conecte-se conosco


Nacional

Bruno Covas está liberado para fazer segunda sessão de quimioterapia

Publicado

Bruno Covas arrow-options
Reprodução/Facebook

Boletim médico diz que prefeito tem “boas condições clínicas”.

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), passará nesta terça-feira pela segunda sessão de quimioterapia para tratar de um câncer no aparelho digestivo. Boletim médico divulgado nesta segunda-feira informou que Covas apresenta “boas condições clínicas” e que os coágulos detectados em exames anteriores estão sob controle.

Leia também: TJ do Rio de Janeiro libera advogados da obrigatoriedade de terno no verão

A sessão de quimioterapia dura cerca de 30 horas. A primeira de três prescritas pela equipe médica foi realizada no último dia 29. O intervalo entre elas é de duas semanas. Até o fim do mês, o prefeito deverá ser submetido à terceira aplicação do tratamento.

“Os trombos estão sob controle e já diminuíram, por isso a medicação anticoagulação, que era por via intravenosa, passou a ser administrada por via subcutânea”, comunicou a equipe médica em boletim nesta tarde.

Covas está internado desde o último dia 23 no Hospital Sirio-Libanês, na capital paulista. Ele deu entrada no hospital com um quadro de erisipela, que evoluiu para trombose e embolismo pulmunar. Na busca de um diagnóstico mais aprofundado sobre as complicações, os médicos descobriram um câncer no aparelho digestivo com lesões no sistema linfático e no fígado.

Leia também: Universitária é agredida com soco pelo ex na frente do filho recém-nascido 

A permanência de Covas no hospital deve-se ao tratamento para controlar o quadro de trombose e não pelo diagnóstico de câncer. A formação de coágulos é um quadro comum em pacientes com câncer, segundo o diretor de Promoção de Saúde Cardiovascular da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Fernando Costa.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Nacional

Sábado com céu limpo em São Paulo mas temperatura permanece fria

Publicado


source
sp
Guilherme Cunha/SMTUR

Sede da Prefeitura de São Paulo


Tempo limpo e frio durante todo o dia marcam a previsão do tempo deste sábado (10), na capital paulista. A temperatura permanecerá quente. O Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE) divulgou que a mínima será de 13ºC e a máxima de 26ºC.

Leia também: Homem bêbado ataca madrasta com golpe de frango congelado na cabeça

Não há previsão de chuva para este sábado. A umidade do ar em São Paulo oscila entre 32% e 90%.

Continue lendo

Nacional

No Brasil, Covid-19 já matou o dobro que a gripe espanhola em 1918

Publicado


source
Sepultamentos no Cemitério Nossa Senhora Aparecida
Alex Pazuello/Semcom

Gripe espanhola causou a morte de um terço da população mundial entre 1918 e 1920


Nesta sexta-feira (10), o Brasil ultrapassou a marca de 70 mil óbitos causados pela Covid-19 . O número corresponde ao dobro de mortes causadas pela gripe espanhola no país, entre 1918 e 1920. Estima-se que 35 mil pessoas faleceram na época.


Segundo o levantamento de hoje, foram registrados ainda 1.214 vítimas fatais nas últimas 24 horas. O país ultrapassou ainda a marca de 1,8 milhão de casos do novo coronavírus (Sars-Cov-2).

Segundo o IBGE, a população do Brasil na época da gripe espanhola era de 28 a 30 milhões.

A gripe espanhola é conhecida por ter erradicado 2,7% da população de todo mundo. Segundo a Biblioteca Nacional dos Estados Unidos, morreram 50 milhões de pessoas em decorrência da doença. Cerca de 500 milhões de pessoas foram infectadas, ou seja, um terço do mundo.

A Covid-19 já registrou, desde o início da pandemia , 12.128.406 casos no mundo todo; 551.522 pessoas faleceram.

A gripe espanhola aconteceu paralelamente à Primeira Guerra Mundial, que deixou cerca de 15 milhões de pessoas mortas.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana