conecte-se conosco


Entretenimento

Caco Ciocler nega demissão de funcionária e diz que suas redes foram invadidas

Publicado

Na tarde deste sábado (08) Caco Ciocler usou seu perfil no Twitter para falar sobre a troca de mensagens com uma internauta que o chamou de “macho nojento”.

Leia também: Caco Ciocler jovial em “Segundo Sol” e atores que viveram personagens mais novos


Caco Ciocler
reprodução / Twitter

Caco Ciocler

Segundo o ator da
Globo
, a mulher não foidemitida porque não era sua funcionária. “Acordei com uma avalanche de notícias e telefonemas, a imprensa querendo entender se eu tinha demitido uma funcionária minha. Ela nunca foi minha funcionária, não conheço esta pessoa”, disse, iniciou Caco Ciocler .

Leia também: Funcionária chama Caco Ciocler de “macho escroto” e ator a demite pelo Twitter

“Dirigi um filme com recursos próprios e alguns festivais internacionais se interessaram pelo filme. Liguei para o meu sócio para tentarmos encontrar alguém para fazer a legendagem do filme. Ontem, ele me ligou e disse que encontrou a pessoa. Falei: ‘Maravilha’”, continuou.

Em seguida, o ator da Globo contou que passou a sexta (07) na delegacia tentando resolver um problema de invasão em suas contas na web. “Passei o dia anterior inteiro na delegacia. Minha conta de telefone foi invadida e minha conta de e-mail. Cheguei em casa e fui fazer uma pesquisa e me deparei com o tuíte dessa pessoa que eu não conheço. Ela tem todo o direito de achar o que quiser de mim, mas a partir do momento em que ela publica isso numa coisa pública, me senti no direito não só de responder, como de dizer de maneira educada: ‘Não faz sentido você trabalhar infeliz, vá para sua balada’”, disse.

“Então, não a demiti, porque não é minha funcionária, como não a prejudiquei, porque ela tinha acabado de aceitar esse trabalho. Achei melhor dispensar a tempo de ela conseguir ir na balada”, declarou. Minutos depois, Caco contou ainda que a pessoa contratada para fazer as legendas não foi a mesma que reclamou nas redes sociais. “O mais curioso é que liguei para meu produtor e ele disse que não foi essa pessoa que ele contratou para legendar o filme”.

Leia também: Walcyr Carrasco exagera em “A Dona do Pedaço”, mas trama tem potencial

Atualmente Caco Ciocler se dedica ao filme “Partida”, longa que conta a história de uma atriz que sonha se tornar presidente e vai atrás do uruguaio José Mujica em busca de inspiração.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entretenimento

Nego do Borel mostra ferimento grave no pé após acidente de moto

Publicado


source

Nego do Borel falou sobre  o acidente de moto e mostrou como estão os ferimentos dele. O funkeiro fez uma live com a namorada Duda Reis e contou como está a recuperação. “‘Foi muito feio”, o cantor falou e mostrou para o público a cicatriz que ele ganhou no pé esquerdo. 

Nego do Borel
Reprodução/Instagram

Nego do Borel mostra os ferimentos após acidente de moto

No último dia 6, o funkeiro teve que ir ao hospital após um acidente de moto. Ele se acidentou no condomínio onde mora na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. Nego do Borel foi ajudado pelo sogro , com  quem vivia uma briga pública até então, e teve que passar por uma cirurgia. 

Atenção: imagem forte

Cicatriz de nego do borel
Reprodução/Instaram

Nego do Borel mostra cicatriz


Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Entretenimento

Morre de câncer mulher conhecida pelo meme “bêbada de Curitiba”

Publicado


source

Stephany Rosa da Silva ficou conhecida na internet em 2012, quando foi parada pela Lei Seca por dirigir embriagada, e deu uma entrevista para televisões. Ela falou a frase “tô triste, tô triste, não estou feliz” e ficou conhecida após viralizar na internet como a “bêbada de Curitiba”. Segundo jornais locais, ela morreu na madrugada da última segunda-feira (13) por conta de um câncer

Stephany Rosa
Reprodução/Instagram

Morre Stephany Rosa, que ficou conhecida pelo meme “Bêbada de Curitiba”

A jovem, que estava com 30 anos de idade, batalhava contra o câncer desde 2018. Em sua última postagem feita no Facebbok, de um mês atrás, ela contou que estava abrindo uma vaquinha online para arcar com os custos do tratamento. “Resisti em pedir ajuda financeira, mas agora, sem perspectiva de eficácia do tratamento na medicina tradicional, estou atrás de alguns recursos da medicina alternativa, bem como uma cuidadora”, escreveu Stephany na rede social. 

Ela trabalhava como consultora de cosméticos e tinha uma página no Instagram na qual falava sobre autocuidado. O velório será no cemitério Santa Cândida, em Curitiba. 

Abaixo, relembre o vídeo pelo qual Stephany ficou famosa:


Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana