conecte-se conosco


Curiosidades

Cadeirinha de bebê x extintor de incêndio: a bizarra briga no trânsito do Chile

Publicado

Extintor
Reprodução/Youtube

Imagens da bizarra batalha foram gravadas no trânsito da cidade de Santiago, no Chile

Uma das brigas de trânsito mais bizarras e inusitadas de todos os tempos aconteceu na última semana na cidade de Santiago, capital do Chile. O motorista de um carro usou uma cadeirinha de bebê para enfrentar o motorista de um ônibus, que escolheu um extintor de incêndio como sua arma para o combate.

Leia também: Corpo cai de avião e quase acerta homem que tomava sol em jardim

Imagens gravadas por uma pessoa que estava em um veículo próximo mostram o dono do carro abrindo o porta-malas e retirando o assento de criança para acertar o ônibus. Porém, ele é recebido por um potente jato de um extintor de incêndio disparado pelo adversário.

Ao longo de pouco mais de 50 segundos, a batalha se desenvolve da mesma forma: o homem acerta o ônibus com a cadeirinha de bebê e é atingido por vários jatos do extintor. Mesmo desorientado pela força dos disparos, e a quantidade de pó, o homem acaba voltando para tentar atingir o motorista do coletivo.

Leia Também:  Data limite de Chico Xavier é neste sábado; entenda

As causas do embate, que ocorreu em um trecho da avenida Kennedy, no bairro de Las Condes, são desconhecidas, mas o resultado final foi um vidro de ônibus estilhaçado e um motorista coberto de pó de extintor e com acessos de tosse.

Leia também: Veja como está o bebê que fumava mais de 40 cigarros por dia

Nas redes sociais, muitas pessoas fizeram piada com a inusitada batalha, afirmando que não se deve levar uma cadeirinha de bebê para uma briga de extintores . Outro comentário ressaltou a força de vontade do atacante, que foi atingido diversas vezes pelo jato do extintor e não esmoreceu.

Fonte: IG Curiosidades
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Curiosidades

Data limite de Chico Xavier é neste sábado; entenda

Publicado

Chico Xavier arrow-options
Divulgação

A história do médium mais famoso do Brasil virou filme em 2010

Em 1971, Chico Xavier, deu uma entrevista à extinta TV Tupi na qual afirmou que o dia 20 de julho de 2019 era a data limite para a humanidade passar por transformações profundas. “Se não entrarmos numa guerra de extermínio nos próximos 50 anos, então podemos esperar realizações extraordinárias da ciência humana, partindo da lua”, disse Chico no programa Pinga-Fogo.

Leia também: Família volta para casa após enchente e encontra tigre dormindo em cima da cama

Segundo Chico Xavier , quando o homem pisou na Lua, no dia 20 de julho de 1969, algumas entidades se reuniram no mundo espiritual e decidiram dar o prazo de 50 anos para a humanidade. Se ao fim deste período, não tivesse acontecido a Terceira Guerra Mundial, a Terra e seus habitantes viveriam uma nova era. 

Na época, a Guerra Fria ainda imperava no mundo e as tecnologias nucleares estavam se tornando cada vez mais desenvolvidas. Por isso, temia-se que em caso houvesse uma grande guerra ela resultaria na destruição completa do planeta.

Juliano Pozati, autor do livro “ Data Limite – Segundo Chico Xavier” e roteirista do filme de mesmo título, afastou em entrevista ao programa Pânico, da rádio Jovem Pan , a ideia da data limite de qualquer teoria da conspiração ou previsão de fim do mundo, como o “bug do milênio” ou o apocalipse. Segundo ele, “a data limite não tem a ver com o fim do mundo, e sim o começo de uma nova era”. O termo, aliás, sequer foi cunhado pelo médium

Leia Também:  Casal cai do 9º andar de prédio durante sexo na varanda em ‘festa selvagem’

Leia também: Francês de 72 anos atravessa Oceano Atlântico a bordo de tonel sem motor

No seu Facebook, Pozati disse que trata-se de “um marco de um processo de transição planetária, que nos convoca a nos conectar com novas energias para que enfim possamos descobrir o nosso protagonismo e papel na construção desse novo mundo”.

Na Jovem Pan , ele também explicou que “todo projeto tem fases, todas as fases têm metas, todas as metas têm data limite. Estamos movendo de uma fase da humanidade para outra”. “Existe um anseio pelo novo, existe um anseio por algo melhor e ao mesmo tempo existe uma fadiga dos paradigmas que nós estamos vivendo, que a gente vê que não funcionam mais”, completou.

Em defesa da teoria, o autor explica que Chico usou argumentos que na época foram considerados absurdos, mas que ao longo do tempo foram se confirmando. Um exemplo foi a obtenção de água no solo lunar, mencionada pelo médium em 1971 mas que só aconteceu em 2009. 

Leia também: “Monstro marinho” é encontrado no México; conheça o Regaleco

Leia Também:  Leoa morde e quase arranca braço de turista na África do Sul; assista

Para aqueles que acreditam nas previsões de Chico Xavier , é fato que mudanças profundas acontecerão, mas não está claro quais serão elas. Mesmo com a incerteza, o assunto vem sendo comentado ao longo de toda a semana no Twitter:







Mas há também quem vá além e misture a história com outras teorias:




Fonte: IG Curiosidades
Continue lendo

Curiosidades

Família volta para casa após enchente e encontra tigre dormindo em cima da cama

Publicado

tigre arrow-options
Reprodução

Família volta para casa após enchente e encontra tigre dormindo em cima da cama

Uma família do vilarejo de Harmuti, na regiao nordeste da Índia, teve uma enorme surpresa ao retornar para casa nesta quinta-feira (18) após uma monção que esvaziou a região. Ao regressarem à residência, eles se depararam com um tigre adulto dormindo em uma das camas.

Leia também: Francês de 72 anos atravessa Oceano Atlântico a bordo de tonel sem motor

As autoridades foram acionadas para retirar o animal da casa. O grupo India’s Wildlife Trust acabou sendo o responsável pela ação. “A intenção original era sedar o tigre para retirá-lo de lá, mas ele estava calmo e não precisados dos remédios”, informou Rohini Ballave Saikia, diretor do Parque Nacional de  Kaziranga .

Leia Também:  Criança de 4 anos é multada por andar de patins em praça de Veneza

De acordo com as autoridades, o felino provavelmente fugiu da reserva por conta das fortes chuvas. O parque de Kaziranga também ainda não encontrou veados, rinocerontes e outros grandes felinos. “Os animais procuram lugares mais altos durante as tempestades e esse tigre deve ter visto o quarto escuro e e fechado e resolveu entrar para se proteger”, explicou Saikia.

Fonte: IG Curiosidades
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana