conecte-se conosco


Política Nacional

Bolsonaro: espero que não desidratem a reforma nos destaques

Publicado

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (11) que não tem muita influencia sobre a votação dos destaques da reforma da Previdência, que foi retomada no fim da tarde pelo plenário da Câmara dos Deputados, mas espera que o texto-base aprovado não seja “desidratado” pelos parlamentares. 

“Em grande parte, o destino final dessa PEC (Proposta de Emenda à Constituição), que se tornará uma Emenda à Constituição, cabe ao parlamento brasileiro. Eu pouco influencio no momento. Espero que ela não seja desidratada e, se porventura tiver algo a ser corrigido, que o façam agora via destaques”, afirmou a jornalistas, após participar, em Brasília, da posse do novo diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), o delegado da Polícia Federal Alexandre Ramagem Rodrigues.

Bolsonaro classificou como  “vitória do Brasil” a aprovação da reforma da Previdência, em primeiro turno, no plenário da Câmara dos Deputados na noite de ontem e que seria um caos para o país se a medida não tivesse avançado. “Gostaria que não fosse necessário fazê-la. A esquerda acusa a gente que o pessoal vai trabalhar mais, ganhar menos, um montão de coisa. Em parte, eles têm até razão, mas se não fizer a reforma, ninguém vai ter aposentadoria e quem está recebendo corre o risco de não receber no futuro por problema de caixa”. 

Leia Também:  Comissão mista aprova MP da regularização ambiental

Barragem na Bahia

Na entrevista, o presidente comentou o rompimento parcial de uma barragem na divisa da Bahia com Sergipe. Segundo ele, o governo federal está pronto para colaborar com as prefeituras locais. “Não temos como conter a onda nas duas cidades, uma já foi atingida, e a outra está na iminência. O governo está à disposição dos prefeitos locais para tomar alguma providência”, disse. 

Prisão na Espanha

Bolsonaro disse que a Abin deverá colaborar na investigação do caso do sargento preso no final de junho ao transportar drogas em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB).O militar foi preso no dia 25 de junho, na cidade de Sevilha, com 39 quilos de cocaína, quando passava pelo controle alfandegário. Ele partiu do Brasil em missão de apoio à viagem presidencial ao Japão para a reunião do G20, integrando a tripulação que ficaria em Sevilha. O sargento foi acusado pelas autoridades espanholas por crime contra a saúde pública, categoria em que se encontra o tráfico de drogas.

Leia Também:  Comissão debate volta do sarampo e ações do governo para conter a doença

“Não é apenas punir o responsável por esse ato. é buscar a origem disso tudo, sabemos que é difícil. vamos fazer o possível da nossa parte, elucidar o caso, evitar que no futuro isso não aconteça de novo”, disse.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Política
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política Nacional

Frota lembra ‘dia da facada’ e questiona:”Adélio foi incompetente ou distraído?”

Publicado

source
Frota arrow-options
Reprodução/Twitter

Alexandre Frota, Bolsonaro

No início da manhã deste sábado (16), o deputado federal Alexandre Frota voltou a lembrar o episódio da facada que o presidente Bolsonaro sofreu antes das eleições de 2018. Em enquete no seu perfil oficial no Twitter, ele questiona se Adélio Bispo foi incompetente ou distraído.

Em cerca de seis horas, a publicação de Frota já havia recebido mais de 3 mil votos. Destes, cerca de 77% votaram na opção ‘incompetente’.

Na última semana, o deputado já havia falado de Adélio nas redes sociais, ao afirmar que a história dele iria virar um filme: “Uma das maiores produtoras do Brasil está negociando os direitos autorais. O Nome para viver Adélio está sendo negociado com dois nomes da TV”.

A enquete acabou dividindo opiniões e foi bastante criticada. Nos comentários, muitos aproveitaram para marcar o perfil do presidente e de instituições, como o MPF, a PF e a AGU, além de lamentar o que chamaram de ‘incitação à violência’ por parte de Frota .

Leia Também:  Senado participa da Bienal do Livro de Pernambuco

Veja algumas das reações





Fonte: IG Política
Continue lendo

Política Nacional

Doria lança campanha de turismo para atingir 350 milhões de pessoas no mundo

Publicado

source

IstoÉ

O governador de São Paulo, João Doria, lançou nesta sexta-feira 15 a mais audaciosa campanha internacional de turismo já feita pelo País, com o objetivo de atrair mais visitantes para o estado. O projeto é integrado por um comercial feito pelo governo de São Paulo que estará no ar em todos os canais da CNN no mundo, podendo atingir 350 milhões de telespectadores. Doria destaca que o mais importante é que “toda a campanha foi financiada pelo setor privado, o que prova a credibilidade do governo de São Paulo junto à iniciativa privada. É uma das ações mais eficientes para dinamizar o turismo em São Paulo”, diz o governador.

Leia também: “Queremos que Lula volte para a cadeia”, diz João Doria

João Doria (PSDB)%2C governador de São Paulo arrow-options
Governo do Estado de São Paulo

João Doria (PSDB), governador de São Paulo


Leia também: “Sou contra e não vou me candidatar”, diz Doria sobre reeleição

A nova campanha, que está prestes a entrar no ar, foi custeada pelas companhias aéreas brasileiras. Ao custo de R$ 4 milhões, a campanha foi negociada entre o governo paulista e o setor privado, após a diminuição de impostos nos combustíveis da aviação. A campanha tem o título de “SP for Everyone” e irá ao ar, basicamente, pelos canais da CNN em rede mundial, com abrangência em 180 países. Ela começa a ser divulgada no próximo dia 16 e coloca São Paulo em um patamar acima da atração do turismo para o país.

Leia Também:  ‘Morri’! Assessor de Flávio Bolsonaro faz piada com morte de Marielle Franco

Assista ao vídeo da campanha

Leia também: “Queremos que Lula volte para a cadeia”, diz João Doria

Fonte: IG Política
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana