conecte-se conosco


Política Nacional

Celso de Mello e Moraes são tachados como antibolsonaristas  por Bolsonaro

Publicado


source
Bolsonaro
undefined

Presidente Jair Bolsonaro


A coluna Painel da Folha de S.Paulo  revelou que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) elegeu os ministros Celso de Mello e Alexandre de Moraes como inimigos pessoais . O Judiciário é um alvo dos ataques do presidente, mas os dois ministros passaram a ser figuras centrais das críticas. Ambos têm em mãos inquéritos contra o presidente da República.

Alexandre de Moraes análisa o inquérito sobre o esquema de fake news arquitetado por redes bolsonarista, que pode ter Carlos Bolsonaro como alvo, já Celso de Mello tem o inquérito sobre a possível interferência política na Polícia Federal denunciada pelo ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro.

Leia tambem: Toffoli diz que inquérito do STF descobriu ‘ameaças reais’

No último domingo (24), Bolsonaro compartilhou nas redes sociais um vídeo sobre a lei de abuso de autoridade como uma espécie de mensagem vedada ao ministro Celso de Mello. Bolsonaro considera os ministros antibolsonaristas e busca transformar as questões institucionais em problemas pessoais entre os representantes dos poderes. O presidente atacou o ministro Moraes ao menos duas vezes recentemente ao afirmar que ele age de forma política e que só chegou ao STF por ser amigo do ex-presidente Michel Temer (MDB). Bolsonaro disse ainda que a proximidade que Moraes tinha com o PSDB perdura e influencia nas decisões do ministro.

Bolsonaro mantém relação estável com o presidente da Corte, Dias Toffoli , para garantir o minímo de estabilidade necessária para não sofre com crises institucionais e assim manter os ataques aos demais ministros que avançam em investigações contra o presidente e sua família, ou repudiam as decisões do chefe do executivo.



publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política Nacional

Ex-presidente municipal do PT promete “fazer muito e roubar pouco” e se desculpa

Publicado


source
ex-presidente do PT que falou em
Reprodução

Após prometer “fazer muito e roubar pouco”, ex-presidente do PT em município do Rio se desculpou por reação negativa

O ex-presidente do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) em Laje do Muriaé, no interior do Rio de Janeiro, Liédio Luiz da Silva, sofreu ataques nas redes sociais após dizer em live no último domingo (5) que iria “fazer muito e roubar pouco”, o que seriam os “princípios” do partido no município.

“Peço desculpa pela minha palavra infeliz e mal colocada. Todo ser humano tem direito de colocar e dizer uma palavra mal dita. Todos os meus amigos, companheiros, que lutam por uma Laje melhor eu peço desculpa de coração”, afirmou o petista em novo vídeo públicado em rede social.

Liédio lamentou o ocorrido, que explica como “infeliz erro de pronúncia” e entregou o cargo de direção do PT. A reação negativa a sua fala foi impulsionada após as deputadas do PSL Carla Zambelli e Bia Kicis repercutirem e questionarem o termo “roubar pouco”.

“A gente faz parte de um partido que tem história, um partido grande, o maior partido da América Latina, que é o PT . E nós vamos, sim, estar engajados nesta eleição de 2020, em Laje do Muriaé”, disse, acrescentando depois com a polêmica promessa: “Nós não vamos abrir mão dos nossos princípios. Quais são os nossos princípios? A melhoria do nosso município e fazer muito e roubar pouco”, disse.

Continue lendo

Política Nacional

Michelle Bolsonaro testa negativo para coronavírus após marido contrair doença

Publicado


source
michelle bolsonaro de máscara
Marcos Corrêa/PR

Primeira-dama Michelle Bolsonaro comemorou resultado negativo em teste para o novo coronavírus

A primeira-dama Michelle Bolsonaro anunciou na manhã deste sábado (11) em rede social que o teste dela e de suas filhas deu resultado negativo para o novo coronavírus (Sars-Cov-2), após Jair Bolsonaro testar positivo .

“Minhas filhas e eu testamos negativo para Covid-19. Agradeço as orações”, comemorou Michelle Bolsonaro no Instagram.

Além de seu marido, o presidente Jair Bolsonaro , mais pessoas próximas à primeira-dama também testaram positivo para o novo coronavírus. Sua avó está internada e entubada em hospital público de Brasília com quadro grave , enquanto sua irmã testou positivo, mas não há atualizações sobre seu estado de saúde.

Jair Bolsonaro diz estar bem e tomando cloroquina , remédio cuja eficácia contra a Covid-19 não é comprovada cientificamente . A Organização Mundial da Saúde (OMS), inclusive, suspendeu os testes . O presidente, árduo defensor da cloroquina, monitora possíveis efeitos colaterais do remédio duas vezes por dia.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana