conecte-se conosco


Várzea Grande

Chegada do Papai Noel no Fiotão abre espetáculos do “Natal Feliz”, neste sábado

Publicado

Quem passa pelas proximidades da praça do Ginásio poliesportivo Júlio Domingos de Campos, o Fiotão, já pode perceber a grande movimentação e o clima contagiante do Natal ganhando o centro da cidade de Várzea Grande. É a quinta edição do projeto 'Natal Feliz' que promete movimentar o município a partir deste sábado (dia 30/11). A abertura oficial inicia a partir das 19h com a chegada do Trem de Natal trazendo o Papai Noel e apresentações artísticas que marcarão o acendimento das luzes natalinas e comemorações de final de ano na cidade.

Todas as secretarias municipais da Prefeitura de Várzea Grande estão engajadas na organização do evento que segue até o dia 22 de dezembro sempre aos sábados e domingos das 19h às 21h. Desde a Guarda Municipal, que mantêm a segurança na praça e ruas da proximidade, além das secretarias escaladas para trabalhar no projeto como explica a coordenadora do evento da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esportes e Lazer, Edizes Reveles.

“Estamos aqui na praça acompanhando a montagem, muitos colegas estão responsáveis pelas montagens setorizadas a exemplo das instalações do parque infantil, da Casa do Papai Noel, da montagem das estruturas de Natal como o presépio, anjos, árvores e iluminação em geral. Nos finais de semana também trabalharemos em regime de escala preparando o local todos os dias, recebendo a população. Ao final dos eventos entrará equipe de limpeza da Secretaria de Serviços Públicos, por exemplo. Ao todo somamos 500 pessoas envolvidas e empenhadas para produzir um espetáculo digno da data”, detalhou a coordenadora.

Patrício Dias e Lázaro Souza, ambos funcionários da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esportes e Lazer, são exemplos dessa dedicação e afirmam estar orgulhosos de ajudarem a decorar a cidade para o Natal. “Tenho dois filhos e eles estão ansiosos para ver a abertura o evento e ver também um pouco do meu trabalho. Fazemos essa decoração como se fosse para nossa família”, afirma Lázaro de Souza.

As funcionárias da Casa de Artes, Dalila Felfili e Vilma Lima, também se enchem de orgulho ao afirmar que estão ajudando a trazer a ‘magia no Natal’ para a cidade. “Sou professora de corte e costura da Casa de Artes e hoje estou ajudando a ambientar a Casa do Papai Noel, costurando os gorros, toalhas de mesa natalinas, entre outros, é muito gratificante”, declarou.

Segundo o secretário municipal de Educação, Cultura, Esportes e Lazer, Silvio Fidélis, está sendo preparado um natal especial para toda população prestigiar e se encantar. “Serão dias especiais promovidos especialmente para nossas famílias várzea-grandenses. Que este clima de Natal contagie a todos, pois este é o nosso objetivo. O 'Natal Feliz' é formado por uma programação variada que valorizará o artista local e principalmente os alunos municipais, repleta de momentos especiais para resgatar os valores de amor e carinho que se afloram ainda mais nessa época do ano”, destacou o secretário.

A secretária municipal de Assistência Social, Flávia Omar, lembra que instituições filantrópicas e de assistência social da cidade estarão participando do 'Natal Feliz', fazendo parte da praça gourmet. “Essas instituições reverterão os recursos angariados com a venda de lanches e pratos da gastronomia regional para seus serviços assistenciais. Participam as instituições Nossa Terra Nossa Gente, Anfemat, Cáritas, Lions, Rotary Clube, Lar dos Idosos São Vicente de Paulo e de Jesus Unidos com Cristo”, informa.

“Preparamos um Natal que encantará o trabalhador várzea-grandense, a mamãe, o papai, a vovó e principalmente as crianças. Será um dos maiores eventos de nossa cidade, preparado tudo com muito carinho. As famílias que vierem nos prestigiar, certamente irão se surpreender”, enalteceu a prefeita Lucimar Sacre de Campos, destacando que este ano com a mudança do local do evento, facilitará para as famílias que utilizarem o transporte público pois a Praça do ‘Fiotão’ fica ao lado do terminal de ônibus André Maggi.

A prefeita Lucimar Sacre de Campos também falou sobre a programação. “Neste ano, estamos satisfeitos com a grande participação de entidades na programação. A cada ano, a Prefeitura tem se adequado e melhorado o máximo possível. Então, além das escolas da rede municipal, nós teremos escolas estaduais, particulares, grupos de danças, shows com bandas e artistas regionais, teatro e balé. Todas atrações voltadas para o tema Natal”, detalha a prefeita.

Segundo a organização do ‘Natal Feliz’ além das atrações artísticas, o Trem de Natal, dois palcos com decoração e luzes, a tão aguardada Casa do Papai Noel, feiras de artesanato e gastronomia, haverá espaços ambientados para as famílias fazem fotos.

“É importante ressaltar que todas as atrações serão gratuitas. Para ter acesso aos brinquedos do parque infantil como o carrossel de cavalinho e o de balões ou mesmo o Trem de Natal, serão distribuídos no local passaportes que darão acesso aos brinquedos. As pessoas também poderão tirar fotos com o presépio em tamanho real, no pergolado decorado e no trenó do Papai Noel”, detalhou a coordenadora do evento da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esportes e Lazer, Edizes Reveles.

PROGRAMAÇÃO – A abertura oficial será no sábado, dia 30 de novembro, às 19 horas, e será marcada pela chegada do Papai Noel. Com muita alegria e acompanhado de personagens encantados, o Papai Noel percorrerá as principais ruas do centro, chegando à estação do Trem de Natal na Praça do Ginásio Fiotão, onde acenderá as luzes, trazendo a magia do Natal para Várzea Grande. Na sequência se apresenta a Banda Municipal de Várzea Grande.

Das 19h30 às 21h se apresentam, os alunos da EMEB Abdala José de Almeida com a Cantada de Natal; Jingle Bell dance e Tribal Mix com os alunos da EMEB Professor Paulo Freire; remix natalino com os alunos da EMEB Benedita Bernardina Curvo; Musical com alunos do colégio Primeiros Passos; apresentação gospel com os alunos da EMEB José Estejo de Campos; musical e balé com os alunos da EMEB Marilce Benedita de Arruda; coral da EMEB Emanuel Benedito da Silva e, encerramento com a cantora Laura Franco.

No domingo, dia 01/12, a programação também inicia às 19h com apresentação da Banda Municipal de Várzea Grande; apresentação 'Sonho de Natal' com os alunos da EMEB Faustino Antonio da Silva; apresentações de siriri mirim e dança de rasqueado pela Associação das Manifestações Folclóricas de Mato Grosso (AMFMT); orquestra de violino e saxofone, coral dos alunos da EMEB Salvelina Ferreira da Silva; apresentações de música com participantes do projeto municipal 'Caderno II'; Juventude Ativa e encerramento com a banda Triade.

Por: Rafaela Maximiano – Secom/VG

publicidade
2 Comentários

2 Comments

  1. Antonio

    30/11/2019 - 16:34 a 16:34

    Olá tudo bem?
    Este material é para quem quer aprender sobre moda, moldes e modelagem de blusas em tecido plano. no conforto de sua casa.
    Acesse este link e aproveita: http://bit.ly/ModelagemdeBlusasemTecidoPlano

  2. Confecção 5 Estrelas

    06/12/2019 - 09:56 a 09:56

    Aprenda a Cortar, Costurar e Modelar do básico ao avançado
    Acesse o link do curso: http://bit.ly/cursocosturaremodelar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Várzea Grande

Várzea Grande abre a partir de amanhã (4) novas inscrições para o Residencial Santa Bárbara

Publicado


.

03/08/2020    3

A Prefeitura de Várzea Grande, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo inicia amanhã, dia 04 de agosto, novas inscrições on-line para aproximadamente 400 unidades habitacionais no Residencial Santa Bárbara.  As inscrições serão feitas até o dia 13 de agosto, somente através do site oficial de Várzea Grande, no endereço www.varzeagrande.mt.gov.br na aba VGHABITA.

Para se inscrever é necessário ter atualizado o Número de Inscrição Social (NIS) e o cadastro junto a uma das cinco unidades do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) no município.

“Estamos entregando as  unidades do Residencial Santa Bárbara, ( dos já selecionados para o Residencial Colinas Verdejantes) entrega esta que está sendo feita paulatinamente devido à pandemia. Agora faremos essa inscrição para futuro sorteio das demais unidades, que somam 400”, lembrou o secretário de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo José Roberto Amaral de Castro Pinto.

O Residencial Santa Bárbara integra o programa Minha Casa, Minha Vida e atende aos critérios do programa habitacional de interesse social do Governo Federal. “A Prefeitura trabalha para atender a população em áreas de risco, aposentados, mães de famílias e demais pessoas em situação de vulnerabilidade social e das pessoas que mais necessitam”, explica.

“O procedimento de inscrição é simples”, afirma o secretário. Basta acessar o site da Prefeitura, por meio da aba VGHABITA no topo do site e seguir o passo a passo. “Os usuários devem preencher corretamente os dados solicitados no formulário lembrando que esses dados precisam conferir com os do NIS e do CRAS”, ressalta.

No total, o processo é compreendido por fases que são inscrição, análise documental, estudo social, sorteio pela loteria da Caixa Econômica Federal e a fase de contemplação, onde acontecem os sorteios dos endereços e chamamento da Caixa Econômica Federal para assinatura do contrato.

“Todas essas fases poderão ser acompanhadas on-line pela sociedade. As famílias só podem ser consideradas contempladas após a assinatura do contrato com a mantenedora do programa que é a Caixa Econômica Federal. Antes disso, elas estão somente inscritas e posteriormente habilitadas à próxima etapa – caso passem da primeira fase. É valido esclarecer que as listas de todas as fases serão públicas, critério este de transparência. Mas isso não significa que já estão contempladas. Essas listas são somente indicativas de que as famílias estão aprovadas para a próxima parte do processo”, pontua o gestor.

José Roberto Amaral de Castro Pinto lembra que não haverá inscrições presenciais devido à pandemia da Covid-19. As dúvidas serão sanadas pelo telefone (65) 98429-2851, que também atenderá pelo WhatsApp.

 

Por: Rafaela Maximiano – Secom/VG

Continue lendo

Várzea Grande

Várzea grande atende 34,7 mil pessoas em 16 dias e  realiza mais de 1.412 procedimentos

Publicado


.

01/08/2020    1

Em 16 dias de efetivo funcionamento das Barreiras Sanitárias em Várzea Grande nas Rodovias Mário Andreazza e Governador Júlio Campos que dão acesso a região central da cidade e a capital de Mato Grosso, Cuiabá, foram atendidas 34.714 pessoas e parados 18.956 veículos, que realizaram 1.412 procedimentos médicos, sendo o maior número de vacinas H1N1, uma inovação no trabalho desenvolvido pela Prefeitura de Várzea Grande por meio  do Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus (Covid- 19) e executado pela Secretaria Municipal de Saúde e Guarda Municipal em parceria com o Governo do Estado por meio da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Vigilância Sanitária.

“Foi uma experiência muito profícua e de resultados positivos, mas que precisam ser otimizados”, disse a prefeita Lucimar Sacre de Campos que acompanhou pessoalmente o serviço desempenhado pela gestão municipal e que demonstrou interesse em ampliar este tipo de atuação para se realizar bloqueio nos bairros da cidade aonde existe maior incidência de casos da Ccovid- 19.

As barreiras foram montadas no Trevo do Lagarto, justamente para funcionar como controle da entrada na cidade de Várzea Grande e sem atrapalhar aqueles que estavam de passagem ou para o Norte ou Sul de Mato Grosso e do Brasil por onde passam diariamente entre 25 e 31 mil caminhões com a safra agrícola que é a maior do Brasil e com outros produtos.

“Agora queremos implantar este mesmo tipo de ação nos bairros e regiões de maior incidência de COVID 19, ou seja, levar a telemedicina ou vídeo-consultas, testes rápidos, encaminhamentos para unidades de saúde daqueles aonde ficarem constados mais de um sintoma e aplicação de vacina H1N1”, disse Lucimar Sacre de Campos.

Os secretários de Saúde e de Governo, Diógenes Marcondes e Alessandro Ferreira da Silva, respectivamente, assinalaram que o momento impõe a necessidade de inovações que estão sendo colocadas em prática como a telemedicina, o fortalecimento na fiscalização e vigilância, a aplicação dos testes rápidos, tudo para conter o avanço da pandemia que dá demonstrações de controle, mas que sempre é muito traiçoeira.

“Temos muitas vidas ceifadas e isto é a forma que cada organismo reage, quando contaminado pelo virus, mas inaceitável, e estamos trabalhando arduamente para que este quadro mude e se torne um ensinamento para todos de que o modo de vida tem que ser melhorado para todos”, assinalou Diógenes Marcondes da Pasta de Saúde e Técnico do SUS de Mato Grosso.

Ele ponderou que em comum acordo com a UFMT que apresenta estudos de impacto da pandemia da Covid- 19 por região em bairros, a partir de agora será feita uma brigada de atuação localizada com os mesmos serviços aplicados nos 16 dias em que funcionou as barreiras sanitárias.

“Foi uma experiências importante e eficiente, mas com necessidade de aperfeiçoamento, pois nós e o mundo estamos lidando com algo novo e que não tem histórico de tratamento, de atuação e a cada dia se apresenta com uma novidade, muito mais ligada a cada pessoas e seu organismo do que propriamente a uma doença e sua propagação”, disse Diógenes Marcondes, sinalizando que existem muitas doenças ou viroses sem cura ou vacina, mas que já tem um tratamento com resultados positivos como no caso da AIDS e o HIV.

O secretário de Governo e coordenador da Vigilância Sanitária, Coronel Alessandro Ferreira da Silva, sinalizou que novas medidas estão sendo discutidas no Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus (Covid- 19), sempre mantendo a fiscalização e as regras definidas pelos Decretos Municipais em comum acordo com a Justiça, com o Governo do Estado e com a Prefeitura de Cuiabá por estar Várzea Grande em uma Região Metropolitana com 17 cidades que reúnem mais de 1,3 milhão de habitantes, sem contar que é passagem para todas as cidades do Norte, Sul, Leste, Oeste de Mato Grosso, do Brasil e do Continente, pois estamos no Centro Geodésico da América do Sul.

“Todos os países do mundo lidam com uma doença desconhecida e que requer atenção, respeito e determinação por parte de todos, dos governantes e dos cidadãos de bem, mas assim mesmo encontramos pessoas que sequer aceitam serem tratadas e preferem assinar um termo de responsabilidade como se fosse possível ele garantir que não irá se contaminar e contaminar outros, mas respeitamos os direitos de todos, desde que eles respeitem a Lei”, ponderou o secretário de Governo de Várzea Grande sobre 11 pessoas que se recusaram nas barreiras a serem atendidos.

Por: Cláudia Joséh – Secom/VG

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana