conecte-se conosco


Mato Grosso

Carreta MT Ciências completa 3 anos com mais de 80 mil visitas e cerca de 20 mil km rodados por 22 cidades

Publicado


Inaugurada em novembro de 2017, a carreta do projeto MT Ciências completa três anos com quase 20 mil quilômetros rodados por Mato Grosso e outros estados, somando mais de 80 mil visitas à maior mostra científica itinerante do país, idealizada pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci).

O secretário da Seciteci, Nilton Borgato, explica que a carreta foi um projeto ousado e grandioso, se consagrando no maior circuito itinerante de popularização da ciência do país.

“Somente em Minas Gerais há uma unidade móvel no mesmo padrão da carreta ‘MT Ciências’, mas a de Mato Grosso é a maior. Este projeto proporciona experiências interessantes tanto para adultos, quanto para crianças e adolescentes, pois desperta a curiosidade pela tecnologia, inovação e ciência, agregando diversão com conhecimento”, ressaltou o gestor.

Segundo a superintendente de Desenvolvimento Científico Tecnológico e de Inovação da Seciteci, Lectícia Figueiredo, a carreta contribui para despertar nas pessoas o interesse pela ciência e mostrar a importância de grandes descobertas da humanidade.

“Ao longo destes três anos a carreta vem se consagrando num poderoso instrumento de popularização da ciência, percorrendo quase 20 mil quilômetros, ao levar experimentos científicos para 22 cidades, sendo 20 em Mato Grosso, além da capital paulista e Campo Grande, oportunizando o conhecimento para milhares de pessoas”, disse.

A coordenadora de Popularização da Ciência da Seciteci, Marilene Passos, explica que neste ano, a carreta recebeu visitas presenciais somente de janeiro a março, quando iniciou a pandemia.

“Quando começou a pandemia, tivemos que nos readequar e por isso desde então o projeto tem sido apresentado virtualmente. Para o próximo ano a ideia é retomar as atividades presenciais, com os devidos cuidados, com um número reduzido de pessoas dentro da carreta, para evitar aglomerações, além de medir a temperatura dos visitantes, exigir o uso de máscara e álcool gel”, falou.

Além de toda a sociedade, excursões escolares e público em geral, a carreta já recebeu a visita do nosso governador, Mauro Mendes, secretários municipais e estaduais, prefeitos, deputados estaduais e federais, ministros, o presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB), entre outras autoridades.

A equipe do MT Ciências recebeu mensagens de diversas pessoas que participaram ativamente do projeto ou visitaram a carreta. Os vídeos foram publicados no Instagram do MT Ciências, quem quiser assistir aos depoimentos, pode acessar AQUI.

O projeto

A estrutura do projeto MT Ciências é composta por uma carreta com baú adaptado, dividida em quatro salas de visitação, com 22 instalações, relacionadas a biologia, física e matemática, como o gerador Van de Graaff, o tubo de kundt, um jogo de plasma e os painéis oculares com figuras da fauna e flora de Mato Grosso. Além de um escritório e um auditório.

A carreta ainda tem a representação do rio Cristalino, os biomas mato-grossenses, a bicicleta geradora de energia (que transforma energia cinética em energia elétrica), o painel de pinos e o túnel de espelho infinito.  

Na parte externa existem duas tendas infláveis, sendo uma com 10 experimentos e outra com as novas tecnologias, como óculos de realidade virtual, tablets, drone e impressora 3D.

Ainda integrando o circuito externo, tem o planetário digital que atrai os visitantes por proporcionar uma imersão nos vídeos projetados em 360º onde são abordados conceitos de astronomia.

Ao todo, são 32 instalações que tratam de temas do conhecimento multidisciplinar e sensibilizam os visitantes para a importância da ciência e da biodiversidade do Estado. 

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Governador e secretário de Saúde explicam novos procedimentos para testes rápidos no Centro de Triagem

Publicado


O governador Mauro Mendes e o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, concedem entrevista coletiva nesta terça-feira (26.01), às 8 horas, para falar sobre o número de pessoas já atendidas no Centro de Triagem da Covid-19 e sobre o aprimoramento no protocolo de atendimentos na Arena Pantanal, que passará a contar com um teste de detecção da Covid-19 mais moderno e eficaz.

Nesta segunda-feira (25.01), o Centro de Triagem da Covid-19 superará a marca de 100 mil atendimentos realizados durante a pandemia pelo coronavírus. 

Além desses assuntos, os gestores também divulgarão informações sobre a imunização dos trabalhadores da saúde que atuam no Centro de Triagem.

SERVIÇO

Governador e secretário de Saúde explicam novo procedimento para testes rápidos no Centro de Triagem Covid-19

Dia e horário: Terça-feira (26.01), às 8h

Local: Portão de entrada do Centro de Triagem Covid-19, na Arena Pantanal

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Aposentados e pensionistas de antes da separação do Estado devem fazer o censo do MT Prev

Publicado


Cerca de 600 aposentados e pensionistas por morte que tiveram o benefício concedido antes da divisão do Estado entre Mato Grosso, e Mato Grosso do Sul, que ocorreu em 1977, devem realizar o censo do Mato Grosso Previdência (MT Prev). O prazo para a realização do recenseamento vai até o dia 11 de junho, sob pena de suspensão do benefício para quem não se recadastrar. 

Faltando menos de cinco meses para o final do prazo, apenas 44 beneficiários que pertencem a este grupo começaram o procedimento presencial ou pela internet, mas apenas 10 concluíram. O principal motivo é a apresentação incompleta de documentos.

É importante que o beneficiário providencie os documentos solicitados, devidamente atualizados, antes de comparecer para o recenseamento presencial. Os documentos exigidos para os aposentados e pensionistas são diferentes. Clique aqui para conferir a lista completa de documentos.

Do total de 620 pessoas que fazem parte do Convênio MT/MS, 126 são aposentados, e 494 são pensionistas. A maioria destes beneficiários reside em Cuiabá, Várzea Grande e Campo Grande (MS).

Para ser atendido presencialmente, o procedimento deve ser agendado pelo site do MT Prev (www.mtprev.mt.gov.br) ou pelo telefone 0800.647.3633.

Excepcionalmente, o aposentado e pensionista que não mora nas cidades polo que disponibiliza atendimento presencial, ou que possui moléstia grave ou incapacidade de locomoção, poderá fazer o procedimento pela internet, por meio do site do MT Prev.

Calendário

Também está em andamento o atendimento presencial em oito cidades polo de Mato Grosso, para os beneficiários que residem nos municípios. 

Segue até o dia 8 de fevereiro o recenseamento dos aposentados que residem em Rondonópolis. O local de atendimento presencial é a Escola Estadual Major Otávio Pitaluga.

Em Tangará da Serra, os aposentados e pensionistas têm até o dia 10 de fevereiro para comparecer na Escola Estadual 29 de Novembro.

Já em Cuiabá, que atende além dos aposentados e pensionistas da Capital, os de Várzea Grande, o censo presencial vai até o dia 11 de junho, na sede da Controladoria Geral do Estado (CGE), localizada no Centro Político Administrativo (CPA).

Cáceres já teve o seu período de atendimento presencial encerrado.  Além destes quatro municípios, outras quatro cidades polo receberão equipes para realização do censo presencial: Alta Floresta, Barra do Garças, Sinop, e Vila Rica.

O calendário completo com as datas do censo presencial em cada cidade pode ser acessado clicando AQUI.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana