões. E outros 2.081 boletins deocorrência relacionados ao consumo e prisões por posse de entorpecentes.

Outro dado que chama atenção na produtividade semestral da PM é o de prisões em flagrante, ou seja, no momento ou logo depois da prática criminosa. Foram 7.016 prisões em flagrante, 42% a mais que no ano passado, quando foram contabilizados 4.947 flagrantes, conforme dados da Superintendência de Planejamento Operacional e Estatística (SPOE) da instituição militar.

O número de armas de fogo apreendidas também aumentou, 1.041 apreensões, índice 5% superior ao primeiro semestre do ano passado (993), grande parte diretamente ligada a práticas criminosas. A PM também apreendeu 177 imitações (simulacros) de armas de fogo.

O comandante geral, coronel Jonildo José de Assis, diz que a PM se empenha, trabalha intensamente na prevenção e repressão a todas as modalidades de crimes. No tráfico de droga, observa Assis, além da dedicação dos policiais a instituição dispõe de meios como o serviço de inteligência atuando permanentemente para subsidiar as ações das unidades operacionais e ferramentas tecnológicas.

O comandante utilizou como exemplo de ferramenta a análise criminal, um recurso que, como o próprio nome define, consiste em analisar os índices criminais. Entender, entre outros mecanismos, onde mais ocorre crimes, modalidades, qual a frequência.

Assis explica que “a partir dos resultados dessas análises são montadas intervenções estratégicas, operações específicas de repressão ou reforço do policiamento preventivo, de acordo com a necessidade apontada”.

Já o aumento das prisões em flagrante, avalia o comandante, é resultado da melhoria do policiamento preventivo, da presença efetiva nas ruas fazendo rondas e mais viaturas em locais estratégicos, em áreas comerciais, por exemplo, com policiais prontos para interromper e frustrar atividades criminosas.

 

Continue lendo

Policial

Traficantes com cocaína avaliada em 1 milhão são mortos em confronto com o Gefron

Publicado

O Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) prendeu quatro pessoas em ações realizadas neste fim de semana, na fronteira do Brasil com a Bolívia. As atividades repressivas ocorreram no município de Pontes e Lacerda (a 445 km ao Oeste de Cuiabá) e na região do Posto Limão, em Cáceres (217 km a Oeste de Cuiabá).

Durante a ação foram apreendidos 56 tabletes de substância análoga a cocaína e armas e fogo. O prejuízo ao crime ultrapassa R$ 1 milhão.

Por volta das 20h de sábado (4), na zona rural de Pontes e Lacerda, os policiais do Gefron avistaram cinco pessoas em atitude suspeita caminhando por um pasto sentido Bolívia – Brasil. Diante dos fatos, foi emitida a ordem de parada aos suspeitos, que revidaram e efetuaram disparos contra a equipe policial.

Os profissionais seguiram as buscas e, mais a frente, foi localizado dois homens feridos. Os suspeitos foram encaminhados para o hospital Vale do Guaporé, na cidade de Pontes e Lacerda, mas não resistiram. Ambos possuíam antecedentes criminais.

Também foram encontrados junto aos suspeitos 56 tabletes de substância análoga a cocaína, duas armas de fogo e várias munições deflagradas e intactas. Diante dos fatos, o material apreendido foi encaminhado para Delegacia de Polícia Federal em Cáceres.

Já na madrugada de domingo (5), na BR- 070, região do Posto Limão, os policiais abordaram um veículo com quatro ocupantes. Foram realizadas buscas, pessoal e veicular, que resultaram na localização de três espingardas, sendo uma de calibre 22, uma de pressão e a outra adaptada para calibre 22, sem marca e numeração.

Aos policiais, o condutor do veículo informou que as armas eram de sua propriedade. Diante dos fatos, os suspeitos e as armas foram encaminhados para a Delegacia Especial de Fronteira (Defron), no município de Cáceres, para as devidas providências.

 

 

 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana