conecte-se conosco


Economia

Câmara e Senado fecham acordo para agilizar aprovação da MP da Eletrobras

Publicado


source
Relator da matéria no Senado, Marcos Rogério afirmou que não fará grandes alterações no texto aprovado pela Câmara
Marcos Oliveira/Agência Senado – 6.6.19

Relator da matéria no Senado, Marcos Rogério afirmou que não fará grandes alterações no texto aprovado pela Câmara

O relator da medida provisória que trata da  privatização da Eletrobras  no Senado, Marcos Rogério (DEM-RO), afirmou nesta terça-feira (15) que não fará muitas alterações no texto enviado pela Câmara dos Deputados em maio . A promessa acontece após negociações entre Rogério e o relator da matéria na Câmara, Elmar Nascimento (DEM-BA). 

Em conversa com jornalistas após reunião com Nascimento, Rogério afirmou que as mudanças não provocarão “ruptura nos pontos acrescidos pelos deputados” e manterá a “espinha dorsal” da proposta. No entanto, o senador não informou quais pontos serão alterados na MP. 

“Um ponto ou outro pode ser que haja modificação, mas a espinha dorsal daquilo que a Câmara dos Deputados aprovou a tendência deste relator é manter no seu relatório. E da mesma forma, aquilo que o Senado Federal está construindo a partir da colaboração, do conjunto dos senadores e senadoras, dentro dessa linha de entendimento”, disse Marcos Rogério. 

O acordo entre Câmara e Senado foi costurado às vésperas do fim da validade da MP, em 22 de junho . A medida é uma das prioridades da agenda econômica do governo federal, que pretende desafogar os cofres públicos com a venda de ações da estatal. Se concretizada, a União será responsável por 45% da Eletrobras. 

Você viu?

Em caso de aprovação pelo Senado e sancionada sem vetos pelo presidente Jair Bolsonaro, o governo federal deverá criar outra estatal para abrigar a Eletrobras Termonuclear e a Itaipu Binacional

Greve de trabalhadores 

Funcionários da Eletrobras entraram em greve nesta terça-feira (15) contra a privatização da estatal e o descumprimento do acordo coletivo de trabalho. Os empregados temem que a venda da empresa para a iniciativa privada provoque demissões em massa. 

Segundo o Sindicato dos Urbanitários, responsável pela manifestação, 70% dos trabalhadores da Eletrobras aderiram à greve que deve durar 72 horas. 

De acordo com os organizadores da paralisação, cerca de mil funcionários foram demitidos desde o início das discussões de privatização da Eletrobras. A preocupação dos trabalhadores é que o fim da influência política na empresa provoque mais uma onda de demissões e reduza os direitos de funcionários de autarquias do governo federal.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Confiança do comércio recua 6,2 pontos em novembro

Publicado


O Índice de Confiança do Comércio (Icom), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), teve queda de 6,2 pontos de outubro para novembro deste ano. Com isso, o indicador chegou a 88 pontos, em uma escala de zero a 200, o menor nível desde abril deste ano (84,1 pontos).

A confiança do empresário do comércio brasileiro caiu em relação tanto ao presente quanto ao futuro. O Índice da Situação Atual, que mede as avaliações sobre o momento atual, caiu 7 pontos e chegou a 88,3 pontos.

Já o Índice de Expectativas, que mede a confiança do empresariado no futuro, cedeu 5,1 pontos e atingiu 93,3 pontos.

“O cenário para os próximos meses não é muito animador, dado que a confiança dos consumidores ainda se encontra muito baixa, a inflação segue em alta, os juros subindo e o mercado de trabalho ainda reagindo gradualmente”, disse o pesquisador da FGV Rodolpho Tobler.

Edição: Graça Adjuto

Continue lendo

Economia

Saque-aniversário do FGTS antecipado? No Santander tem; confira as condições

Publicado


source
Banco Santander
Fernanda Capelli

Banco Santander

O Santander abre a partir desta segunda-feira (29) a antecipação do saque-aniversário do FGTS (Fundo de Garantia de Tempo de Serviço) para os correntistas. Na modalidade, o trabalhador pode retirar uma parte do fundo uma vez por ano, no mês de aniversário.

Segundo dados do banco, 200 mil correntistas optaram pela linha de crédito.

A taxa de juros no banco é de 1,69% ao mês. Para conseguir a liberação antecipada, a contratação deve ser feita de 150 a 365 dias antes do mês de nascimento do correntista, informa a Folha de São Paulo. 

O valor disponibilizado pelo banco depende do quanto o trabalhador possui na conta do fundo. 

Leia Também

Até agosto de 2021, foram realizados 10,2 milhões de saques, com média de R$ 787 por pessoa, segundo o Ministério da Economia.

Limite (em R$)                Alíquota                  Parcela Adicional (em R$) Até 500,00                       50,0%                        – De 500,01 até 1.000,00      40,0%                   50,00 De 1.000,01 até 5.000,00  30,0%                   150,00 De 5.000,01 até 10.000,00 20,0%                  650,00 De 10000,01 até 15.000,00 15,0%                1.150,00 De 15.000,01 até 20.000,00 10,0%                1.900,00 Acima de 20.000,01 5,0%                              2.900,00


Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana