conecte-se conosco


Carros e Motos

Carros elétricos podem receber mais incentivos fiscais no Brasil

Publicado

source
Modelos eletrificados apresentaram crescimento de quase 78% no primeiro quadrimestre de 2022
Divulgação

Modelos eletrificados apresentaram crescimento de quase 78% no primeiro quadrimestre de 2022

Está em trâmite no Senado Federal o projeto de Lei (PL) 403/2022 de autoria do Senador Irajá (PSD/TO) que busca zerar o imposto de importação sobre veículos elétricos e híbridos até 31 de dezembro de 2025.

Atualmente no Brasil os carros elétricos possuem valor muito elevado, com o mais barato disponível custando R$ 142.990. Porém, um relatório da Bloomberg New Energy Finance de 2021 apontou que a tendência é que os veículos híbridos e elétricos se tornem mais baratos que os movidos a combustão até 2027.

Para justificar o PL, o Senador utiliza o argumento de que o órgão executivo da União Europeia propôs a proibição da venda de veículos novos com motores a combustão a partir de 2035, e que estados norte-americanos como Nova Jersey e Califórnia também estudam adoção de leis nesse sentido.

O Senador ainda diz que o Brasil não pode ficar de fora da nova forma de mobilidade que substituirá o combustível fóssil pelo renovável, e que o país é um grande produtor de energia limpa como etanol, solar e eólica.

Para Fábio Pizzamiglio, diretor da Efficienza, empresa especializada em negócios internacionais , a proposta pode trazer pontos positivos, mas ainda será necessário acompanhar a variação dos preços dos insumos de produção.

“Por mais que tenhamos uma diminuição nos impostos no produto final, que é uma ação muito bem-vinda, ainda precisamos nos atentar ao mercado. Lembrando que ainda vivemos uma crise de semicondutores que afeta diretamente essa indústria”, declarou o executivo.

Segundo da Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE), somente no primeiro trimestre deste ano houve aumento de 115% na venda de automóveis elétricos no país.

Diversas empresas trabalham para melhoria da infraestrutura para receber os carros elétricos no Brasil
Divulgação

Diversas empresas trabalham para melhoria da infraestrutura para receber os carros elétricos no Brasil

“A maior parte desses veículos é fruto de importação. Ainda não temos a fabricação massiva desse tipo de automóvel no país. Por esse motivo, a medida de forma emergencial pode ser algo essencial para o crescimento do setor”, afirma Pizzamiglio.

Mas a proposta realmente poderá ter um efeito positivo? Segundo Ricardo David, sócio-diretor da Elev Mobility, empresa que trabalha com soluções para o ecossistema do carro elétrico , a medida poderá ser positiva em curto prazo. Porém ainda é necessário aumentar a produção interna dos veículos eletrificados e investir na estruturação do Brasil em longo prazo.

“Em um período maior, para termos uma real diminuição nos valores desses automóveis, precisamos aumentar a nossa produção nacional . Não somente dos veículos em si, mas de outros elementos essenciais para a produção desses modelos como baterias, por exemplo”, explica o executivo.

A busca pela diminuição dos impostos de importação desses automóveis não é uma ideia nova. Em 2020, a Câmara dos Deputados aprovou medida similar, o projeto de Lei 5308/20. Além disso, em 2016 o Governo Federal chegou a reduzir o tributo para estimular o consumidor brasileiro a adquirir um carro movido a energia limpa.

Porém, até o momento não houve impactos significativos no preço dos automóveis elétricos vendidos no país, principalmente por culpa da pandemia da covid-19, que afetou mercados produtores e paralisou a produção em inúmeros países.

Segundo as informações do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) , em todos os estados do Brasil há automóveis eletrificados, com uma grande concentração no sudeste, principalmente nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Fonte: IG CARROS

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carros e Motos

BMW inicia a pré-venda de suas novas motos R 1250 RT e K 1600 Bagger

Publicado

source


BMW R 1250 RT e K 1600 Bagger
Divulgação

BMW R 1250 RT e K 1600 Bagger

A divisão de motos da BMW conclui dois dos principais lançamentos de 2022, no Festival Duas Rodas de Interlagos. As novidades são a R 1250 RT e K 1600 Bagger, que custam a partir R$ 203.900 e R$ 306.500, respectivamente.

A R 1250 RT é produzida em Berlim, na Alemanha, e chega com visual renovado ao Brasil. Sai por R$ 203.900 na cor Alpine White, por R$ 205.900 nas cores Racing Blue e Triple Black, e R$ 209.900 na cor Mineral White.

Ela vem equipada com o motor boxer bicilíndrico de quatro tempos e sistema variável de distribuição, que aliado com a injeção eletrônica, gera 136 cv e 14,6 kgfm. O movimento vai até a roda traseira por meio do câmbio de seis marchas, com embreagem hidráulica multidisco, lubrificada a óleo.

Para auxiliar na condução, há o Shift Assitant Pro , que muda de marcha sem precisar acionar a embreagem, bem como o Dynamic-ESA, que ajusta automático o amortecimento, conforme o piso, além dos modos de condução ‘Rain’, ‘Road’ e ‘Dynamic’ , ativados por meio de um botão.

De série, há assento e manoplas aquecidos, keyless, preparação para GPS; sistema de áudio com Bluetooth, monitoramento de pressão dos pneus e farol dianteiro Pro e farol auxiliar em LED.

A outra moto também chega importada da Alemanha. A  K 1600 Bagger ficou mais esportiva e pode ser adquirida com preço a partir de R$ 306.500, na cor Alpine Whit, R$ 313.500 nas cores Racing Blue e Triple Black e R$ 326.500, na cor Mineral White.

Seu motor é um seis cilindros em linha de 1.649 cm³, 4 tempos, 24 válvulas com duplo comando (160 cv e 17,8 kgfm), acoplado a um câmbio de seis marchas e transmissão por eixo cardã.

A lista engloba a mais farol direcional, Assistente de Partida em Ladeira (HSC), Controle de Pressão dos Pneus (RDC) , partida sem chave (keyless), Assistente de Trocas de Marchas Pro , luzes adicionais em LED, interface Bluetooth, sistema de alarme antifurto e marcha a ré.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

Lexus oferece mais equipamentos na linha 2022 do ES 300h

Publicado

source
Lexus ES300h 2022 já está disponível nos concessionários Lexus no Brasil
Divulgação

Lexus ES300h 2022 já está disponível nos concessionários Lexus no Brasil

A linha 2022 do ES 300h, sedã híbrido de luxo da Lexus, chega com mais equipamentos para. O modelo já está disponível em todas as concessionárias Lexus do Brasil e traz uma nova grade frontal com acabamento cromado, um novo sistema de infotenimento com uma tela de LCD sensível ao toque ded 12.3 polegadas.

Há 10 anos, o ES era lançado no Brasil, pela primeira vez. Enquanto isso, faz quatro anos que ele é oferecido com a motorização híbrida no nosso mercado. É equipado com um motor quatro cilindros de 2.5 litros, que somado a um motor elétrico compacto, oferece 211 cv.

O ES 300h 2022 está disponível a partir de R$ 349.990,00, nas cores: Branco Sônico, Cinza Cromo, Cinza Titanium, Prata Iridium, Preto Grafite, Vermelho Coral e Azul Royal. No interior, o sedã da Lexus se destaca pelo couro ecológico, presente em toda a cabine, nas portas, no painel e no console central.

A tela de 7 polegadas no centro do painel é personalizável, contém informações  de condução, TV digital, Wi-Fi, conectividade com smartphones, GPS, áudio, assistente de direção, entre outras opções.

Acima do painel, é disponibilizado um Head-Up Display, que contem informações de bordo, bem como assistências de direção diretamente no para-brisa, para que o condutor não tire os olhos da rodovia.

No quesito segurança o ES 300h oferece 10 airbags, sendo quatro laterais, dois frontais, dois de cortina e dois de joelho para os ocupantes da frente, controle de tração e estabilidade.

Além disso, o modelo também conta com sensores de estacionamento com frenagem de estacionamento, monitor de visão panorâmica para manobras, monitor de ponto cego, e sistema de alerta para caso de esquecimento de pessoa ou objeto dentro do veículo.

Além disso, o ES 300h possui sistema de saída de faixa, que emite um sinal e vibra o volante caso o veículo saia da faixa sem acionar as setas, controle de cruzeiro adaptativo, sistema de colisão frontal, que pode parar o carro automaticamente, e farol alto automático.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana